/

Houve mais uma invasão a Alcochete. E a culpa é do Natal

A Campanha de Natal do Sporting simula a invasão da Academia de Alcochete, mas com crianças, lembrando o momento mais dramático da história recente do clube. Só o final é que é mais feliz e a ideia é passar uma mensagem de unidade e de confiança no futuro.

O vídeo promocional do Sporting foi divulgado nesta quinta-feira e mostra um grupo de crianças a imitarem algumas das acções realizadas pelos elementos que invadiram a Academia de Alcochete em Maio de 2018.

Mas na parte final, em que as crianças entram no balneário, onde se encontram os jogadores, alguns dos quais foram alvo das agressões dos adeptos, em vez de violência há abraços e trocas de prendas.

As crianças oferecem prendas aos jogadores e estes correspondem com cachecóis do clube e peluches da mascote leonina Jubas.

“Este Natal, fizemos a ligação entre o melhor que existe em nós, as nossas crianças, e algo que nos é muito próximo, a nossa Academia e o nosso futuro”, escreve o Sporting numa publicação no Twitter onde divulgou o vídeo. “É Natal quando a família está unida”, afiança ainda o clube.

O vídeo foi acolhido nas redes sociais com um misto de reacções. Há sportinguistas que elogiaram a iniciativa do Sporting, enquanto outros falam em mau gosto, considerando que a referência a um episódio tão negativo na história do clube é despropositada.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.