Sporting vs Marítimo | Leões defendem título com vitória

Tiago Petinga / Lusa

O Sporting entrou da melhor forma na defesa da Taça da Liga em futebol, título conquistado na época passada, ao receber e vencer o Marítimo, por 3-1, em jogo da primeira jornada do Grupo D.

Um ‘bis’ de Bruno Fernandes, aos 54 (grande penalidade) e 63 minutos, depois de Raphinha ter inaugurado o marcador, aos 26, consolidou o triunfo dos ‘leões’. Jorge Correa marcou para os insulares, aos 61, perante os 29.573 espetadores presentes no Estádio José Alvalade.

O Sporting entrou em campo praticamente com o mesmo ‘onze’ inicial que tem apresentado. José Peseiro apenas deixou de fora Ristovski (no banco de suplentes) e Nani, que tem treinado condicionado, tendo chamado Bruno Gaspar e Jovane Cabral, para os respetivos lugares.

Do lado do Marítimo, apesar do jovem João Tentúgal figurar na ficha de jogo como titular, o treinador Cláudio Braga acabou por colocar em campo Rodrigo Pinho. Destaque também para o regresso de Danny a Alvalade, depois de ter representado o Sporting em 2001/02 e 2003/04.

Melhor na posse de bola e nas transições para o ataque, o Sporting assumiu as despesas do jogo e cedo se percebeu que o ‘nó’ defensivo montado pelo Marítimo iria ser desatado com ataques pelos flancos, cabendo a Raphinha e Jovane Cabral ter nos pés a chave do sucesso.

Depois de uma primeira tentativa, aos 11 minutos, Raphinha acabou por estrear-se a marcar com a camisola dos ‘leões’, aos 26. Jovane Cabral recuperou a bola, passou para Bruno Fernandes, que abriu para o ex-jogador do Vitória de Guimarães entrar pela direita e bater o guarda-redes Charles.

Os insulares, a jogar muito recuados, não acusaram o golo sofrido, conseguiram ganhar o domínio da bola, mas sentiam grandes dificuldades para conseguir fazer o último passe muito por ‘culpa’ de Battaglia e Bruno Fernandes, que iam impedindo o trabalho redobrado da linha defensiva sportinguista. Aliás, esta só abriu uma brecha para o desvio praticamente inofensivo de Jean Cléber, aos 31 minutos.

Num jogo muito tático, o Sporting chegou ao 2-0 já na segunda parte por intermédio de Bruno Fernandes, aos 54 minutos, na conversão de uma grande penalidade, a castigar falta de Lucas Áfrico sobre Jovane Cabral.

Pouco depois, aos 61 minutos, o Marítimo reduziu para 2-1, por intermédio de Jorge Correa, num lance iniciado por Danny, que desmarcou o argentino levar a melhor sobre Salin.

Ainda os insulares estavam a saborear o golo conseguido e Bruno Fernandes fez-lhes cair um balde de água fria. Após uma excelente triangulação com Montero, o internacional português, com um remate de pé direito à entrada da área do Marítimo ampliou para 3-1, corria o minuto 63.

Com este resultado, José Peseiro aproveitou para dar tempo de jogo da Gudelj e Wendel, que renderam Acuña e Jovane Cabral respetivamente. Já perto do final do encontro, Diaby entrou para o lugar de Raphinha, mas o marcador não sofreu qualquer alteração.

Em cima do apito final, Lucas Áfrico atingiu Wendel no peito com o pé, numa entrada desnecessária, tendo visto o cartão vermelho direto por parte do árbitro bracarense Manuel Mota.

Estoril-Praia e Feirense, equipas que também compõem o grupo D da Taça da Liga, medem forças esta segunda-feira, às 20:15 horas, no Estádio António Coimbra da Mota, na Amoreira.

PARTILHAR

RESPONDER

O monumento mais alto do cemitério de Nova Orleães conta uma história de vingança e mesquinhez

Com 24 metros de altura, o Monumento Moriarty é o mais alto no cemitério Metairie de Nova Orleães, nos Estados Unidos. A sua construção conta uma história de mesquinhez: o memorial foi uma desculpa para …

FBI detém membro de um dos mais perigosos e lucrativos grupos de hackers

O FBI deteve recentemente um alegado membro de um dos mais temidos grupos de piratas informáticos do mundo, conhecido como Fin7. O grupo é suspeito de ataques informáticos que levaram a uma receita ilícita estimada em …

Artista gráfico faz reconstrução facial de Henrique VII de Inglaterra

Um artista gráfico fez uma reconstrução ultrarrealista de Henrique VII, Rei de Inglaterra entre 1485 e 1509. De acordo com o site Live Science, Matt Loughrey produziu a imagem de Henrique VII a partir da sua …

Marcelo promulga diploma que permite festa do Avante! (mas deixa recados ao Governo)

O Presidente da República promulgou, esta terça-feira, o diploma do parlamento sobre proibição de festivais e espetáculos de natureza análoga até 30 de setembro devido à covid-19, mas com reparos sobre "a garantia do princípio …

Governo italiano vai contratar 60 mil pessoas para vigiar distanciamento social

O Governo italiano vai contratar "assistentes cívicos" para garantir que os cidadãos cumprem o distanciamento social. Depois de mais de dois meses confinados nas suas casas para conter a propagação do coronavírus, os italianos começaram a …

Rio volta a admitir que PSD viabilize Orçamento Suplementar do Governo

O presidente do PSD afirmou hoje que viabilizará ao Governo uma proposta de Orçamento Suplementar, "como tudo indica que é", que proceda à adaptação de medidas a tomar até ao final do ano para o …

J.K. Rowling anuncia novo livro infantil a ser publicado gratuitamente online

A escritora britânica J.K. Rowling, autora da saga "Harry Potter", vai publicar um novo livro infantil, intitulado "The Ickabog", um conto de fadas que será disponibilizado 'online', gratuitamente e em formato de série, a partir …

Empresa portuguesa cria cabine que faz desinfeção total em 25 segundos

A Starmodular, uma empresa com sede em Belmonte, distrito de Castelo Branco, criou um sistema destinado a espaços abertos ao público que permite a desinfeção total em 25 segundos para evitar a propagação da Covid-19, …

TAP duramente criticada por marginalização do Norte. Rio fala em "empresa regional"

Rui Rio foi apenas uma das várias vozes que criticaram o novo plano de voo da TAP, em que a maioria das ligações repostas são de Lisboa. Marcelo Rebelo de Sousa também demonstrou a sua …

Teatros e cinemas podem reabrir, mas com um lugar de intervalo

Teatros, salas de espetáculos e cinemas podem reabrir com todas as filas ocupadas e um lugar de intervalo entre os espetadores, que serão obrigados a usar máscara. Teatros, salas de espetáculos e cinemas podem reabrir, a …