Hospital de Santa Maria está a realizar cirurgia inovadora no combate à obesidade

Ivendrell / Wikimedia

Hospital de Santa Maria, Lisboa

O Hospital de Santa Maria, em Lisboa, está a realizar uma nova cirurgia à obesidade que não implica incisões e requer menos tempo de internamento.

Inovadora e revolucionária, a cirurgia realizada no Hospital de Santa Maria pode ser a ponte de salvação para muitos doentes que sofrem de obesidade e aguardavam um processamento menos invasivo.

A cirurgia endoluminal já tinha sido testada há três anos, mas a partir de agora vai tornar-se uma opção no combate à obesidade, noticia o jornal Público. Em Portugal, o Santa Maria é o primeiro hospital público a realizar esta intervenção para o tratamento da obesidade de forma regular.

As primeiras quatro doentes foram operadas nos dias 3 e 6 de setembro, mas até ao final do mês estão previstas mais três intervenções, sendo que a partir de outubro estão programadas pelo menos três cirurgias destas todas as sextas-feiras – que acrescem às operações que se realizam com as técnicas clássicas.

No Santa Maria, as cirurgias à obesidade são feitas através de laparoscopia, uma técnica que também é não invasiva, mas que precisa de pequenas incisões para que os instrumentos sejam colocados no interior do corpo do doente.

No entanto, explica João Coutinho, diretor do serviço de cirurgia, a nova técnica vai mais além ao não precisar de incisões, já que os instrumentos são inseridos através da boca. A técnica está recomendada a doentes com um índice de massa corporal (IMC) entre os 35 e os 40.

Ao Público, o médico referiu que o procedimento “é feito através de um endoscópio especial com dois canais, em que num deles entra a agulha e o fio que vai fazendo as técnicas [de redução do estômago]. Fazem-se pregas na mucosa que vai diminuir o tamanho do estômago, fazendo um tubo gástrico que aumenta a saída dos alimentos”, descreve.

De acordo com o cirurgião, não é aplicado nenhum corte no estômago como acontece com o sleeve e o bypass, duas outras técnicas usadas no tratamento da obesidade, o que se torna crucial se houver necessidade de uma intervenção futura.

O especialista indica que a única desvantagem deste método é o facto dos pacientes demorarem mais tempo a perder peso – quando comparado com as técnicas tradicionais.

Porém, permite menos tempo de hospitalização, já que ao fim de quatro a cinco horas os doentes podem ter alta e, caso o médico considere que o doente não está a perder o peso que devia, pode refazer a técnica ou até usar um dos métodos clássicos.

João Coutinho espera chegar ao final do ano com 40 doentes operados através da cirurgia endoluminal, diminuindo assim o tempo que estes estão em lista de espera.

  ZAP //

 

 

 

 

 

 

 

PARTILHAR

RESPONDER

Comissão de inquérito ao Novo Banco. PSD frisa "maioria popular", PS queixa-se de "partidarite"

Os partidos apreciaram, esta sexta-feira, o relatório final da comissão de inquérito ao Novo Banco, aprovado em julho, com o PSD a destacar a "maioria popular" nas conclusões e o PS a criticar a "partidarite" …

"Falta de respeito". Patrões abandonam Concertação Social e pedem audiência a Marcelo

As quatro confederações patronais suspenderam, esta sexta-feira, a sua participação nas reuniões da Concertação Social e decidiram solicitar uma audiência ao Presidente da República, perante a "desconsideração do Governo pelos parceiros sociais" na discussão sobre …

Parlamento aprova diplomas para alargar gratuitidade das creches e "direito ao esquecimento"

O Parlamento aprovou, esta sexta-feira, um projeto-lei para o alargamento da gratuitidade das creches e de soluções equiparadas e ainda um diploma que consagra o "direito ao esquecimento". A Assembleia da República aprovou um projeto-lei do …

Costa está muito empenhado num acordo pelo OE, mas não "a qualquer preço"

O primeiro-ministro disse, esta sexta-feira, que o Governo vai fazer tudo ao seu alcance para chegar a um acordo sobre o Orçamento do Estado para 2022 (OE2022), mas advertiu que "um acordo não se obtém …

Evergrande escapa por um triz ao default e garante o pagamento de juros de 71.7 milhões de euros

A gigante imobiliária chinesa conseguiu cumprir com o pagamento dos juros no limiar do fim da extensão do prazo. No entanto, persistem os receios sobre a possibilidade da crise na China contagiar a economia mundial. A …

Pessoas a andar na rua em Viena, Áustria

Em caso de apagão geral, Áustria é o primeiro país europeu a ter um Plano B(lackout)

E se houvesse um apagão que afetasse todo o continente europeu? O cenário é o argumento que o Ministério da Defesa austríaco tem usado para enviar um aviso à população desde o início deste mês. A …

Só um terço das empresas em Portugal têm gestores com um curso superior

O estudo da Fundação Francisco Manuel dos Santos refere que este valor é negativo para o país já que a formação superior dos gestores está associada à produtividade e há maior probabilidade da empresa começar …

Governo avança com desconto de 10 cêntimos por litro nos combustíveis para as famílias

O Governo vai criar um desconto de dez cêntimos por litro nos combustíveis para todas as famílias, até 50 litros por mês. Uma medida que estará em vigor entre novembro deste ano e março do …

Inês Sousa Real, porta-voz do PAN

PAN já enviou memorando de entendimento ao Governo

O partido Pessoas–Animais–Natureza enviou ao Governo, esta sexta-feira, o memorando de entendimento com cerca de 60 propostas, no âmbito do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). "O PAN fez chegar ao Governo um memorando do qual …

Alterações ao Orçamento de 2021 custaram, afinal, muito mais do que o estimado pelo Governo

Apenas duas das 291 medidas adicionadas representaram um impacto anual de 88 milhões de euros, com o Governo a calcular, durante a especialidade, que a totalidade custaria 3,2 milhões de euros. As alterações feitas ao Orçamento …