Robô-lula já navegou num grande aquário (e tirou fotografias a corais e peixes)

Engenheiros da Universidade da Califórnia, em San Diego, construíram um robô, parecido com uma lula, que consegue nadar impulsionando o movimento com a ajuda de jatos de água.

A equipa da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, recriou todos os recursos-chave que as lulas usam para nadar a alta velocidade e desenvolveu um novo robô que gera jatos de água para uma locomoção mais rápida e eficiente.

Segundo o EurekAlert, o robô-lula é feito a partir de materiais macios, como polímero acrílico, com algumas peças rígidas, impressas em 3D e cortadas a laser. O uso de robôs leves na exploração subaquática é importante para proteger peixes e corais, que podem ser danificados por robôs rígidos.

No entanto, os robôs macios têm um grande senão: movimentam-se muito lentamente e têm dificuldades a realizar certas manobras.

Esta desvantagem foi colmatada com este novo dispositivo. O artigo científico foi recentemente publicado na Bioinspiration and Biomimetics.

A equipa de engenheiros da universidade norte-americana inspirou-se nos cefalópodes para desenvolver este novo robô. A lula, por exemplo, consegue atingir velocidades muito rápidas graças a um mecanismo de propulsão a jato.

Este dispositivo armazena energia elástica na pele e costelas flexíveis e liberta essa energia comprimindo o corpo. Essa ação gera um jato de água que impulsiona o seu movimento fugaz.

As costelas do robôs estão ligadas a duas placas circulares em cada uma das extremidades: uma tem um bico que ejeta e capta água quando o corpo contrai, enquanto que a outra pode carregar uma câmara à prova de água ou outro tipo de sensor.

Os engenheiros já testaram o robô-lula em laboratório, num tanque no Departamento de Engenharia Mecânica e Aeroespacial da universidade e no Aquário de Birch, no Scripps Institution of Oceanography.

A equipa demonstrou que o robô consegue mover-se ajustando a direção do bocal. O dispositivo atingiu uma velocidade de 18 a 32 centímetros por segundo (cerca de meia milha por hora), ou seja, é muito mais rápido do que a maioria dos robôs.

“Foi especialmente emocionante ver que o robô foi capaz de nadar com sucesso num grande aquário entre corais e peixes, demonstrando a sua viabilidade para aplicações do mundo real”, disse Caleb Christianson, líder da investigação.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Em apenas três anos, a Austrália perdeu um terço dos seus coalas

A seca, os incêndios florestais e a desflorestação na Austrália levaram o país a perder um terço dos seus coalas nos últimos três anos. A Austrália perdeu cerca de 30% dos seus coalas nos últimos …

Há modelos matemáticos que preveem se uma música vai ser viral — os mesmos utilizados com a covid-19

O uso de modelos matemáticos para antecipar o nível de sucesso de uma música pode começar a ser usado, a partir da publicação do presente estudo, por artistas e editoras para melhorar o desempenho dos …

Alemanha. Funcionário de posto de combustível abatido a tiro por cliente que se recusou a usar máscara

Um homem de 49 anos matou um funcionário de um posto de combustível na Alemanha, após tentar comprar cerveja sem utilizar a máscara. No país, o uso deste equipamento de proteção é obrigatório para entrar …

Um violino gigante flutuou no Grande Canal de Veneza (ao som de Vivaldi)

No passado fim de semana, um violino gigante, com quase 12 metros de comprimento, desceu o Grande Canal de Veneza. A bordo estava um quarteto de cordas, que tocou Four Seasons de Vivaldi. O Noah's Violin …

Assembleia de credores aprova recuperação da Groundforce

Esta quarta-feira, os credores da Groundforce aprovaram a recuperação da empresa. Em causa está uma dívida de 154 milhões de euros. Os credores da Groundforce, reunidos esta quarta-feira em assembleia de credores, no tribunal de Monsanto, …

Europeus acreditam numa "guerra fria" entre os EUA e a China e Rússia

A maioria dos cidadãos da União Europeia (UE), 62%, considera que os Estados Unidos (EUA), com apoio das instituições comunitárias, estão numa nova "guerra fria" com a China, mas recusam envolvimento nacional, revelou um inquérito …

Desenho de Van Gogh esteve guardado mais de 100 anos. Agora, é exibido pela primeira vez

O Museu de Amesterdão, nos Países Baixos, ganhou um novo inquilino: Study for 'Worn Out', um desenho recém-descoberto de Vincent van Gogh. O holandês Vincent van Gogh ainda continua a impressionar o mundo inteiro com a …

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã, com receio de que os avanços dos últimos 20 anos tenham sido conquistados em vão. A Vice falou com algumas professoras afegãs que garantem continuar …

Apenas um terço das crianças em 91 países tem acesso a uma alimentação adequada, alerta UNICEF

Apenas um terço das crianças com menos de dois anos em 91 países em desenvolvimento têm acesso aos alimentos que necessitam para um crescimento saudável, revelou um relatório da UNICEF, apontando que nenhum progresso foi …

Preços das casas voltaram a aumentar no segundo trimestre

Entre abril e junho, o índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu 6,6% em termos homólogos. A revelação foi feita esta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). O Índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu …