Sócrates terá tentado controlar DN, JN e TSF com jornalistas da sua confiança

José Goulão / Wikimedia

O ex-primeiro-ministro José Sócrates

O ex-primeiro-ministro José Sócrates

José Sócrates terá tentado interferir na gestão da empresa dona do Diário de Notícias, do Jornal de Notícias e da TSF, para que contratasse jornalistas da sua “confiança” para “lugares-chave”.

Segundo apurou o jornal Sol, esta é uma das conclusões da investigação do Ministério Público, no âmbito da Operação Marquês.

A publicação relata a forma “como foi congeminado o plano para dominar o grupo DN/JN/TSF“, salientando que José Sócrates “tentou influenciar o presidente da administração” do grupo, o advogado Daniel Proença de Carvalho.

A estratégia passava por assegurar que fossem destacados “jornalistas da sua confiança para assumirem posições-chave” no grupo, “por forma a controlar editorialmente esses órgãos de informação”.

Os factos remontam a 2014, altura em que Joaquim Oliveira negociava a venda de parte das acções da Controlinveste com o empresário angolano António Mosquito e com Luís Montez, genro do actual presidente da República, Cavaco Silva.

Foi após este processo, no qual Mosquito adquiriu 27,5% do grupo e Montez comprou 15%, que Proença de Carvalho foi designado presidente não executivo do Conselho de Administração.

Segundo o jornal, Sócrates terá mesmo sido apanhado, nas escutas telefónicas da Operação Marquês, a incentivar Proença de Carvalho, que foi seu advogado, a adquirir a Controliveste.

O ex-governante terá também tido influência na escolha de Afonso Camões para o lugar de director do Jornal de Notícias.

O Correio da Manhã chegou a revelar que Afonso Camões terá também sido escutado a confessar a Sócrates que preferia ser director do Diário de Notícias.

Mas o ex-primeiro-ministro ter-lhe-á dito que seria melhor estar à frente do JN para concorrer com o Correio da Manhã.

ZAP

PARTILHAR

15 COMENTÁRIOS

  1. e voces jornaleiros, importam-se de nos dar noticias dos vigaros ” veiga e paulo santana lopes”, incrivel como ainda continuam a chatear sempre com o mesmo, mas não falam peva destes crimes ………………..não convém, são todos dos mesmos partidos

  2. Mas esse animal (feroz) não quis controlar sempre tudo? Começou logo por demitir a administração da CGD para meter lá gente da sua confiança. Os xuxas vara e santos Ferreira. Controlava e bem o ministério publico que destruia todo que o pudesse incriminar. Até o pequenino noronha ele controlava. Estou a ver que mesmo quando estiver na Carregueira vai controlar tudo. Fazer negócios, receber luvas e etc…

  3. O que Sócrates queria era impedir noticias acerca da sua pessoa, colocando paus mandados, marionetas, como o director do JN , Afonso Camões, um autentico yes sir para Socrates. Por que motivo nunca se viram noticias acerca de Sócrates no JN? Já alguém se questionou?

  4. ZAP, publicam as noticias que entendem e que devem publicar e cada um que escolha o que lhe apetecer ler. É assim que eu faço, quando não me interesso não leio. Escolho o que me apetece ler. Bem Hajam

  5. Solicito o favor de excluírem o meu endereço de correio eletrónico das vossa lista de leitores.
    De facto deixei de ter interesse em receber a vossa publicação.

    Obrigado

    José Rodrigues

  6. Terá tentado?… É de uma enorme imprecisão.
    O controlo deste grupo aparece nas escutas de Aveiro que os, também eles controlados, ex-procurador geral da república, e ex-Presidente do supremo, fizeram desaparecer.
    A actuação da restante comunicação social e da justiça foi, e em grande parte continua a ser, uma vergonha, perante tamanho atentado à liberdade de expressão e ao estado de direito.
    Em 2014 o corrupto apenas está a dar ordens no que é dele, ou de outro corrupto associado.
    Falta na lista a TVI

  7. Já mete nojo a forma doentia na perseguição ao ex-Primeiro-ministro José Sócrates, tendo em conta o modo como determinada imprensa, aborda os “crimes” cometidos pela canalha conhecida, liga ao PBB, BPN, casos dos submarinos, pandur, vistos gold, portucale, BES, já “todos” percebemos que a intenção é entreter a plebe pondo o foco no ex-Primeiro-ministro, José Sócrates, o suspeito de… que terá tentado… feito… enquanto aqueles que efetivamente cometeram “crimes” se passeiam impunemente e sobre os quais, há um profundo silêncio.

  8. Caro José,
    Será que gestão danosa não é crime?
    Penso que não foi assim há tanto tempo que o país entrou em incumprimento e teve que pedir ajuda externa e, já agora como desabafo, penso que voltaremos lá dentro de pouco tempo, talvez nem haja tempo para chegar à 100 errata do projecto de orçamento!
    Para complemento de resposta, sim também estou de acordo que todos os governantes deviam ser responsabilizados pelo esterco que têm feito a este país, só aí é que admiro a sociedade Americana, atua a sério (julgo não ser necessário enumerar os casos como exemplo)

RESPONDER

1.º de Maio. CGTP duplica lotação, UGT festeja online com ex-ministros socialistas

As centrais sindicais voltam a estar divididas quanto às comemorações do 1.º de Maio. A CGTP vai organizar dois desfiles e duplicar a concentração na Alameda Dom Afonso Henriques; a UGT cancelou qualquer iniciativa presencial …

"Vice" da bancada do PS contestado por pedir autocrítica do partido sobre Sócrates

Pedro Delgado Alves defendeu que o PS deveria refletir sobre a ação de José Sócrates. O deputado foi contestado por outros dirigentes do grupo parlamentar, nomeadamente Ana Catarina Mendes, que reagiu de forma dura à …

Japão responde à China e garante que derrame de Fukushima será seguro

O vice-primeiro-ministro japonês, Taro Aso, reafirmou esta sexta-feira, em resposta às críticas da China, que a descarga da central nuclear de Fukushima aprovada pelas autoridades japonesas estará dentro dos limites de segurança da água potável. "Estou …

Ninguém quer "a batata quente" do caso Sócrates. Ivo Rosa e Carlos Alexandre com nota máxima

Os juízes Ivo Rosa e Carlos Alexandre foram avaliados com a nota máxima de "Muito Bom" pelo Conselho Superior da Magistratura em inspecções realizadas entre 2013 e 2018, ou seja, abarcando o período da investigação …

João Leão afasta criação de imposto de solidariedade para pagar crise pandémica

O ministro das Finanças, João Leão, argumenta que a criação de um imposto de solidariedade para pagar a crise pandémica não ajudaria nem seria benéfica. Em entrevista ao semanário Expresso, o ministro das Finanças, João Leão, …

Isabel de Castela ficou conhecida por cheirar mal. Novos documentos põem fim aos mitos

A famosa rainha Isabel I de Castela, em Espanha, era conhecida por se lavar pouco e cheirar mal. Contudo, documentos recém-descobertos mostram que possuía uma quantidade enorme de perfumes de grande valor. Isabel I financiou a …

De Cristas aos encontros com Salgado. PS já tem 14 perguntas sobre o Novo Banco para Passos

Depois de Carlos Moedas e Cavaco Silva, o PS já tem perguntas que quer fazer ao ex-primeiro-ministro Pedro Passos Coelho no âmbito da comissão de inquérito ao Novo Banco.  De acordo com o semanário Expresso, o …

Um quarto da população portuguesa tem imunidade à covid-19

O Painel Serológico Longitudinal Covid-19 estima em 27% a taxa de imunidade à covid-19 para a população em Portugal. Até março, 13% da população teria sido infetada Um estudo hoje divulgado estima que 13% da população …

Desconfinamento recua em alguns concelhos e será suspenso noutros. Mas avança no resto do país

O primeiro-ministro, António Costa, fez uma declaração ao país no final da reunião do Conselho de Ministros que aprovou, esta quinta-feira, as medidas para a terceira fase de desconfinamento da pandemia de covid-19. Apesar do Rt …

Pfizer admite que deverá ser necessária uma terceira dose (e ser vacinado anualmente)

O CEO da Pfizer, Albert Bourla, disse que as pessoas vão, “provavelmente”, precisar de uma dose de reforço da vacina contra a covid-19, 12 meses após serem totalmente vacinadas. “Um cenário provável é que haja necessidade …