Software para roubar multibancos à venda na Internet por 4 mil euros

Mário Cruz / Lusa

O “Cutlet Maker” já foi utilizado em vários países mas, em Portugal, ainda não há registo de qualquer queixa, segundo o diretor da Unidade Nacional de Combate ao Cibercrime e à Criminalidade Tecnológica (UNC3T).

Segundo o Diário de Notícias, está a ser vendido na “darknet”, por cerca de quatro mil euros, o “Cutlet Maker”, software que permite aceder ao sistema das máquinas ATM e levantar dinheiro, sem precisar de detetar o código de um cliente.

A Kaspersky, empresa especializada em soluções antivírus, explicou em comunicado que “basta ter acesso direto ao interior de uma ATM para chegar à porta USB que será usada para carregar o malware ou o vírus”.

“O hacker insere um dispositivo USB onde está o kit do software Cutlet Maker. Como este é protegido por uma palavra-passe, é preciso gerá-la através de um programa próprio (c0decalc) para defender a aplicação de utilizadores não autorizados”, lê-se no jornal.

“Depois da criação do código basta inseri-lo no interface do Cutlet Maker para dar início ao processo de remoção de dinheiro”,  conclui o comunicado.

E declarações ao DN, Konstantin Zykov, investigador principal no Kaspersky Lab e porta-voz da empresa, afirma que este software já foi utilizado em vários países. “Sabemos que este malware já foi usado em ataques reais. Já fomos contactados por vários bancos a propósito desses incidentes”, confirmou.

De acordo com a Kaspersky, o Cutlet Maker está à venda desde 27 de março mas amostras mais antigas surgiram nos radares das comunidades de segurança informática em junho de 2016. No entanto, não é possível saber se já foi muito vendido porque apenas se encontra à venda na “darknet”.

“A página de Internet que promovia o Cutlet Maker continha um contador que registou pelo menos uma compra. Mas agora já vemos várias ofertas do software em diferentes fóruns que não têm os tais contadores, pelo que não é possível saber quantas cópias foram vendidas”, disse Zykov ao DN.

Segundo o jornal, os investigadores do crime informático da PJ ainda não estão familiarizados com este software. “Temos conhecimento de vários tipos de malware direcionados. Normalmente, através desse software os hackers manipulam as ATM e conseguem introduzir-se em contas bancárias e proceder a levantamentos. Mas não temos registo de qualquer queixa relativa ao Cutlet Maker em Portugal”, adiantou Carlos Cabreiro, diretor da Unidade Nacional de Combate ao Cibercrime e à Criminalidade Tecnológica (UNC3T).

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

      • Estão porque lhes convém.. isso só vai fazer com que esses bandidos que vendem na darkweb vendam disso como se de caramelos ser trata-se.. a ver pelos comentários abaixo já há vários interessados…. de qualquer modo podem dizer aí ao coisada que pode desistir porque na sibs não bebe água.

RESPONDER

Parker Solar Probe lança nova luz sobre o Sol

Em agosto de 2018, a Parker Solar Probe da NASA foi lançada para o espaço, tornando-se pouco tempo depois a sonda mais próxima do Sol. Com instrumentos científicos de ponta para medir o ambiente em …

Encontrado no mar das Malvinas navio alemão da I Guerra Mundial 105 anos depois de naufragar

O naufrágio de um cruzador alemão da I Guerra Mundial foi identificado nas Ilhas Malvinas, onde foi afundado pela Marinha britânica há 105 anos. O SMS Scharnhorst foi o principal ativo da esquadra alemã na Ásia …

Boavista 1-4 Benfica | Águia goleia no xadrez do Bessa

O Benfica deu o pontapé de saída da 13ª jornada com uma vitória competente na visita ao Boavista, por 4-1. Num jogo potencialmente perigoso para as aspirações “encarnadas”, frente a um adversário com somente uma derrota …

Cientistas desenvolvem técnica para determinar o humor através da caligrafia

Uma equipa de cientistas estudou a biomecânica dos movimentos das mãos a escrever e a desenhar, e desenvolveu um método para avaliar as propriedades individuais da velocidade de escrita e da pressão do lápis no …

Quase seis mil denúncias de agressões sexuais em viagens da Uber nos EUA

A plataforma de transporte de passageiros Uber divulgou na quinta-feira um relatório, revelando quase seis mil denúncias de agressões sexuais a utilizadores, motoristas e terceiros nos Estados Unidos (EUA), em 2017 e 2018. No relatório de …

Polícia de Los Angeles vai usar dispositivo "ao estilo Batman" para prender suspeitos

A polícia de Los Angeles, nos Estados Unidos, vai adotar, no início do próximo ano, um novo dispositivo, conhecido como BolaWrap 100, que dispara um cinto de fibra sintética a uma velocidade de 200 metros …

Corriere dello Sport defende-se das acusações e garante ser "inimigo do racismo"

O jornal desportivo italiano Corriere dello Sport afirmou esta sexta-feira ser “inimigo do racismo”, defendendo-se das críticas motivadas pela manchete de quinta-feira, com o título “Black Friday” e ilustrada com os futebolistas negros Romelu Lukaku …

Alisadores e tintas para cabelo podem aumentar o risco de cancro da mama

Alisadores e tintas para cabelo são dois produtos comummente utilizados por mulheres. Um novo estudo sugere que estes podem aumentar o risco de cancro da mama, especialmente em mulheres negras. Muitos produtos capilares contêm compostos que …

Black Friday. Marca de cosméticos oferece por engano desconto de 96% e perde 10 milhões em duas horas

Uma falha no site oficial da marca de produtos cosméticos Foreo fez com que o seu artigo mais caro fosse vendido com um desconto de 96%, fazendo com que a empresa sueca perdesse 10 milhões …

Camisola usada por Pelé no seu último jogo foi vendida por 30 mil euros em leilão

Uma camisola usada por Pelé no seu último jogo com a seleção brasileira foi vendida por 30 mil euros num prestigiado leilão de objetos desportivos, realizado na quinta-feira em Turim, Itália. A camisola com o número …