/

Sede de campanha de Isaltino Morais vandalizada

2

Andre Kosters / Lusa

O ex-presidente da Câmara Municipal de Oeiras, Isaltino Morais

A sede de campanha do ex-presidente da Câmara de Oeiras e atual candidato independente, em Linda-a-Velha, foi vandalizada esta madrugada. O diretor da campanha diz que se tratou “claramente” de vandalismo.

As janelas, portas, televisões e algum material de propaganda ficaram destruídos, na sede de campanha de Isaltino Morais, em Linda-a-Velha, que esta madrugada foi vandalizada, avança a TSF.

O diretor de campanha, Francisco Gonçalves, explicou à rádio que a PSP foi a casa do candidato às 04h30, para o alertar de que tinha recebido uma queixa sobre um possível assalto à sede.

O responsável explicou ainda à TSF que nada foi roubado e que “foi claramente com intuitos de vandalismo“. A PJ está a investigar o caso e a campanha é para continuar.

“Ficamos chateados porque nos estragaram o equipamento. A campanha corre como tem de correr. Temos de estar prontos, estamos na rua, com uma agenda de manhã à noite, com visita a locais, com muita gente. A campanha fica triste por ver a sede estragada”.

Isaltino Morais, que esteve à frente da Câmara de Oeiras durante mais de duas décadas (primeiro pelo PSD e depois como independente), abandonou o executivo quando foi detido, a 24 de abril de 2013, para cumprir dois anos de prisão, por fraude fiscal e branqueamento de capitais.

Um ano depois, a 24 de junho de 2014, o ex-autarca saiu em liberdade condicional para cumprir o resto da pena em casa e, em 2015, publicou um livro a contar a sua experiência na prisão, excluindo a possibilidade de regressar à vida política.

  ZAP //

2 Comments

  1. Bem… Parte-se do princípio que quando algo é vandalizado é um acto… de vandalismo! Acho que não há dúvidas. Ou será que há?

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.