Roubo de vídeo íntimo do presidente do INEM investigado pela PJ

António Cotrim / Lusa

A Polícia Judiciária (PJ) está a investigar o roubo de um vídeo de conteúdo sexual do computador do presidente do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), Luís Meira, após queixa apresentada por este.

A notícia é avançada pelo Correio da Manhã (CM) que refere que Luís Meira apresentou “queixa por devassa da vida privada” depois de terceiros não identificados terem acedido ao seu computador, obtendo indevidamente um vídeo “alegadamente muito íntimo, em que surge com a sua mulher”.

A Polícia Judiciária (PJ) abriu um inquérito para averiguar o caso e terá já recolhido vários depoimentos, conforme adianta o jornal.

O vídeo não terá sido divulgado na Internet, mas terá circulado, no Verão passado, entre funcionários do INEM e entre algumas pessoas fora da entidade.

Neste momento, não se sabe como é que as imagens terão sido acedidas no computador portátil de Luís Meira, mas há suspeitas de que pode ter sido alguém do INEM.

O CM repara que o vídeo poderia estar “estar alojado nos servidores do INEM, sendo assim o acesso facilitado“. Outra hipótese em análise prende-se com um possível ataque informático.

O crime de devassa da vida privada é punível com pena de prisão até um ano ou multa de 240 dias.

Luís Meira foi nomeado presidente do INEM em Julho de 2017, numa altura em que estava no cargo em regime de substituição desde 2015, depois da suspensão e posterior demissão do anterior ocupante do cargo, Paulo Campos, que foi afastado pelo alegado favorecimento no transporte de um doente do Hospital de Cascais para Abrantes, num helicóptero do INEM.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Começa a parecer-me que este INEM deveria ser bem investigado pela PJ. Parece-me que anda lá muita gente a comer e não devia. Muita coisa estranha se ouve deste INEM.

  2. Dois erros crassos quanto a mim, o primeiro a infantilidade com que o dito senhor pôs o vídeo no computador sabendo para mais que este não era usado apenas em sua casa, segundo a maneira abusiva como alguém acedeu ao dito vídeo sem permissão do proprietário.

  3. Pessoas que supostamente trabalham em instituições públicas deveriam ter um comportamento exemplar, tanto privado quanto público… e será que o vídeo era realmente de quem o homenzinho diz que era ou de alguma suave enfermeira ou enfermeiro? Um dia destes ainda se vem a descobrir que INEM é um “ninho” muito confuso. Dê lá por onde der, PORTUGAL precisa de ser outra coisa!

  4. Gostava de saber, sr jornalista, a possivel pena para quem usa o erário publipúblico para fins íntimos, horas e material e recursos que deveriam estar afetos à causa pública e não à causa privada e neste caso íntima… algo vai muito mal para isto acontecer…

  5. O tipo que fez isso é um herói, tal como Rui Pinto, acedeu a um computador que não lhe pertencia retirou informação e depois partilhou. Que esperam para fazer uma estátua dessa pessoa? Para ser mesmo igual ao outro bastava ter pedido dinheiro por esse video e se não lhe dessem tornava publico… estes são os ingredientes de uma boa acção.

  6. Carlos o enjoado: Deixa lá “as bolas” dos outros e concetra-te nas tuas, já que não tens mais aptidões.
    Quanto à notícia, de facto triste que estes ignorantes ainda não saibam usar material informático!
    Então guardam os vídeos privados no servidor do trabalho.
    Isto deveria de dar direito a despedimento com justa causa e multa. Qual devassa, eles já o são!

RESPONDER

Campanha alerta população sobre cancros de sangue e apela para informação

Uma campanha para quebrar o silêncio sobre os cancros do sangue e alertar para a importância do diagnóstico precoce está nas ruas até final de setembro, lembrando que é essencial estar atento a sintomas e …

Pfizer diz que vacina é "segura" para crianças dos cinco aos 11 anos

A Pfizer/BioNTech anunciaram, esta segunda-feira, que a vacina é segura e parece gerar uma resposta imunitária robusta nas crianças dos cinco aos 11 anos. Depois de um estudo com 2.268 participantes, a Pfizer/BioNTech anunciaram que a …

PS e CDS na Madeira desencontrados, PSD e Bloco continuam no Norte

No arranque da segunda semana de campanha para as autárquicas, os líderes do PS e do CDS-PP apostam na Madeira mas com horários desencontrados, enquanto BE e PSD continuam a norte, e PAN e PCP …

Confronto entre EUA e China é "perigoso para o mundo", alerta Guterres

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU) afirmou no domingo que um confronto entre os Estados Unidos (EUA) e a China é "perigoso para o mundo" e que, apesar das diferenças, há áreas onde …

Portugal recebeu no domingo grupo de 80 afegãos

Portugal recebeu no domingo 80 afegãos, na maioria atletas da equipa de futebol feminino e seus agregados familiares, elevando para 178 o total de cidadãos acolhidos após a emergência humanitária no Afeganistão, anunciou esta segunda-feira …

Inspeção obrigatória das motas começa em janeiro de 2022

Quase dez anos depois de a medida ter sido aprovada pelo Governo, a inspeção obrigatória de motas com mais de 125 cc vai arrancar em janeiro de 2022. Jorge Delgado, secretário de Estado das Infraestruturas, referiu …

André Ventura - Chega

Ventura diz que PSD está "igual" ao PS - e desafia Rio a justificar atraso no interior

O líder do Chega, André Ventura, manifestou-se hoje preocupado com o panorama político à direita, observando que o PSD está “igual” ao PS e acusando ambos os partidos de terem abandonado o interior do país. “Estou …

Sem Cristiano, o que se passa com a Juventus?

Nenhum triunfo em quatro jornadas do campeonato. Não acontecia há 60 anos. E o problema maior não estará no ataque, apesar da saída de Cristiano Ronaldo. Estreia na temporada: 2-2 no terreno da Udinese. Receber o …

Pacto AUKUS. Nova aliança dos EUA na Ásia-Pacífico pode levar a "corrida às armas nucleares"

A nova aliança dos Estados Unidos (EUA) na região da Ásia-Pacífico e a recente compra de submarinos norte-americanos por parte da Austrália pode desencadear uma "corrida às armas nucleares" na região, avisou esta segunda-feira a …

Costa foi omnipresente, agradeceu a regueifa e recarregou a "bazuca" como arma política

António Costa correu oito concelhos do Norte, em missão de campanha eleitoral. A "bazuca" europeia é usada como arma política, assim como a gestão da pandemia. A pandemia era um ponto de inflexão para as eleições …