Sagres pede desculpa a Rui Patrício e retira vídeo do frango

A Sagres retirou esta segunda-feira o anúncio publicitário que parodiou com o golo sofrido por Rui Patrício na visita do Sporting ao Belenenses, no sábado, na 21.ª jornada da I Liga, após repúdio da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

Fonte oficial da FPF disse à agência Lusa que o organismo expressou desagrado pelo vídeo publicitário, referente ao dérbi lisboeta, que terminou empatado 1-1, em que, entre outras expressões, dizia que aos 46 minutos “Rui Patrício começa a temperar o frango“, antes de registar, aos 70, o golo de Rui Fonte, seguindo-se a frase “frango servido no Restelo!”.

A mesma fonte federativa acrescentou à Lusa que a Sagres, que patrocina as selecções nacionais, prometeu retirar o anúncio das várias plataformas em que foi divulgado, nomeadamente a sua página oficial no Facebook, no qual a cervejeira se justifica.

“Este domingo publicámos, aqui na nossa página, um vídeo que não foi interpretado da forma com que o criámos e pensámos. Compreendemos o ponto de vista daqueles que podem considerar este conteúdo ofensivo e por isso mesmo decidimos remover o vídeo em questão. Não foi nunca nosso intuito ofender, denegrir ou gozar com os intervenientes de um desporto que nos é tão querido”, lê-se na página da empresa.

A Sagres acrescenta ainda que este vídeo fazia parte de uma campanha a lançar até ao final da temporada, para “retratar em 60 segundos um jogo de 90 minutos do ponto de vista do adepto”.

“E pretendia faze-lo de uma forma descontraída, imparcial e até cómica. Fosse qual fosse o clube, fossem quais fossem os intervenientes”, assegura a cervejeira, assumindo ter retirado o vídeo “não para o esconder”, porque “uma vez publicado nunca o deixará de estar. Retirámos porque não pretendemos ferir susceptibilidades de nenhum adepto de futebol”.

E, por reconhecer que o “futebol mexe profundamente com emoções”, a Sagres apresenta as suas desculpas a Rui Patrício, à FPF, ao Sporting, aos sportinguistas e a todos os adeptos.

Não é a primeira vez que uma marca de bebidas marca um auto-golo por pretender parodiar nas redes sociais e usar os novos media para ganhar popularidade junto de uma determinada faixa de adeptos – normalmente, perdendo-a noutra.

Em 2013, a PEPSI viu-se obrigada a pedir “sinceras e profundas desculpas” a Cristiano Ronaldo e à Seleção Portuguesa de Futebol, por imagens publicadas na página Facebook da marca na Suécia, antes do histórico jogo em que o português calou os suecos com um hat-trick que levou Portugal ao Brasil.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Eu gostava de poder dizer “Ai é? Então agora é que nunca mais bebo Sagres!”.
    Infelizmente, eu já só bebia Superbock.
    Mas pelo menos, agora tenho mais uma razão.

  2. Os “criativos”, e quem autorizou o vídeo da cerveja em questão devia ser despedido pois se achava ” que não queria ferir susceptibilidades ” , é totalmente idiota e não têm noção do que é criatividade . Vão sempre pela piada fácil e pouco inteligente!

  3. O que a cervejeira fez é inqualificável.
    Crer que achincalhando um profissional de futebol, cujo clube é patrocinado pela marca concorrente, cujo clube é rival de outro clube que essa pp marca patrocina, é próprio de miseráveis e alienados.
    Mas por outro lado também traz uma conclusão – quer a cervejeira quer o clube, estão bem uns para os outros.
    Enquanto uns fazem folclore… os outros vão somando cenas tristes e desprezíveis.

  4. Os idiotas da “dita cuja” cervejeira fizeram um enorme favor à concorrente do Norte, oferecendo-lhe milhares de consumidores sem esta ter gasto um cêntimo em publicidade – os idiotas fizeram um trabalho à altura do perfil e dos modos cultivados pelos muitos adeptos daquelas cores.

RESPONDER

Pandemia leva Easyjet a deixar em terra toda a frota de aviões

A companhia aérea easyJet anunciou esta segunda-feira que está a deixar toda a sua frota de aviões em terra até novo aviso devido ao colapso na procura por causa da pandemia de covid-19. Em comunicado, a …

Crise no setor de petróleo pode ser a pior dos últimos 100 anos

A crise no setor de petróleo pode ser a pior dos últimos 100 anos, antevê o presidente da Petrobras. O brasileiro calcula que o preço do barril de petróleo caia dos 40 para os 25 …

Ministro alemão encontrado morto "estava muito preocupado" com apoio à população

O ministro das Finanças do Estado alemão de Hesse, Thomas Schäfer, foi encontrado morto no sábado. O corpo do político estava nos carris de uma linha de comboios de alta velocidade, na cidade de Hochheim, …

Oposição denuncia sequestro de dois membros da equipa de Guaidó

Este domingo, a oposição venezuelana denunciou que alegados funcionários das forças de segurança sequestraram dois membros da equipa do líder da oposição, Juan Guaidó. Rafael Rico, do partido Vontade Popular, indicou que o sequestro teve lugar …

Há 853 profissionais de saúde infetados. Cerco sanitário no Porto em discussão

O secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, revelou que existem 853 profissionais de saúde infetados com a covid-19 em Portugal. Em conferência de imprensa ao fim da manhã desta segunda-feira, depois de a …

Fazer despedimentos ou não renovar contratos são situações distintas, explica Siza Vieira

O ministro da Economia afirma que o acesso aos apoios financeiros do 'lay-off' simplificado está condicionado ao compromisso de não haver despedimentos, mas reconhece que despedimento e não renovação são situações distintas. O ministro da Economia …

Empresas denunciadas por abusos nos despedimentos e violações ao código de trabalho

A CGTP recebeu denúncias a 40 empresas em que são relatadas situações de abuso e aproveitamento laboral. Milhares de trabalhadores foram afetados em todo o país, garante a líder sindical. Isabel Camarinha, classificou como "muito negro" …

NOS Primavera Sound adiado para setembro

Devido ao estado de emergência em que o país se encontra, resultado do surto de COVID-19, a nona edição do NOS Primavera Sound foi adiada e vai acontecer de 3 a 5 setembro. “Perante este cenário …

Twitter apaga publicações de Bolsonaro que defendiam fim das medidas de contenção

O Twitter bloqueou dois vídeos publicados no perfil oficial de Jair Bolsonaro sobre a visita que fez no domingo a vários pontos de Brasília, contrariando as recomendações sanitárias da Organização Mundial de Saúde (OMS) para …

País vai entrar no "mês mais crítico" da pandemia (e medidas vão ser prolongadas)

O primeiro-ministro, António Costa, avisou esta segunda-feira que Portugal "vai entrar no mês mais crítico desta pandemia" da covid-19 e por isso é necessário que se prepare para esta fase. António Costa falava aos jornalistas na …