Siza Vieira apresenta queixa-crime à PGR por “denúncia caluniosa”

António Cotrim / Lusa

O ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, Pedro Siza Vieira

O ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital anunciou, esta quinta-feira, que apresentou queixa-crime à Procuradoria-Geral da República (PGR) por “denúncia caluniosa” no inquérito que investiga suspeitas de corrupção em torno de negócios com hidrogénio verde.

No fim da conferência de imprensa sobre os novos apoios às empresas, Pedro Siza Vieira pediu para fazer um aparte sobre a notícia publicada pela revista Sábado, esta quinta-feira, que dá conta de um inquérito que investiga suspeitas de corrupção em torno de negócios com hidrogénio verde, no qual é visado juntamente com o secretário de Estado da Energia João Galamba.

“Queria fazer uma declaração sobre a notícia que veio hoje a público na revista Sábado, que fez capa, e também sobre o esclarecimento prestado pela Procuradora-Geral da República. Em primeiro lugar, não tenho nenhuma informação sobre este caso além daquela que os senhores jornalistas já conhecem. Aquilo que sei é a leitura da notícia e aquilo que a Procuradora-Geral da República também exprimiu”, começou por dizer o ministro, citado pela rádio TSF.

O governante disse ainda que, numa carta dirigida à Procuradora-Geral da República, Lucília Gago, pediu para ser “formalmente ouvido”, caso se confirme que o seu nome é citado no inquérito, e para considerar a comunicação como uma queixa-crime por “denúncia caluniosa”.

“A confirmar-se a existência do processo e a confirmar-se que tem, na origem, uma denúncia, pedi também que considerasse essa minha comunicação como uma queixa-crime pela prática do crime de denúncia caluniosa porque os factos, que não sei exatamente quais são, não têm fundamento, designadamente relativamente àquelas matérias que são enunciadas na revista Sábado”, declarou aos jornalistas.

Para o ministro, “associar a ideia de corrupção à participação de qualquer membro do Governo é uma ideia absolutamente repugnante“. “É-me repugnante pessoalmente porque, na verdade, 30 anos de vida profissional a construir uma reputação de integridade não é uma coisa que se goste de ver manchada, mas é sobretudo uma ideia muito perigosa do ponto de vista da confiança nas instituições”, atirou.

A PGR confirmou que está em curso um inquérito no Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP) sobre esta matéria, mas acrescentou que não existem arguidos e que as averiguações estão em segredo de justiça.

Segundo a Sábado, os dois governantes são suspeitos de favorecimento do consórcio EDP/Galp/REN no projeto do hidrogénio verde para Sines. António Mexia e João Manso Neto, ex-administradores da EDP, são outros dos visados, assim como o administrador da Galp, Costa Pina.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Sporting 2 - 1 Braga | Leão entra em 2021/22 a rugir

O Sporting parece querer manter a senda de sucesso da época passada e entrou em 2021/22 com o pé direito. Os “leões” bateram o Sporting de Braga por 2-1, num jogo que valeu, sobretudo, pela primeira …

Ensinar crianças a dizer palavrões? Uma cientista acha que é boa ideia

A auto-intitulada "cientista dos palavrões" acredita que ensinar as crianças a usá-los de forma eficiente ajuda os mais novos a perceber como este palavreado afecta outras pessoas. Já se sabia que dizer palavrões é um sinal …

Fósseis misteriosos podem ser uma das provas mais antigas de vida animal na Terra

Elizabeth Turner, cientista numa universidade do Canadá, poderá ter encontrado a prova mais antiga de vida animal na Terra. Uma cientista encontrou possíveis sinais de vida animal multicelular em restos de recifes microbianos de há 890 …

E se o mundo entrasse em colapso? Cientistas descobrem qual o país onde há maior probabilidade de sobreviver

Caso a civilização entre em colapso - uma possível consequência das alterações climáticas - os cientistas já descobriram qual o lugar do mundo onde há maior probabilidade de sobreviver: é na Nova Zelândia. Numa pesquisa, dois …

"Dança quem está na roda", responde Marcelo sobre ausência de Bolsonaro

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse este sábado que "dança quem está na roda" quando questionado pelos jornalistas sobre a ausência do homólogo brasileiro, Jair Bolsonaro, da cerimónia de reinauguração do Museu …

Todos os anos, esta cidade italiana entrega sal ao Papa em mãos

O Sal de Cervia, também conhecido como "sal do Papa", é-lhe entregue todos os anos em mãos. A tradição sofreu algumas interrupções até ter sido recuperada pelo Bispo Mario Marini, que serviu no Pontificado de …

A colisão secreta entre navios soviéticos e britânicos podia ter tido um desfecho drástico

Colisão aconteceu durante um dos períodos mais quentes da Guerra Fria e foi camuflado pela marinha britânica, que tratou de fazer regressar a sua embarcação à base de Devonport durante a noite para evitar dar …

Esta garrafa de tequila demorou seis anos para ser desenvolvida (e contém ouro)

A Clase Azul Spirits é uma empresa que comercializa tequila e está a preparar uma edição limitada para homenagear o legado artesanal do México - de onde a bebida é originária. A 2 de agosto, a …

Covid-19. Milhares de franceses protestam contra passe sanitário

Milhares de pessoas concentraram-se este sábado em Paris para protestar contra o passe sanitário — certificado de vacinação contra a covid-19 que passa a ser obrigatório para entrar em vários locais —, tendo a polícia …

"Toque de Midas" científico. Químicos transformam água purificada em metal dourado

Esta nova descoberta ajuda a entender o estado de transição da água e pode vir a ser importante no estudo de planetas como Neptuno ou Urano. Numa experiência alucinante, cientistas conseguiram transformar água purificada num metal …