Relatório aponta “bom estado global” do carvalho que matou 13 pessoas na Madeira

Homem de Gouveia / Lusa

O carvalho que caiu em agosto do ano passado na freguesia do Monte, provocando 13 mortos e 50 feridos, apresentava um “bom estado global”, revela o relatório preliminar da peritagem pedida pela Câmara do Funchal.

Em comunicado, a Câmara Municipal do Funchal informa que remeteu já ao Ministério Público a versão preliminar do relatório técnico da peritagem que solicitou na sequência da queda de um carvalho no Largo da Fonte, na freguesia do Monte, no dia 15 de agosto de 2017.

O relatório preliminar, publicado no site da autarquia, para efeitos de consulta pública, foi elaborado pelo perito independente Pedro Ginja, engenheiro agrícola e arboricultor profissional com formação avançada em Arboricultura Urbana, com a colaboração de Gerard Passola Parcerissa, biólogo, membro do Colégio de Biólogos da Catalunha e especialista em Arboricultura.

A versão preliminar considera que “num passado recente não se registou nenhum incremento da inclinação” e que o tronco se encontrava “totalmente são em toda a sua extensão”. É referido ainda que “a rutura teve origem na base” e que a “árvore apresentava um crescimento da área anelar nos últimos anos” que evidencia “um incremento da vitalidade”, sendo que “a parte visível da base não apresentava nenhuma anomalia”.

Conclui, por isso, que a árvore apresentava um “bom estado global”, inexistindo qualquer lesão ou anomalia que possa ter interferido na sua queda, não tendo sido encontrados “defeitos na estrutura mecânica da árvore ou cargas externas naturais (vento ou outras) que justifiquem a rotura repentina da grande raiz de tensão, que se encontrava integralmente sã, e o consequente colapso do carvalho”.

O relatório levanta “como hipótese que a explicação para a rotura da raiz de tensão esteja relacionada com um sobre esforço a que foi sujeita por uma movimentação do solo, provavelmente na zona rochosa encontrada a sul”.

Os autores defendem que devem “ser encetados estudos subsequentes de caracterização da geologia, da pedologia, da geotecnia, em especial no que concerne à mecânica dos solos, e as respetivas relações com as questões da acústica (som emitido pela atuação dos conjuntos musicais e detonação dos fogos de artifício) e da detónica (fogos de artifício: caracterização das ondas de choque, caracterização dos materiais – solo e árvore – ao choque e avaliação de possíveis danos)”.

Consideram ainda “que também deverá ser estudado o possível efeito das vibrações mecânicas de uma máquina giratória que trabalhou com um martelo pneumático na Ribeira de Santa Maria, próxima do local”.

A Câmara Municipal do Funchal aguarda, agora, a entrega do relatório técnico final da peritagem do incidente que a 15 de agosto de 2017 causou 13 mortos e 50 feridos, entre residentes e turistas. Nesse dia, dia da Assunção de Nossa Senhora ou Nossa Senhora do Monte, como é conhecido na Madeira, o carvalho tombou no Largo da Fonte sobre uma multidão que aguardava a passagem da procissão da padroeira da região.

Na sequência do acidente, o Ministério Público confirmou em janeiro a constituição de três arguidos: o presidente da Câmara do Funchal, Paulo Cafôfo, a vereadora da Câmara Municipal do Funchal com o pelouro do Ambiente Urbano, Espaços Verdes e Espaços Públicos, Idalina Perestrelo, e o chefe de Divisão de Jardins e Espaços Verdes Urbanos da autarquia.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Investir em peças de Lego é mais rentável que comprar ações

Hoje em dia qualquer coisa pode ser construída com Legos. Segundo um estudo de uma professora da Escola Superior de Economia da Rússia, há empresários que preferem investir nas famosas peças da Lego do que …

Sporting vs Moreirense | Bom arranque vale triunfo ao leão

O Sporting não quis deixar fugir os seus adversários directos na luta pelo título e também venceu nesta primeira jornada da segunda volta. Os “leões” receberam e bateram o Moreirense por 2-1, num jogo em …

Alemã tricotou o "cachecol dos atrasos do comboio" e agora vendeu-o por sete mil euros no eBay

A passageira alemã Claudia Weber vendeu no eBay o cachecol que tricotou durante um ano e que representa o longo tempo de espera pelo comboio que a levava ao trabalho, todos os dias. A peça é …

Duas irmãs fingiram ser homens para salvar a barbearia da família

Jyoti e Neha, irmãs de 18 e 16 anos, respetivamente, fingiram ser homens para salvar a barbearia da família, localizada no estado de Uttar Pradesh, Índia, depois de o pai adoecer em 2014 "Eu estava a …

Tesla anuncia novos despedimentos (e são mais de três mil)

O presidente executivo da Tesla afirmou que a empresa vai suprimir cerca de três mil empregos e alertou para o "caminho muito difícil que tem pela frente" para produzir carros elétricos do Modelo 3 acessíveis …

InSight da NASA prepara-se para ouvir a "pulsação" de Marte

A NASA publicou esta semana imagens do sismómetro da sonda espacial InSight, que se prepara para ouvir a "pulsação" do solo marciano.  A agência espacial norte-americana descreve regularmente através da sua conta no Twitter como …

"Africa", dos Toto, vai tocar para sempre no deserto da Namíbia

"Africa", a canção dos "Toto", hit desde que foi lançada, em 1982, está a tocar para sempre no meio de um deserto na Namíbia, no continente que lhe dá nome. A instalação artística, da autoria de …

Liv deixou a escola por causa do bullying. Hoje, aos 20 anos, tem um negócio milionário

A empresária Liv Conlon abandonou os estudos aos 16 anos porque sofria bullying, montou um negócio imobiliário e agora a sua empresa fatura mais de um milhão de libras por ano. Hoje, ajovem de Bothwell, na …

Há um avião abandonado no aeroporto de Madrid (e ninguém sabe quem é o dono)

O avião, um Mc Donnell Douglas MD87, é o único naquelas condições em Barajas. Procura-se o dono da aeronave que está em “evidente estado de abandono”, de acordo com o aeroporto. Há um avião esquecido no …

Trump cancela viagens de democrata Nancy Pelosi. "Apanhe um voo comercial"

Donald Trump obrigou a presidente da Câmara dos Representantes, a democrata Nancy Pelosi, a desmarcar as viagens que tinha agendadas a Bruxelas e ao Afeganistão. Donald Trump usou o argumento do shutdown, a paralisação dos gastos …