Rui Rio confirma recandidatura à liderança do PSD

Ricardo Castelo / Lusa

O presidente do Partido Social Democrata (PSD), Rui Rio

O presidente do PSD, Rui Rio, quebrou hoje o silêncio sobre o seu futuro político, confirmando a sua recandidatura à liderança do partido. O anúncio foi feito às 18:30, num hotel no Porto.

Duas semanas depois da derrota nas eleições legislativas, Rui Rio confirmou que se vai recandidatar à liderança do PSD. O anúncio foi feito pelo próprio, num discurso feito esta segunda-feira, às 18h30, no Porto Palácio Hotel. Rio ainda não tinha dado a conhecer se ia apresentar a recandidatura, mas acabou por quebrar hoje o silêncio.

“Ponho o interesse público acima de tudo o mais e estou disponível para continuar a servir o PSD e, por seu intermédio, Portugal. Estou disponível para disputar o processo eleitoral inter, liderar a oposição ao Governo socialista e conduzir o PSD nas próximas eleições autárquicas”, disse o social democrata, citado pela Rádio Renascença.

O líder do PSD disse que esta foi “uma decisão de elevada responsabilidade”, na qual teve de ponderar o sacrifício pessoal e o apelo de várias pessoas nos últimos dias, “de dentro e de fora do partido”.

De acordo com o Público, Rio confessou temer uma “grave fragmentação do partido” caso não apresentasse a recandidatura à presidência.

“O PSD precisa de um líder que defenda a social-democracia e que ponha o partido no centro político. Que evite uma ideologia vazia ou um perfil eminentemente liberal. Que tenha uma postura corajosa e frontal e não um discurso falho de imaginação e dominado pela hipocrisia do politicamente correto”, acrescentou.

Nas legislativas de 06 de outubro, o PSD obteve 27,7% dos votos (correspondentes a 79 deputados), contra 36,3% do PS (108 deputados). Rio explicou que “quase 28%” equivale a 1,5 milhões de portugueses que “confiaram no PSD com esta liderança e não com a de quem tudo tem feito para a destruir”.

Nessa noite, Rio assumiu que o PSD não alcançou o principal objetivo – vencer as legislativas – mas defendeu que não se tratou de “uma grande derrota”, explicando o resultado pela conjuntura económica internacional favorável ao Governo, pelo surgimento de novos partidos à direita, mas também pelas sondagens que terão “desmotivado” os eleitores sociais-democratas e pela ação dos críticos internos.

Rio considerou ter enfrentado, ao longo do seu mandato, “uma instabilidade de uma dimensão nunca antes vista na história do PSD e exclusivamente motivada por ambições pessoais”.

Depois da reunião da Comissão Política Nacional, o secretário-geral do PSD, José Silvano, disse que a recandidatura de Rio reuniu um consenso “praticamente unânime” entre os presentes. O anúncio surge exatamente no dia em que António Costa fechou a composição do Governo ao anunciar os novos secretários de Estado.

Para já, sabe-se que Rui Rio vai ter a concorrência de Luís Montenegro e Miguel Pinto Luz, que já anunciaram a sua candidatura à presidência do partido.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. É bem!!
    Vamos lá ver se os outros (os cobardes que não concorrerem contra ele e ficaram de fora a minar e a atirar pedras), agora vão dar a cara!…

  2. Força Rio! O povo… ou melhor cerca de 27,9% dos portugueses… perdão… dos que foram votar… o que dará qualquer coisa como um milhão e trezentos mil do povo… estão contigo!

Responder a Eu! Cancelar resposta

Igrejas evangélicas cultivam violência doméstica ao defender a supremacia dos homens sobre as mulheres

O facto de a igreja evangélica defender que o homem deve controlar a mulher apenas agrava o problema de violência doméstica, justificando os atos dos homens. Jane (nome fictício) era membro da comunidade cristã evangélica da …

A Cidade do México está a pagar aos seus polícias para que percam peso

A Polícia da Cidade do México está a levar a cabo um programa para combater o excesso de peso e a obesidade no seu efetivo através de incentivos financeiros.  Ao todo, escreve a agência AFP que …

Há um novo método para medir buracos negros

Os buracos negros supermassivos são os maiores buracos negros, com massas que podem exceder mil milhões de sóis. Apenas esta primavera foi divulgada a primeira imagem do buraco negro supermassivo no centro da galáxia M87, …

E Tudo o Vento Levou… há 80 anos

E Tudo o Vento Levou celebra este domingo 80 anos de vida, marcando a data da sua estreia nos Estados Unidos. Oito décadas depois, o filme mantém-se como uma das maiores obras primas do cinema …

O problema impossível mais simples do mundo está a levar matemáticos à loucura

Matemáticos avisam os seus colegas para se manterem longe da conjetura de Collatz. No entanto, Terence Tao decidiu arriscar, e está muito perto de resolver aquele que muitos chamam de o problema impossível mais simples …

Soldados da Guerra Civil dos EUA pintavam o cabelo para ficar melhor nas fotografias

Investigadores encontraram evidências que indicam que soldados da Guerra Civil norte-americana pintavam o cabelo para ficar melhor nas fotografias. Escavações em Camp Nelson, no Kentucky, revelaram restos de um estúdio de fotografia com 150 anos, o …

Chuva, vento forte e neve. Mau tempo vai agravar-se nas próximas 48 horas

A Proteção Civil alertou este domingo para um agravamento do estado do tempo nas próximas 48 horas, com períodos de chuva, possibilidade da queda de neve nas terras alta do norte e centro e ainda …

Descoberta nova espécie de aranha-violinista no Vale do México

Cientistas identificaram, no México, uma nova espécie de aranha com um veneno que, apesar de não ser fatal, é capaz de causar necrose na pele humana. Uma equipa de cientistas da Universidade Nacional Autónoma do México …

Já sabemos sobre o que conversam os orangotangos

Um novo estudo da Universidade de Exeter, em Inglaterra, desvendou a linguagem secreta dos orangotangos, descobrindo o que significam 11 sinais vocais e 21 gestos. Os investigadores passaram dois anos a filmar mais de 600 horas …

COP25 aprovou conclusões. Não há acordo para regulação dos mercados de carbono

A cimeira da ONU sobre o clima terminou hoje em Madrid assinalando a urgência para conter as alterações climáticas, mas a mais longa cimeira sobre o clima de sempre sem chegar a acordo nos pontos …