Subida do salário mínimo dá mais 31 euros líquidos aos trabalhadores. Estado ganha 25 milhões

Manuel De Almeida / Lusa

O primeiro-ministro António Costa e o ministro das Finanças Mário Centeno.

A subida do salário mínimo para 635 euros em 2020, uma proposta apresentada pelo Governo aos parceiros sociais, vai traduzir-se num aumento líquido de 31,15 euros por mês para os trabalhadores. Já o Estado pode arrecadar cerca de 25 milhões de euros com a medida.

Estas são as contas da consultora EY que prevê que as empresas vão aumentar as suas despesas em 355 milhões de euros anuais com a medida do Governo, como reporta a TSF, enquanto o Estado vai arrecadar 25 milhões de euros.

O novo valor do salário mínimo nacional (SMN), que entra em vigor a partir de 1 de Janeiro de 2020, não trará qualquer implicação a nível do IRS já que quem o recebe continuará isento deste imposto, tendo apenas de descontar os 11% de contribuições para a Segurança Social.

Tal como sublinha Nuno Alves, senior manager da EY, “com o aumento proposto estes contribuintes ainda não pagam IRS”, uma vez que, de acordo com o Código deste imposto, da aplicação das taxas do IRS “não pode resultar, para os titulares de rendimentos predominantemente originados em trabalho dependente”, “a disponibilidade de um rendimento líquido de imposto inferior a 1,5 x 14 x (valor do Indexante de Apoios Sociais)”.

Desta forma, e descontando o acréscimo de 3,85 euros nos descontos para a Segurança Social, a passagem do SMN dos actuais 600 euros para 635 euros irá fazer com que cada pessoa receba mais 31,13 euros líquidos no final do mês (um aumento de 5,83%).

Em termos anuais, e tal como mostra um conjunto de simulações realizadas pela EY, a alteração da remuneração mínima vai aumentar em 490 euros o montante bruto pago a cada pessoa, sendo que em termos líquidos o aumento será de 436 euros.

Com o salário mínimo fixado nos 600 euros, o desconto para a Segurança Social a cargo dos trabalhadores é de 66 euros por mês (924 euros por ano). Já com o novo valor de 635 euros, aquele encargo passará para os 69,85 euros mensais (977,90 euros anuais).

O Estado vai, assim, ganhar por cada trabalhador abrangido pela medida mais 170,28 euros anuais em contribuições para a Segurança Social, amealhando uma receita total de 129 milhões de euros.

Do lado das empresas, as mesmas simulações mostram que a actualização do SMN irá fazer com que o encargo mensal por trabalhador (que inclui o pagamento do salário mensal mais os 23,75% por conta da TSU – Taxa Social Única) aumente dos actuais 742,5 euros para 785,81 euros.

Em termos anuais, a empresa pagará mais 490 euros a cada trabalhador e mais 116,38 euros de TSU à Segurança Social. No total, as despesas aumentam mais 355 milhões de euros por ano para as empresas.

O aumento da factura das empresas que têm trabalhadores a auferir o salário mínimo será, porém, suavizado do lado do IRC, já que a subida do encargo com as remunerações é acompanhada por um aumento da poupança fiscal em sede do imposto sobre o rendimento das pessoas colectivas.

De acordo com os cálculos da EY, tendo por base o universo de 755.900 pessoas que auferem o SMN (cuja denominação oficial é Remuneração Mínima Mensal Garantida – RMMG) e o novo valor de 635 euros, a poupança fiscal em sede de IRC para as empresas irá ascender em 2020 a 1,87 mil milhões de euros, traduzindo um aumento de 103,13 milhões de euros face ao valor de 2019.

Esta simulação assume uma taxa de IRC de 21% e de derrama municipal de 1,5%.

Contabilizando os ganhos com a subida do SMN e as perdas em IRC, o Estado ficará com um saldo positivo de 25 milhões de euros fruto da medida.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Confesso que acho alguma piada a tudo isto. O Governo quer fazer boa figura e apoiar os mais necessitados. Vai daí aumenta o SMN. A questão que se coloca é: e porque não aumentar também o IAS se de facto pretende ver melhorada a vida dos mais necessitados?
    Isto só demonstra que isto é tudo muito lindo desde que seja o privado a suportar. Quando é o público pára tudo.
    Enfim, governo de tolos para gente tola

  2. É normal o A Costa tapar a boca com as mãos quando não fala. Se, estiverem atentos quando ele fala é fácil perceber. Com que então a economia está a abrandar. Claro que vai piorar e quando chegar ao insuportável os geringonças vão culpar o Governo Passos Coelho ou a extrema direita que está a surgir. Se, a extrema direita está a surgir, era bom que o A Costa tirasse a mão da boca e explicasse o porquê.

  3. Eu logo vi ! O governo é sempre muito lampeiro a estabelecer as subidas do ordenado mínimo (que é justo, diga-se): 1º – o dinheiro é dos outros (dos empresários e não do estado) 2º – O governo ainda recebe de volta uns milhões. Este gajos não dão ponto sem nó. Não se fartam de sacar ! Continuam com a maior receita fiscal de sempre. É caso para perguntar: quando pensam começar a baixar essa enormidade dos impostos?

  4. Que venha a extrema direita, para começar a equilibrar as coisas. Com um governo das esquerdas, as coisas estão a ficar borradas.

  5. O melhor é não dar os 31,00€ aos trabalhadores do privado para o governo não arrecadar os 25 milhões! Aliás o ordenado minimo devia desde logo ter ficado como estava e assim o o patronato estaria agora com mais uns milhões. Estaria? É que se os trabalhadores tiverem dinheiro compram mais, (pão, leite, batatas, carne, peixe, vestuário, se calhar até passam a poder ir ao dentista), logo, os negócios fluem e a carga fiscal sobe. Ganham todos. Mas parece que há muito por aqui quem tenha a barriga cheia mas só estará feliz se o vizinho estiver a passar fome!
    É que estes Não se fartam de sacar, As coisas estão borradas, Afonso Marques, E eu votei em branco, pensam que o povo é todo parvo!

RESPONDER

Disney+ alerta para estereótipos racistas. Filmes clássicos com avisos sobre "maus tratos"

Embora já exibisse mensagens padrão desde o ano passado, a nova plataforma de vídeo Disney+ mostra agora um aviso, que não pode ser passado à frente, no início de vários filmes clássicos - como Dumbo …

Curados da covid-19 continuam com sintomas meses depois de terem contraído o vírus

Um estudo da Universidade de Oxford indica que 64% dos pacientes hospitalizados com o novo coronavírus apresenta falta de ar 2 a 3 meses depois de serem infetados. E quase 40% tem sintomas de depressão. Já …

Portugal vai estar no Mundial sub-20 (sem jogar o apuramento)

Todas as fases do Europeu sub-19 foram canceladas e a seleção portuguesa foi uma das eleitas para participar no Mundial do próximo ano. Portugal já sabe que vai estar na fase final do Mundial sub-20 (se …

Novos implantes cardíacos podem salvar 10 mil vidas por ano

O chamado envelope antibiótico envolve o implante cardíaco e previne infeções no paciente. Por ano, morrem cerca de 10 mil pessoas devido a infeções geradas pelo implante. O pacemaker é um pequeno aparelho que é colocado …

Banda dá concerto com músicos e público envoltos em bolhas de plástico para evitar contágio

A banda norte-americana Flaming Lips utilizou bolhas insufláveis ​​de tamanho humano num concerto em Oklahoma, uma solução para proteger os músicos e o público do novo coronavírus, enquanto tenta encontrar uma forma segura para atuar …

EUA. Especialista diz que as próximas semanas "vão ser as mais negras de toda a pandemia"

Um especialista em doenças infecciosas disse que no caso dos Estados Unidos, as próximas seis a 12 semanas vão ser as mais negras de toda a pandemia de covid-19. Michael Osterholm, diretor do Centro de Investigação …

Chelsea inscreve... Petr Cech

Antigo guarda-redes poderá voltar aos relvados nesta época, embora seja pouco provável, para já. Petr Čech entrou em campo pela última vez em maio de 2019, há quase um ano e meio. Já tinha anunciado a …

Disparos de satélites e naves do Star Trek? Relatório revela como seria uma guerra no Espaço

A criação da Força Espacial dos Estados Unidos evocou todos os tipos de noções fantasiosas sobre o combate no Espaço. Assim, um novo relatório explica o que é física e praticamente possível quando se trata …

Japão prepara-se para lançar água tratada de Fukushima no mar

O Japão vai libertar mais de um milhão de toneladas de água tratada da usina nuclear de Fukushima no mar, numa operação que levará cerca de 30 anos para ficar concluída. Ambientalistas e pescadores locais …

Turismo de mergulho? Submarino da "frota perdida" de Hitler aguarda o seu destino no fundo do Mar Negro

Coberto por “redes fantasmas” deixadas por pescadores, os destroços de um submarino U-20 enviado para o Mar Negro pela Alemanha nazi tornou-se recentemente tema de um documentário produzido na Turquia. Localizado a uma profundidade de 20 …