Shutdown. “Birra” de Trump por causa do Muro paralisa os EUA

A Câmara dos Representantes e o Senado dos EUA encerraram as suas sessões sem que republicanos e democratas alcançassem um acordo orçamental.

Diversos serviços do Governo federal dos EUA deixaram esta sexta-feira de ter financiamento e estão em paralisação parcial devido à falta de entendimento entre a Câmara dos Representantes, Senado e o Presidente norte-americano, Donald Trump.

Esta é a terceira paralisação parcial em 2018, mas desta feita Trump garante que está disposto a manter o ‘braço-de-ferro’ para garantir fundos para construir um muro na fronteira com o México, uma das suas mais mediáticas promessas eleitorais.

Os líderes democratas responsabilizaram este sábado o Presidente dos Estados Unidos pela paralisação parcial do Governo federal, acusando-o de assumir uma “birra”, poucas horas de pois de Donald Trump os ter culpado pela ausência de acordo orçamental.

O líder democrata no Senado, Chuck Schumer, e a líder democrata da Câmara dos Representantes, Nancy Pelosi, afirmaram que Trump “conseguiu o que queria”, depois de ameaçar por diversas vezes com uma paralisação.

Os democratas alegaram que o muro é “ineficaz e caro” e sublinharam que Trump “convenceu os republicanos a empurrar a nação para uma destrutiva paralisação no meio da temporada de festas”.

Pelosi e Schumer avançaram que, se o impasse não for resolvido, os democratas vão aprovar uma lei que permita a reabertura dos serviços governamentais assim que assumam a maioria da Câmara dos Representantes em janeiro.

Trump, por sua vez, culpou os democratas por este desfecho e apelou a negociações para alcançar um consenso, dizendo esperar que a paralisação não se prolongue por muito tempo.

“Nós vamos ter uma paralisação, não há nada que possamos fazer sobre isso porque precisamos que os democratas nos deem os seus votos”, argumentou Trump num vídeo que partilhou na rede social Twitter logo após o Congresso ter concluídos os trabalhos face à ausência de acordo.

No vídeo, Trump associa afirmações sobre tráfico de drogas e gangues a imagens das recentes caravanas de migrantes oriundas da América Central e insistiu que os Estados Unidos precisam de “segurança de fronteira”, razão pela qual pediu aos democratas que se sentassem para negociar para que “com sorte a paralisação não durasse muito”.

“Democratas, temos uma lista maravilhosa de coisas que precisamos para manter nosso país seguro. Vamos trabalhar juntos, vamos ser bipartidários e vamos fazer isso”, apelou o presidente norte-americano.

Segundo números adiantados pelos democratas, de 800 mil funcionários federais serão afetados pela paralisação de serviços da administração norte-americana. Quase 420 mil funcionários do Governo, que trabalham em serviços considerados essenciais, terão que trabalhar sem serem pagos imediatamente.

Entre estes incluem-se 150 mil funcionários do Ministério da Segurança Interna, de que depende a polícia de fronteira e transporte, e mais de 40 mil elementos das forças de segurança, como a polícia federal (FBI), a agência antidrogas (DEA) e a administração penitenciária.

Cerca de 380 mil pessoas poderão também ser colocadas em desemprego técnico, incluindo 95% dos funcionários da NASA e do Ministério da Habitação, bem como 52 mil funcionários dos serviços fiscais.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Neste capítulo, Trump está certíssimo. Quando uma fronteira se torna demasiado porosa e a segurança fronteiriça não consegue ser assegurada por meios tradicionais, não resta outra alternativa senão a construção de uma vedação.

    Assim fez Espanha, desde os anos 90, em Ceuta e Melilla. Assim fez Israel, desde 2000, na fronteira com a Cisjordânia. Assim fez o Reino Unido na Irlanda Norte para separar as comunidades protestante e católica. Em todos esses casos as vedações foram eficazes. Simples racionalidade.

  2. Um puto caprichoso e birrento, sem dignidade nem moralidade.
    Um ser prepotente e manipulador, preocupado apenas com o seu umbigo.
    Numa palavra: Ridículo!!!

    • Sério? Você acha esse comentário inteligente? É que o de Berlin, foi feito pela RDA para impedir que os seus cidadãos saíssem… Era uma prisão. Este é o contrário: impedir visitantes indesejados. É por isso que temos portas nas nossas casas. Este Trump é fácilmente censurável por outras coisas, mas o muro NÃO é uma delas.

  3. Nunca existe um teimoso só. Tem sempre de ser mais que um. Os demovratas nao saem ilesos da teimosia sabes se la fe quem? Irredutiveis a caça de votos.

RESPONDER

Covid alastra na América. EUA bate recorde diário com mais de 60 mil infetados

Os Estados Unidos registaram 754 mortos e 60.383 infetados (um novo recorde) por covid-19 nas últimas 24 horas, de acordo com um balanço da Universidade Johns Hopkins. Depois de a Europa ter sucedido à China como …

Os maiores tubarões do mundo têm pequenos "dentes" nos olhos (e já se sabe porquê)

Uma investigação sobre os olhos dos tubarões-baleia, os maiores tubarões do mundo, revelaram que os seus olhos estão cobertos por pequenos dentes chamados "dentículos dérmicos". O tubarão-baleia (Rhincodon typus) é o maior peixe do oceano, com …

Astrónomos localizaram com precisão o centro do Sistema Solar

Pela primeira vez, uma equipa internacional de cientistas foi capaz de localizar com precisão o centro de gravidade do Sistema Solar. De acordo com o portal Science Alert, que recorda que o baricentro (centro gravidade) …

Misteriosa cruz de mármore com 1.200 anos encontrada no Paquistão

Uma cruz de mármore foi recentemente descoberta no cimo das montanhas do Baltistão, no Paquistão. Os investigadores acreditam que tem cerca de 1.200 anos e que pode ser um sinal da presença de uma antiga …

Nona Sinfonia de Beethoven revela novos detalhes sobre o cérebro humano

A Nona Sinfonia de Ludwig van Beethoven, 250 anos após a sua criação, ajudou a demonstrar a existência de células conceituais no cérebro. Quase 200 anos depois da morte de Beethoven, a maior obra do músico …

Governo vai suspender devolução dos manuais escolares

O ministro da Educação informou hoje que o Governo vai suspender a devolução de manuais escolares, em curso desde 26 de junho, cumprindo a decisão do parlamento, que aprovou uma proposta nesse sentido. O plenário da …

Cuba prestes a abrir portas ao turismo (exceto aos cubano-americanos)

Depois de fechar as suas fronteiras para os turistas no final de março por causa da pandemia da covid-19, Cuba prepara-se agora para reabrir várias das suas baías ao turismo - mas há algumas exceções. …

Cidade do México enterrou os rios para prevenir doenças, mas a covid-19 resiste e prospera

Na tentativa de evitar a disseminação de doenças como a malária e a cólera, a Cidade do México enterrou os seus rios. Agora, como consequência, criou inadvertidamente as condições necessárias para a covid-19 prosperar. A Cidade …

Descoberto sistema de túneis da I Guerra onde estarão enterrados dezenas de soldados

A Agência do Património da Bélgica anunciou esta semana a descoberta de um sistema de túneis alemão da I Guerra Mundial, onde estarão, muito provavelmente, dezenas de soldados enterrados. Em comunicado, citado pela Russia Today, …

Cinco funcionários da Tesla dizem ter sido despedidos por terem ficado em casa durante a pandemia

Cinco funcionários da produtora automóvel Tesla dizem ter sido despedidos por terem ficado em casa durante a pandemia, avança o The Washington Post. De acordo com o jornal norte-americano, foram cinco os colaboradores dispensados da …