Rui Pinto entrou 307 vezes no sistema informático da PGR e espiava o próprio processo

(dr)

Rui Pinto foi acusado de 147 crimes, destacando-se as 307 vezes que entrou no sistema informático da Procuradoria-Geral da República. O hacker espiou o seu próprio processo e sabia que estava a ser investigado pela PJ.

O Ministério Público (MP) acusou, esta quinta-feira, o hacker Rui Pinto de 147 crimes: 63 de violação de correspondência, 75 de acesso ilegítimo, um de extorsão na forma tentada, um de sabotagem informática e sete de violação de correspondência na forma agravada. A “falta de arrependimento” terá agravado a sua situação, realçou uma fonte judicial ao DN.

“Faria tudo outra vez”, disse Rui Pinto, na altura em que soube que ia ser extraditado da Hungria para Portugal. Apesar de ter prometido colaborar com as autoridades, um dos membros da equipa do DCIAP envolvida no processo garante o contrário: “Sempre que foi abordado para que pusesse em prática essa disponibilidade, fecha-se em copas e nada diz”.

A acusação do MP menciona ainda que Rui Pinto entrou por 307 vezes no sistema informático da Procuradoria-Geral da República — e a Polícia Judiciária nem sabe como. Rui Pinto, alegadamente, terá conseguido acesso ao nome de utilizador e palavra-passe de um magistrado do Ministério Público.

Com acesso ao sistema informático, o Tribuna Expresso escreve que Rui Pinto teve acesso a pastas do Conselho Superior do Ministério Público, ao e-mail do então diretor do DCIAP Amadeu Guerra, a documentos e despachos em segredo de justiça e a um documento com vários dados pessoais de todos os 1611 magistrados do MP.

Operação Marqês, EDP, Jorge Silva Carvalho, Henrique Granadeiro, Parvalorem, Vistos Gold e Sporting foram os processos mais mediáticos a que o português teve acesso.

No entanto, o interesse do hacker estaria fundamentalmente em processos ligados ao futebol, nomeadamente, ao SL Benfica. Não só acedia ilegalmente aos servidores informáticos, como também copiava e guardava os ficheiros para si. Os documentos foram encontrados em formato digital no material apreendido na sua residência em Budapeste.

Rui Pinto é ainda acusado de ter entrado nos servidores informáticos da PLMJ, a sociedade de advogados onde estava João Medeiros, que defendia os ‘encarnados’ no caso e-Toupeira. O pirata informático terá ainda, de acordo com a acusação do MP, divulgado online conversas entre o advogado, Rui Patrício e Paulo Saragoça da Matta.

“Acredito que o MP fez tudo para recolher informação de quem entrou na minha caixa de email e espero que caso se prove que foi Rui Pinto que seja exemplarmente punido“, disse João Medeiros ao Correio da Manhã, em reação à acusação do Ministério Público.

Entre os nomes a quem Rui Pinto conseguiu acesso através da PLMJ está o do vice-presidente do PSD e antigo ministro de Durão Barroso, Nuno Morais Sarmento. Luís Pais Antunes, ex-secretário de Estado do Trabalho também estaria entre os visados.

O advogado de Rui Pinto na altura, Aníbal Pinto, também foi incluído na acusação por crime de extorsão na forma tentada. Ao CM, garantiu que nunca mais falou nem teve qualquer contacto com o hacker desde que foi seu cliente. “Nunca cometi qualquer crime e espero que nunca venha a cometer. Estou tranquilo”, confessou o advogado.

Tendo em conta a quantidade e gravidade das acusações, o Ministério Público defende que Rui Pinto seja mantido na cadeia — onde está há sensivelmente seis meses.

O atual advogado de Rui Pinto, William Bourdon, disse em entrevista à revista alemã Der Spiegel que as autoridades portuguesas nunca lhe deram a oportunidade de colaborar. Além disso, reiterou que se o caso fosse noutro país, o hacker não estaria preso. “Na Alemanha, França, Inglaterra ou Itália, o Rui nunca seria detido com base nestas acusações”, atirou.

Em 2015, antes de todo o processo “estourar”, Rui Pinto negociava com Nélio Lucas, o então diretor-geral da Doyen Sports Investments, uma “doação” entre 500 mil e um milhão de euros. Contudo, o gestor não cedeu e denunciou o hacker à Polícia Judiciária. De acordo com o JN, Rui Pinto já sabia da denúncia, apesar de Lucas sempre a tentar negar.

A PJ tinha enviado um pedido de identificação para o servidor de internet russo Yandex LLC. Provavelmente, através do acesso que tinha ao sistema informático da PGR, o hacker já sabia de tudo. Nas buscas em Budapeste, as autoridades encontraram mesmo uma cópia digital do processo em causa.

DC, ZAP //

PARTILHAR

15 COMENTÁRIOS

  1. Que célere foi o MP na pronuncia de acusação em relação a 147 crimes cometidos por Rui Pinto, isto segundo notícias que vem a público.
    Serão certamente argumentos irrefutáveis , bem instruídos e fundamentados..
    E o grande catalisador de toda este árduo trabalho quem terá sido?
    Certamente que aquela instituição que se considera maior que Portugal , no dizer do seu chefe. E também o gabinete de advogados que terá sido vasculhado e do qual são sócios os advogados da Benfica SAD no processo e- toupeira. Caso curioso, o processo dos emails ficou de fora, será porque houve um Juiz que disse que eles eram verdadeiros, embora alguns tenham sido truncados, isto é não terão sido divulgados na totalidade.
    Haja dignidade.

    • Calma que esses ainda não estão a contar para a contabilidade de crimes.Recomendo voltar a ler a noticia se é que o já a leu.

      • Meu caro. O português é uma língua traiçoeira e é preciso saber ler. Transcrevo o que diz a notícia , já antecipadamente conhecida através do porta vos oficioso da PGR, o CM.
        Transcrição:
        Rui Pinto foi acusado de 147 crimes, destacando-se as 307 vezes que entrou no sistema informático da Procuradoria-Geral da República. O hacker espiou o seu próprio processo e sabia que estava a ser investigado pela PJ.

        Como vê o português é difícil de interpretar para quem não sabe.

        Já agora sabe quantas vezes as toupeiras do Benfica entraram no “citius” com identificação alheia?
        Vá lendo português.

        • E já agora o que tem a ver um caso com o outro? Ou estas armado em Xico Marques? Na tua linha te pensamento um crime do António tem que ser absolvido porque o Bruno foi apanhado primeiro noutro caso similar mas nada haver. Era lindo ter pessoas como sua pessoa a escrever a constituição com a mesma linha de pensamento. Os bandidos agradeciam

  2. Realmente a justiça funciona muito rápido!! Parabéns a todos os intervenientes que querem este caso apagado rapidamente. O caso do Socrates anda à milhares de anos a ser resolvido e aqui…..fantástico. O povo português só tem que agradecer aos nossos juízes. Eu estou maravilhado com esta rapidez.
    O Rui Pinto merece levar um castiginho…ok, tudo bem. Mas é um grande cérebro. Não devia ter mexido nos processos de clubes, banqueiros, ministros..etc, só podia ter descoberto pirolitos, mexeu em chupas!!!

  3. Ai, coitadinho do menino está inocente, ele só tinha a curiosidade natural de uma criança, ele apenas quis ganhar algum dinheiro com isso, talvez para comprar umas calças novas, ainda se o caso da extorsão fosse de milhares de euros, dezenas de milhares de euros, mesmo centenas ou um milhão, mas não , ele não fez nada disso. Ir ver processos judiciais no sistema é normal, isso nem sequer é crime, onde raio está escrito que um pirata informático não pode roubar informação? extorquir milhões dos donos da informação? vender informação a rivais ? ….. Hã , O quê ? não pode fazer ? Estou tão surpreendido , pensava que ele estava inocente e era a justiça portuguesa que o estava a perseguir como ele disse, até mesmo a tentar matá-lo, assim sendo …. quem comeu as poupas que roa os ossos .

    • Renato Martins. Diga-me uma coisa as toupeiras do Benfica que entraram no “citius” com identidade falsa pretendiam apenas saber como aquilo funcionava?
      De facto a Justiça portuguesa prima pela sua imparcialidade, é cega, como diz a tradição. é tão cega que não vê o óbvio, ou seja não vê que os grandes criminosos andam à solta e que um deles juntamente com um desembargador, é dos maiores facínoras e caloteiros do país.
      Antes de regurgitar pense que do outro lado não estão papalvos, mas sim gente que não gosta de ser atingida por vómitos.

          • Deves ser da familia ou ter parte nas extorções, a tua resposta não foi apenas a mim. Defendes um criminoso, lá terás as tuas razões. Deves ser um Dragarto, pois ninguém falou em futebol e vieste logo com as toupeiras do Benfica. Se fores do clube mais corrupto de Portugal, além de corrupto és hipócrita pois pareces ter esquecido tudo o que se passou. E ali não foram toupeiras foram dias decádas de corrupção. Por isso nem vou mais responder a um qualquer idiota adepto de um clube corrupto . Felicidades.

            • Um bandalho como você não merece qualquer resposta. Dê corda aos bitorinos e vá de froskes. Assunto encerrado.

  4. Não vi que se apontasse o dedo à incompetência dos informáticos, pagos com o nosso dinheiro, que permitiram que alguém pudesse vasculhar os computadores secretos do estado.
    Quantos mais estarão em condições de entrar (talvez entrem) nos computadores públicos?
    E se algum desses se lembra de entrar nos servidores das finanças e começar a apagar as coimas que muito injustamente, por vezes, se lembram de nos aplicar?
    É apenas a minha opinião, vale o que vale, não me levem preso.

  5. Este jovem faz lembrar o do filme “Apanha-me …Se Puderes” com o di Caprio

    Devia ser já contratado para trabalhar para o governo na secção de crimes informáticos, por exemplo.

RESPONDER

O RRS David Attenborough, navio virgem dos reinos polares, já saiu do estaleiro

O navio RRS Sir David Attenborough saiu finalmente do seu estaleiro. O já lendário navio vai agora ser sujeito a alguns testes antes de ser oficialmente entregue ao serviço, em novembro deste ano. A construção do …

Vulcões ativos produzem 30 a 50% da atmosfera de Io

Novas imagens rádio obtidas pelo ALMA (Atacama Large Millimeter/submillimeter Array) mostram, pela primeira vez, o efeito direto da atividade vulcânica na atmosfera da lua de Júpiter, Io. Io é a lua mais vulcanicamente ativa do nosso …

Descobertas pegadas fossilizadas com mais de 10 mil anos. São a trilha pré-histórica de uma mãe com um bebé ao colo

Uma equipa de investigadores internacional descobriu o trilho pré-histórico mais comprido do mundo no Novo México, nos Estados Unidos. O novo estudo conta a historia de uma mulher que carregou um bebé nos braços durante …

Pure Skies. Empresa desenha cabines dos aviões do pós-pandemia

Desde o início da pandemia, os especialistas têm testado diferentes maneiras de alcançar o distanciamento social em aviões, embora com pouco sucesso. Agora, há uma empresa que está a levar esta ideia até ao próximo …

OE2021. Bloco de Esquerda vota contra na generalidade

O Bloco de Esquerda vai votar contra a proposta do Orçamento do Estado para 2021 na generalidade, anunciou a coordenadora do partido, Catarina Martins. Em declarações aos jornalistas, a bloquista confirmou este domingo que o …

PS ganha eleições nos Açores sem garantia de maioria absoluta

O PS voltou a ganhar as eleições regionais dos Açores, obtendo entre 37% e 41%, o que não garante a maioria absoluta, segundo a projeção à boca das urnas realizada este domingo pela Universidade Católica …

Extinção da fauna em Madagáscar pode dever-se à presença humana (e a mudanças climáticas)

Grande parte da fauna de Madagáscar e das ilhas Mascarenhas foi eliminada durante o último milénio. Neste sentido, uma equipa de cientistas analisou um registo do clima nos últimos 8000 anos nas ilhas. O resultado …

PAN vai abster-se na generalidade. OE mais próximo da aprovação

O partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN) vai abster-se na votação na generalidade da proposta de Orçamento do Estado para 2021 (OE2021) na próxima quarta-feira, anunciou a líder parlamentar do partido, Inês Sousa Real. Com a abstenção dos três …

O passado tóxico fica para trás. Asbestos, a cidade "amianto", mudou de nome

A cidade canadiana Asbestos (que significa amianto) ganhou um novo nome, quase 11 meses após o anúncio da votação. Wuase metade dos cerca de 6 mil residentes da cidade canadiana marcaram presença numa votação organizada num …

Menino de 12 anos encontra fóssil de dinossauro com 69 milhões de anos

Nathan Hrushkin, aspirante a paleontólogo de 12 anos, encontrou o fóssil de um dinossauro enquanto passeava com o pai em Alberta, no Canadá. Depois de enviarem uma fotografia ao Museu Royal Tyrrell, ficaram a saber …