Super-vulcões podem explodir a qualquer momento

Davis Longhitano / Flickr

-

Super-vulcões como o Yellowstone, nos Estados Unidos, podem entrar em erupção sem terramotos ou outros factores externos, indica um estudo realizado por especialistas suíços, publicado na revista Nature Geoscience.

O imenso volume de magma seria suficiente para causar uma super-erupção catastrófica, de acordo com uma experiência realizada no Laboratório Europeu de Radioatividade de Sincrotron (ESRF, na sigla em inglês), com sede em Grenoble, na França.

Poder simular o calor e pressão intensos desses “gigantes adormecidos” poderia ajudar a prever um desastre futuro, segundo os cientistas, indica a BBC.

“Nós sabíamos que o tempo estava a passar, mas não sabíamos o quão rápido: o que seria preciso para desencadear uma erupção?”, indaga Wim Malfait, pesquisador-chefe da ETH, uma universidade de tecnologia e ciências naturais, em Zurique.

“Agora sabemos que não precisamos de nenhum factor extra. Um super-vulcão pode entrar em erupção simplesmente devido ao seu enorme tamanho”, acrescentou.

“Uma vez que a lava está derretida o suficiente, a erupção pode começar num estalar de dedos.”

Efeitos devastadores

Há cerca de 20 super-vulcões na Terra, entre os quais o Lake Toba, na Indonésia e Lake Taupo, na Nova Zelândia.

Super-erupções ocorrem raramente, geralmente uma vez em cada cem mil anos. Mas quando ocorrem, o efeito é devastador para o clima e para a ecologia do planeta.

Quando um super-vulcão entrou em erupção há 600 mil anos no Estado de Wyoming, onde fica hoje o Parque Nacional de Yellowstone, expeliu mais de mil quilómetros cúbicos de cinzas e lava na atmosfera – o suficiente para enterrar uma cidade grande a alguns quilómetros de profundidade.

“É possível comparar a erupção ao impacto de um asteróide. O risco de que possa acontecer a qualquer momento é pequeno, mas quando acontece as consequências são catastróficas”, afirma Malfait.

Entender o que desencadeia uma mega-erupção continua a ser uma questão difícil de responder.

Um mecanismo possível pode ser o aumento da pressão sobre a câmara magmática gerada pelas diferenças entre a densidade do magma e das rochas que a rodeiam.

“O efeito é similar ao segurar uma bola de futebol debaixo de água. Quando se solta a bola, ela sobe, impulsionada pela densidade da água”, explica o cientista.

Mas ainda não se sabe se só este efeito é suficiente. É possível que um gatilho adicional, como uma injecção repentina de magma, uma infusão de vapor de água ou um terramoto também seja necessário.

Simulação
Para simular a intensa pressão e o calor na caldeira de um super-vulcão, os investigadores visitaram o ESRF em Grenoble, onde usaram uma estação experimental.

Os investigadores preencheram uma cápsula de diamante com magma sintético e a borbardearam com raios-X para aumentar a pressão e avaliar as mudanças causadas no seu interior.

BBC

Cápsula de diamante usada na experiência

Cápsula de diamante usada na experiência

“Quando medimos a diferença de densidade entre os magmas líquido e sólido, pudemos calcular a pressão necessária para provocar uma erupção espontânea”, disse Mohamed Mezouar, cientista da ESRF.

“Recriar as condições na crosta terrestre não é tarefa fácil, mas com os meios correctos é possível manter o magma líquido estável em até 1,7 milºC.”

A experiência mostrou que a transição de magma sólido para líquido cria uma pressão que pode provocar rachaduras em mais de dez quilómetros da crosta terrestre acima da câmara do vulcão.

“A penetração do magma nas rachaduras eventualmente chegam à superfície terrestre. E à medida que sobe, expande violentamente, causando uma explosão,” explicar Carmen Sanchez-Valle, da ETH .

A boa notícia é que se um vulcão como o Yellowstone estiver à beira da erupção, emitirá um alerta, tranquilizou Malfait.

“O solo provavelmente seria elevado em centenas de metros”, afirmou, acrescentando que os cientistas acreditam que o vulcão actualmente tem entre 10 e 30% de magma parcialmente derretido.

“Para que a pressão fosse suficiente para causar uma erupção, seria necessário que esse índice fosse de 50%.”

ZAP // BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Ex-aliada de Bolsonaro denuncia grupo difusor de notícias falsas ligado ao Presidente

A deputada brasileira Joice Hasselmann, ex-líder do Governo de Jair Bolsonaro no congresso, denunciou na quarta-feira a atuação de um grupo difusor de "fake news" (notícias falsas) ligado ao atual Presidente, Jair Bolsonaro, e que …

Banco BiG: EUA e China vão chegar a acordo, mas não será duradouro

No "Outlook" para 2020, os analistas do banco BiG defendem que será improvável que Estados Unidos e China cheguem a um consenso suficiente para reverter as taxas aduaneiras impostas. De acordo com os analistas do banco …

Alemanha expulsa dois diplomatas russos. Rússia vai tomar medidas

Dois diplomatas russos, acusados pelo Ministério Público alemão de falta de cooperação na investigação de um homicídio, foram expulsos da Alemanha. A Rússia já reagiu e avisou que tomará medidas. Esta quarta-feira, a Alemanha expulsou "com …

Segurança Social demora quase cinco meses a pagar pensões

Em 2018, os beneficiários da Segurança Social tiveram de esperar, em média, 147 dias - cerca de cinco meses -, entre o dia que se aposentaram e o momento que começaram a receber a pensão …

Empresas fechadas e 28 mil despedimentos. Setor têxtil pode atravessar crise

Até 2025, a indústria têxtil em Portugal pode ver um terço das empresas a fecharem e 28 mil trabalhadores a serem despedidos. Este é o pior cenário equacionado no setor nos próximos anos. O setor da …

Ministério Público arquiva queixa de Aguiar-Branco contra Ana Gomes por difamação

Aguiar Branco tinha levantado um processo de difamação a Ana Gomes por declarações sobre alegadas ligações entre o seu escritório de advogados e o grupo Martifer. O Ministério Público (MP) arquivou a queixa apresentada pelo ex-ministro …

66 louvores a funcionários. Centeno é o ministro mais "agradecido" de todo o Governo

Mário Centeno e os seus secretários de Estado publicaram em Diário da República 66 louvores. O seu gabinete garante que não há qualquer significado político associado - nem mesmo uma despedida anunciada. O louvor é dado …

Os glaciares da Nova Zelândia estão a mudar de cor

À medida que o Hemisfério Sul entra no verão, acontece uma temporada catastrófica de incêndios florestais na costa leste da Austrália. Há casas destruídas, coalas a morrer e um fumo espesso que cobre o estado …

Não se irrite. Fisco vai comunicar de forma mais clara

A Autoridade Tributária e Aduaneira vai lançar um serviço de apoio e defesa ao contribuinte que usará uma linguagem mais simples e clara. A alteração é inspirada num modelo britânico. A Autoridade Tributária e Aduaneira vai …

Juiz Rui Rangel justificou ganhos com direitos de autor de programa televisivo

O juiz afirmou, perante o plenário do Conselho Superior da Magistratura, que os ganhos fora da magistratura correspondiam a direitos de autor de um programa na televisão. O juiz Rui Rangel, que foi demitido da magistratura esta …