Rui Moreira não queria que a sua candidatura “fosse contaminada ou apropriada por alguém”

Rui Moreira / Facebook

O presidente da Câmara Municipal do Porto, Rui Moreira

O presidente da Câmara Municipal do Porto, Rui Moreira

O presidente da Câmara do Porto e candidato independente às eleições autárquicas de 1 de outubro, Rui Moreira, disse esta quinta-feira que não podia permitir que a sua candidatura “fosse contaminada ou apropriada por alguém”.

Em entrevista ao Observador, Rui Moreira revelou que se sentiu “incomodado” com o apoio do Partido Socialista, e que os seus conselheiros chamaram a atenção para o facto de estarem a “perder o controlo da situação“.

“Havia um conjunto de pessoas que começava a não perceber o que estava em jogo. Parecia de repente que a nossa candidatura, que era uma candidatura independente e que tinha o apoio do PS, estava a ser invertida. Parecia que afinal era uma candidatura do PS e que era apoiada pelo movimento independente. Esta é a lógica dos partidos. Não é a nossa. Aquilo que essas pessoas disseram foi: ‘Se é assim, temos de abdicar do apoio do PS’. Que é completamente diferente de dizer: Houve rutura”, destacou Rui Moreira.

“Não podíamos deixar que esta nossa candidatura fosse de alguma maneira contaminada ou apropriada por alguém. Desde o princípio, quando foi anunciado o apoio, se é um apoio sem condições, muito bem”, sublinhou o presidente da Câmara do Porto.

Apesar de toda a polémica ao longo da última semana, Rui Moreira admite ao Observador que sem o PS, as eleições não serão mais fáceis: “Sei perfeitamente que hoje o caminho para uma eventual vitória nas eleições é muito mais difícil do que era há quinze dias”.

Para Rui Moreira, a número dois do PS, Ana Catarina Mendes, “condicionou o apoio a uma negociação de listas”.

“Nada disto tem a ver com as celebrações, ou com o facto de o PS fazer contagem de votos. A questão é ela ter dito especificamente que era um apoio condicionado à participação nas listas, o que aliás ontem foi reafirmado pelo Dr. Manuel Pizarro”, afirmou.

Deste modo, Rui Moreira quis abdicar do apoio do PS nas autárquicas e o PS avança com Manuel Pizarro como candidato do partido à Câmara do Porto.

“A decisão e atitude do dr. Rui Moreira [em não aceitar o apoio do PS] é legítima, como é legítima a posição do PS”, afirmou Pizarro, acrescentando que aceita o convite do partido para ser candidato com “muito gosto”.

Manuel Pizarro destacou que é “mais proveitoso” manter uma amizade com o Rui Moreira do que “ficar num casamento onde uma das partes não se quer manter”.

A intervenção de António Costa terá sido decisiva para este desfecho, adianta o jornal Público, que diz que o primeiro-ministro telefonou ao presidente da concelhia do Porto, Tiago Barbosa Ribeiro, a reforçar a ideia de que era preciso “apresentar um candidato próprio”, estando em causa “uma questão de dignidade partidária”.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. É Nortenho e já fazia falta na nossa política um INDEPENDENTE com força, que agite as consciências dos partidos.

RESPONDER

Juve Leo lança críticas à direção: Um clube sem rumo e que precisa de bodes expiatórios

Depois de o Sporting rescindir os protocolos com a Juventude Leonina e com o Diretivo Ultras XXI devido à "escalada de violência" recente, a Juve Leo reagiu em comunicado com duras críticas à direção de …

Um terço dos fogos deste ano tiveram como causa queima e queimadas

Um terço dos incêndios florestais registados este ano e investigados tiveram como causa queimadas e queimas, revela o último relatório do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF). O relatório provisório de incêndios rurais, …

De Nova Iorque a Sydney em 19 horas. Avião da Qantas bate recorde

O primeiro voo comercial direto entre as cidades de Nova Iorque e Sydney, com mais de 19 horas, terminou, este domingo, na cidade australiana. O teste realizado pela companhia aérea Qantas faz parte do Project Sunrise, …

Marcelo ficou "muito impressionado" pela destruição do furacão Lorenzo nos Açores

O Presidente da República visitou, este domingo, o porto das Lajes das Flores, que ficou destruído após a passagem do furacão Lorenzo pelos Açores, mostrando-se "muito impressionado" pela destruição "massiva". "Muito impressionado com aquilo que foi …

Sporting é o terceiro clube com mais jogadores da formação espalhados pela Europa

O Sporting é o terceiro clube com mais jogadores da sua formação a atuarem nas ligas europeias e o emblema português mais representado nas 'big 5', segundo o observatório de futebol do Centro Internacional de …

Norueguês empregou 70 imigrantes ilegais e foi a tribunal "muito, muito feliz"

Aharne Viste acha que a Constituição norueguesa reconhece o direito mesmo a quem não consegue obter asilo e tenciona ir em frente com a sua campanha. Aharne Viste contratou cerca de 70 imigrantes legalmente impedidos de …

Netanyahu não consegue formar Governo e devolve mandato ao presidente israelita

O primeiro-ministro israelita em funções, Benjamin Netanyahu, admitiu hoje ao Presidente de Israel, Reuven Rivlin, não ter reunido as condições necessárias para formar Governo e devolveu o processo ao chefe de Estado. Numa nota informativa, a …

Ronaldo, Bernardo e Félix estão entre os finalistas para a Bola de Ouro

Cristiano Ronaldo, Bernardo Silva e João Félix estão entre os 30 finalistas para vencer a Bola de Ouro de 2019. Esta é a primeira vez que Bernardo e Félix são nomeados para o prémio da …

Encontrados dois míticos porta-aviões japoneses afundados na batalha de Midway

Cientistas e exploradores descobriram dois navios japoneses naufragados durante a histórica batalha de Midway, durante a II Guerra Mundial, no Oceano o Pacífico, noticia esta semana a agência noticiosa AP. A equipa, que conta também …

MP pede que autarca de Torres Vedras vá a julgamento por plágio na tese de doutoramento

Em abril deste ano, o MP acusou o autarca de um crime de contrafação, por alegado plágio de 40 textos originais na sua tese de doutoramento “As linhas de Torres, um destino turístico estratégico para …