Ronaldo de “consciência tranquila” com acusação de fuga ao fisco

Miguel A. Lopes / Lusa

Cristiano Ronaldo marca o primeiro golo da vitória de Portugal por 2-0 frente ao País de Gales na meia-final do Euro 2016

Cristiano Ronaldo

O futebolista português declarou, esta quarta-feira, estar tranquilo perante as notícias de evasão fiscal pela justiça espanhola, que o acusa de defraudar o fisco espanhol em 14,7 milhões de euros.

Na partida da comitiva da seleção portuguesa de futebol que vai disputar a Taça das Confederações, na Rússia, o capitão da seleção portuguesa foi questionado à entrada da porta do Aeroporto Humberto Delgado por uma equipa de televisão espanhola, que o confrontou com as últimas notícias dos jornais.

“Estou de consciência tranquila”, atirou, de longe, Cristiano Ronaldo, deixando ainda uma garantia sobre a sua serenidade face a esta polémica: “Sempre tranquilo”.

A Gestifute, empresa que gere a carreira do futebolista, já reagiu também esta terça-feira à acusação da justiça espanhola através de um comunicado, negando “qualquer tipo de esquema fiscal montado” pelo jogador para evadir impostos.

Por sua vez, António Lobo Xavier, um dos advogados do internacional português, entende que a acusação contra o jogador se deve a uma diferença de opinião que não tem base em qualquer lei.

O Real Madrid também já veio a público notar que tem “total confiança” em Cristiano Ronaldo e que acredita que este terá “atuado em concordância com a legalidade”.

Jorge Mendes ouvido na investigação a Falcao

Entretanto, Jorge Mendes vai ser ouvido como arguido, a 27 de junho, no Tribunal de Instrução número 1 de Pozuelo de Alercón, Madrid, no caso da alegada fuga fiscal do jogador Radamel Falcao.

De acordo com as fontes da EFE, o mesmo tribunal será o responsável por investigar a denúncia apresentada pelo Ministério Público de Madrid contra Ronaldo.

No que respeita ao internacional colombiano, o atual jogador do Mónaco e ex-jogador do FC Porto foi acusado de uma fraude fiscal no valor de 5,66 milhões de euros, em 2012 e 2013, quando atuava no Atlético de Madrid.

O Ministério Público de Madrid também acusou o português Fábio Coentrão, companheiro de equipa de CR7 no Real Madrid, de ter defraudado o fisco espanhol em 1,29 milhões de euros, entre 2012 e 2014.

A Falcao e Coentrão são imputados cinco delitos contra a Fazenda Pública espanhola, tendo em conta os dados recolhidos pelo fisco sobre as suas situações fiscais.

Falcao é acusado de ter criado uma sociedade com o único fim de ocultar à Fazendo Pública espanhola as receitas geradas em Espanha pelos seus direitos de imagem obtidos em 2012 e 2013 – 822.609 e 4.839.253 euros, respetivamente -, valores que também não foram declarados fora de Espanha.

Antes, o argentino Ángel Di Maria e o português Ricardo Carvalho, ambos ex-jogadores do Real Madrid, também foram acusados de alegados delitos fiscais, sendo que Jorge Medes, dono da Gestifute, representa todos os futebolistas.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Ivanka Trump também usou email pessoal para assuntos oficiais da Casa Branca

Ivanka Trump, filha e assessora do Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, utilizou uma conta pessoal de email para discutir assuntos oficiais da Casa Branca durante o ano passado. A notícia, avançada nesta segunda-feira pelo …

Companhia aérea polaca pede a passageiros que paguem reparação de avião para descolar

A companhia aérea polaca LOT pediu aos passageiros, que esperavam no aeroporto de Pequim para embarcar num voo para Varsóvia, que pagassem trabalhos de reparação no avião, informou esta terça-feira o Caixin. Segundo o portal de …

PJ apreendeu pergaminho do século XIV à venda no OLX

O pergaminho datado do século XIV, com um mandado para a entrega do Castelo de Lisboa e que esteve à venda no OLX, foi apreendido pela Polícia Judiciária. Se for autêntico, será entregue ao Arquivo …

Petição para referendo às touradas. Onze mil assinaturas em uma semana

Uma iniciativa popular de referendo à realização de corridas de touros em Portugal recolheu, através da Internet, quase onze mil assinaturas, sendo necessárias pelo menos 60 mil para dar entrada na Assembleia da República. As assinaturas …

Espanha ameaça chumbar o Brexit. Tudo por Gibraltar

O estatuto de Gibraltar é mais uma pedra na engrenagem do Brexit, com Espanha a ameaçar chumbar o acordo para a saída do Reino Unido da União Europeia, caso não haja alterações relativamente ao território …

A tendência de conforto do PS: sondagens apontam para vitória segura

Com apenas três dias de diferença, foram divulgadas duas sondagens que revelam dados contraditórios sobre as intenções de voto nos dois principais partidos. Ainda assim, numa leitura global, o PS mantém-se a uma distância muito …

Mustafá tem vida de luxo, mas vai pedir ao Estado que lhe pague o advogado

O líder da claque Juventude Leonina, Nuno Mendes, mais conhecido por Mustafá, declarou em tribunal que só ganha 2 mil euros por ano, apesar de conduzir um BMW e de ter, segundo a investigação da …

Orçamento com “número elevado” de cativações “acaba por ser uma mentira”

O líder do PSD afirmou esta segunda-feira que um Orçamento do Estado (OE) com um “número elevado” de cativações “acaba por ser uma mentira”, porque o parlamento aprova um documento, “mas, depois, o Governo executa …

Paraquedista morre ao saltar de penhasco na Nazaré

Um vídeo de 22 segundos mostra dois homens que saltam do alto para a praia da Nazaré. Um deles, acaba por não conseguir abrir a tempo o paraquedas, caindo desamparado no solo. Um alemão de 50 …

Haddad acusado de corrupção passiva e branqueamento de capitais

O candidato do Partido dos Trabalhadores (PT), Fernando Haddad, terá recebido cerca de três milhões de reais da UTC, uma empresa brasileira de engenharia, para pagar despesas relativas à campanha de 2012. A Justiça brasileira abriu …