Subida de preços já chegou à periferia de Lisboa: valor das casas sobe mais de 40%

Lisboa continua a ser a cidade com as casas mais caras do país, mas a subida de preços na periferia tem sido mais expressiva.

A Lisboa ninguém lhe tira o título de cidade com as casas mais caras do país. Ainda assim, o Diário de Notícias adianta que, desde os valores mínimos de 2013, o valor da habitação sobre muito mais depressa na periferia do que propriamente na capital.

Em Odivelas, Amadora, Oeiras e Almada, os bancos aumentaram em mais de 45% a avaliação que fazem dos imóveis residenciais, sendo que o ritmo de subida é mais do dobro da média nacional, que se situa e20% no mesmo período.

Também em Almada e Cascais o valor que os bancos atribuem às casas sobe mais do que 40%, enquanto que na cidade de Lisboa essa valorização é de 24,5%, de acordo com os cálculos do Dinheiro Vivo, com base em dados divulgados esta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

Todavia, apesar e a subida ser muito mais expressiva na periferia, as avaliações estão ainda longe das registadas no concelho de Lisboa. Os bancos dão um valor médio de 2216 euros por metro quadrado na capital, ou seja, quase o dobro da média nacional (que em julho bateu um novo recorde nos 1187 euros).

O jornal adianta ainda que no resto da área metropolitana, só Oeiras e Cascais ultrapassam a fasquia dos dois mil euros. Em Almada e na Amadora, a média fica 30% abaixo do verificado em Lisboa.

Enquanto que para uma casa de cem metros quadrados a avaliação média é de menos de 160 mil euros naqueles dois concelhos, em Lisboa é de 221.600 euros.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Estado emprestou dois milhões à Cruz Vermelha para pagar salários

A Parpública SGPS emprestou dois milhões de euros ao Hospital da Cruz Vermelha, nomeadamente para fazer pagamento de salários. A Parpública SGPS, holding tutelada pelo Ministério das Finanças, libertou dois milhões de euros para permitir ao …

Ex-ministro francês François Bayrou acusado de cumplicidade na apropriação de fundos

O ex-ministro francês François Bayrou, dirigente centrista e próximo de Emmanuel Mácron, foi acusado na sexta-feira por "cumplicidade na apropriação indevida de fundos públicos" no caso dos assistentes parlamentares do seu partido. A acusação, "anunciada antecipadamente …

"Profundamente envergonhada", Merkel visitou Auschwitz pela primeira vez

A chanceler alemã, Angela Merkel, visitou esta sexta-feira pela primeira vez o campo de concentração e extermínio de Auschwitz-Birkenau num "sinal de reconciliação com os judeus e o estado de Israel", considera o historiador René …

Capital do Natal de Algés avança com queixa-crime contra promotores

A organização da Capital do Natal, evento que decorre em Algés, Oeiras, vai apresentar uma queixa-crime contra os promotores turísticos que "adulteraram a oferta do parque", o que defraudou "um conjunto alargado de pessoas". Em causa …

Menino de 5 anos convidou todos os colegas do infantário para assistir à sua adoção

Um menino de cinco anos de Michigan, nos Estados Unidos, convidou a sua turma do infantário para testemunhar à sua adoção legal. A criança, identificada como Michael, foi adotada formalmente pela sua nova família na passada …

TDT vai mudar de frequência (outra vez)

A frequência da Televisão Digital Terrestre (TDT) está a ser alterada de forma faseada, o que significa que os portugueses que usem este serviço gratuito de televisão têm de sintonizar novamente os seus recetores e/ou …

Ruas de Águeda entre as "mais bonitas do mundo" para a CNN

As ruas do centro de Águeda, no distrito de Aveiro, decoradas com guarda-chuvas estão entre as 21 mais bonitas de mundo para a emissora norte-americana CNN. A distinção é avançada pelo jornal Público, que dá …

Hospitais vão poder pagar mais a médicos para garantir urgências no Natal

Os hospitais vão poder contratar médicos prestadores de serviço, vulgo tarefeiros, por valores superiores aos de referência durante o Natal e o Ano Novo. De acordo com o presidente da Federação Nacional dos Médicos, Noel Carrilho, …

Jovem que abandonou bebé no lixo esteve 13 anos institucionalizada em Cabo Verde

A jovem que abandonou o filho recém-nascido no lixo, em Lisboa, esteve institucionalizada durante 13 anos em Cabo Verde. A sua mãe está agora a lutar pela guarda da criança. Numa entrevista ao programa Sexta às …

Último debate. Boris defendeu o Brexit e Corbyn falou da Saúde (pelo menos 15 vezes cada um)

No debate televisivo, transmitido pela BBC, o último antes das eleições da próxima quinta-feira, Boris Johnson defendeu que é o melhor preparado para concretizar o Brexit e terminar com o impasse no processo, prometendo ainda …