Restam apenas dois rinocerontes brancos do norte (mas há uma esperança para salvar a espécie)

Com a morte do último macho em 2018, o rinoceronte branco do norte chegou ao ponto em que não pode ser salvo naturalmente. Com apenas duas fêmeas restantes, a subespécie é agora tida como oficialmente extinta. A esperança reside na fertilização in vitro e em barrigas de substituição.

Esta é uma situação preocupante, mas não definitiva. A existência de novas técnicas, como a fertilização in vitro, permite contornar a reprodução normal e assim oferecer a possibilidade de produzir novos bebés, mesmo que a espécie já se encontre extinta, ou em vias de extinção – como é o caso do rinoceronte branco do norte.

Existem amostras de esperma de machos que já morreram, que são preservadas em bancos de material genético. Contudo, o problema é que neste stock de esperma, segundo a equipa que fez a pesquisa, não existem ovos de rinocerontes brancos do norte em que os especialistas possam confiar assim tão facilmente.

De acordo com o The Convsersation, o Projeto de Fertilidade Rhino, da Universidade de Oxford, pode ajudar a resolver esse problema. Através do uso de tecido de ovários de rinocerontes que já morreram, os investigadores acreditam ter encontrado uma maneira de salvar o rinoceronte branco do norte – e potencialmente, outras espécies ameaçadas.

Uma equipa liderada pelo professor Thomas Hildebrandt, do Instituto Leibniz para Pesquisa em Zoológicos e Animais Selvagens, na Alemanha, deu um grande passo em 2019 quando conseguiu recolher ovos das últimas fêmeas de rinoceronte branco do norte.

Depois de tratar as fêmeas com hormonas, os óvulos imaturos foram então recolhidos, transferidos para um laboratório onde foram amadurecidos, e fertilizados com esperma congelado. Até o momento, alguns embriões de rinoceronte branco do norte foram criados desta forma. Agora estes estão congelados e aguardam implantação numa fêmea de rinoceronte branco do sul.

A transferência de embriões para barrigas de substituição para produzir animais é um processo que está estabelecido já em muitas espécies, como é o caso de cavalos e vacas, embora ainda esteja em fase de desenvolvimento nos rinocerontes.

Contudo, a maior limitação deste método é que a estimulação hormonal destes rinocerontes fêmeas produz apenas alguns ovos por ciclo. Nem todos esses óvulos podem ser fertilizados e nem todos se desenvolvem em embriões. Após a transferência para uma barriga substituta, apenas alguns irão completar o seu desenvolvimento e assim tornarem-se bebés rinocerontes.

O facto de haver apenas dois rinocerontes fêmeas, faz com que se torne mais difícil recolher embriões com potencial de procriação, o que limita a capacidade dos investigadores diminuírem, através deste método, a extinção da espécie.

Ainda assim, há uma nova esperança. Os especialistas acreditam que mesmo que os óvulos recolhidos de rinocerontes fêmeas sejam escassos, a geração de óvulos de tecido ovariano de rinocerontes que já morreram, pode preencher esta falha que poderia por em causa a continuidade da espécie.

No entanto, não há muitos ovários de rinoceronte disponíveis para pesquisas laboratoriais no Reino Unido, país onde decorreu a pesquisa. O envio de tecidos de espécies ameaçadas, ou em perigo de extinção de África para o Reino Unido em tempo hábil é impossível.

Por isso, neste caso “a colaboração entre zoológicos, parques naturais e institutos de pesquisa é de extrema importância” para que os investigadores possam obter o tecido ovariano, pode ler-se no artigos publicado no The Conversation.

Os investigadores destacam que a “experiência e o conhecimento que estamos a adquirir com o desenvolvimento desta técnica podem ser úteis em esforços de conservação de outras espécies”.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Parque de esculturas subaquático vai ser inaugurado em Miami

Miami vai servir de casa para um novo parque de esculturas subaquático como nunca viu. O ReefLine é projetado para servir como um recife artificial e vai estar disponível a receber visitantes em dezembro de …

Da "política do filho único" a incentivos à natalidade: como a China tem mudado a sua estratégia populacional

A China está a planear incluir novas medidas para estimular a taxa de natalidade do país e lidar com o rápido envelhecimento da população. A estratégia passa pelo “plano de cinco anos” que deverá estar …

Vacinação será “grande prioridade” de presidência portuguesa da UE

O primeiro-ministro português, António Costa, referiu hoje que a vacinação contra a covid-19 deverá ser uma das “grandes prioridades” da presidência portuguesa do Conselho da União Europeia (UE), após um encontro com o presidente do …

No Cambodja, os aldeões usam "espantalhos mágicos" para afastar a covid-19

Os aldeões do Cambodja têm evitado a pandemia de covid-19 sem máscaras nem distanciamento social, mas sim com "espantalhos mágicos" que espantam o vírus mortal. Os dois espantalhos de Ek Chan, um aldeão de 64 anos, …

O Arecibo desabou. É o fim de uma era à procura de vida extraterrestre

O Observatório de Arecibo, em Porto Rico, morreu. Três semanas depois de um dos principais cabos de sustentação da sua cúpula ter desabado, danificado irremediavelmente o radiotelescópio, o icónico caçador de vida extraterrestre antecipou-se à …

O maior elevador panorâmico do mundo tem vista para os cenários de Avatar

Com o recente lançamento de fotografias subaquáticas dos bastidores do Avatar 2 e a notícia de que Avatar 3 está quase a terminar as filmagens, não há melhor momento para revisitar o parque nacional que …

Pandemia tirou comida da mesa, mas deu asas a startup que transforma plástico do mar em máscaras

A startup portuguesa Skizo transformou a pandemia numa oportunidade de crescimento. Quando faltava comida nalgumas mesas, a empresa de produção de sapatilhas e bolsas passou a fazer máscaras a partir de plástico retirado dos oceanos …

Na Irlanda, o Pai Natal é considerado um "trabalhador essencial"

A Irlanda fez esta semana um anúncio especialmente dedicado às crianças, afirmando que o Pai Natal é considerado um trabalhador essencial no país e, por isso, não terá as suas deslocações restringidas no período natalício. …

Mais 2400 novos casos. Portugal ultrapassa os 300 mil desde o início da pandemia

Portugal ultrapassou hoje a barreira dos 300 mil casos de covid-19 desde o início da pandemia no país, em março, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Portugal registou mais 2.401 novos casos, tendo passado a contabilizar …

Medidas para o Natal conhecidas no sábado. Passagem de ano com todas as restrições

O primeiro-ministro, António Costa, adiantou hoje que no sábado anunciará as medidas para o Natal “com as melhores condições possíveis”, mas avisou desde já que “a passagem do ano vai ter todas as restrições”. “O Governo …