Site do IEFP usado por máfia de Leste para lavagem de dinheiro

José Sena Goulão / Lusa

-

A Polícia Judiciária já está a investigar o caso que estará na origem de um grupo da “máfia de Leste” com intenções de fazer lavagens de dinheiro.

Alguns inscritos no IEFP começaram a receber, na semana passada, mensagens de texto com uma alegada oferta de emprego e com o remetente NetEmprego, o portal do IEFP, à qual deveriam responder via email para “pt@duparex.eu”, conta o Jornal de Notícias.

Embora o domínio do e-mail leve para uma página de uma suposta empresa sediada em Valongo, uma pesquisa da morada revelou que, no endereço indicado, só existe uma bomba de gasolina.

O site NetEmpregos, com um nome muito semelhante ao outro portal, começou a ser erradamente associado a esta fraude.

“Começámos a receber queixas de pessoas que diziam que tinham recebido mensagens nossas, quando nós não pedimos os números de telemóvel das pessoas”, explica Rui Encarnação, o diretor do site que nada tem a ver com o portal de emprego do IEFP.

“Pedimos que nos enviassem imagens das mensagens e os e-mails que receberam em resposta, com o contrato de trabalho proposto, e verificámos que se tratava de esquemas de grupos organizados do Leste que procuram angariar mulas de dinheiro”, acrescenta.

Face a confusão lançada pelos utilizadores, foi a própria empresa privada a lançar o alerta junto das autoridades.

“Já há algum tempo que trabalhámos em conjunto com a PJ em casos deste género, até porque esses grupos já tinham tentado registar-se no nosso site, para colocar ofertas semelhantes”, revela Rui Encarnação.

Uma “mula de dinheiro” serve, nestas ocasiões, como cúmplice de cibercrimes que permitem lavar dinheiro. O criminoso faz transferência de dinheiro para uma série de “mulas”, oferecendo-lhes uma comissão para que transfiram o dinheiro recebido, via Western Union, para o autor do crime.

Desta forma, as autoridades têm dificuldade em seguir o rasto do dinheiro e identificar o criminoso. Já a “mula” pode ser chamada a responder por esse desvio e ser até condenada pelo crime.

O IEFP chegou a bloquear a pesquisa de currículos no site, mas tornou a abri-la ontem, referindo que “não foi detetada qualquer falha de segurança ou situação anómala no funcionamento” do portal.

Fonte do IEFP explicou ao JN que “os utilizadores têm a possibilidade de optar pela disponibilização pública ou privada da sua informação, item a item”, descartando responsabilidade na exposição dos dados usados neste esquema.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas estão a atirar rochas vulcânicas para telhados (para provar que são perigosas)

Uma equipa de cientistas da Universidade de Canterbury está a lançar rochas vulcânicas para telhados na Nova Zelândia na esperança de ajudar os habitantes de Auckland a entender os perigos vulcânicos. "Auckland localiza-se num campo vulcânico …

A cordilheira Kong nunca existiu, mas esteve nos mapas durante um século

A cordilheira Kong nunca existiu, mas esteve durante 100 anos em muito dos principais mapas do continente africano. Acabaria por ser um militar francês, que explorou o rio Níger, a acabar com este "fantasma da …

"Continua a pairar perigosamente". Relógio do Juízo final mantém-se a 100 segundos do Apocalipse

A Humanidade nunca esteve tão perto do Apocalipse, alertam os cientistas responsáveis pelo "Relógio do Juízo Final", que decidiram mantê-lo na mesma posição do ano passado, a 100 segundos da meia-noite. O relógio, que é uma …

A primeira bateria doméstica de hidrogénio armazena três vezes mais energia do que uma da Tesla

Para usar energia solar doméstica, é preciso gerar energia quando o Sol brilha e armazená-la quando não aparece. Para isto, as pessoas usam normalmente sistemas de bateria de lítio. Porém, a empresa australiana Lavo construiu …

Um oásis LGBTQ, Budapeste é posto à prova pelo populismo e pela pandemia

Budapeste é um oásis para a comunidade LGBTQ, mas a cena drag da capital húngara vê-se ameaçada pela pandemia de covid-19 e pelas políticas conservadoras e populistas de Viktor Orbán. Durante muitos anos, Budapeste desfrutou a …

Coreia do Sul "ressuscitou" voz de uma superestrela. Chovem preocupações éticas

Pela primeira vez em 25 anos, a distinta voz da superestrela sul-coreana Kim Kwang-seok será ouvida na televisão nacional. O famoso cantor folk morreu em 1996. De acordo com a CNN, a emissora nacional da Coreia …

Maioria dos países africanos só terá vacinação em massa a partir de 2023

A maioria dos países africanos só terá imunização em massa a partir de 2023, segundo previsão da The Economist Intelligence Unit, que admite que, com o evoluir da pandemia, muitos dos países mais frágeis possam …

Mulher que "morreu" com covid-19 aparece viva 10 dias após funeral

Uma mulher de 85 anos ficou infetada com covid-19 num lar na Galiza, em Espanha. A 13 de janeiro a família de Rogelia Blanco recebeu a informação do lar de que a mulher tinha falecido. …

Familiares de vítimas na China pressionadas a não falar com OMS

As autoridades chinesas estão a pressionar as famílias das primeiras vítimas da covid-19 para que não entrem em contacto com os investigadores da Organização Mundial da Saúde (OMS) em Wuhan, segundo familiares dos falecidos. Mais de …

Falsas vacinas à venda na Internet são grande risco para a saúde

Embora milhões de pessoas tenham sido já vacinadas contra a covid-19 nos países ricos, proliferam as fraudes na Internet com fármacos falsos que representam um grande risco para a saúde, alertaram peritos das Nações Unidas. As …