Rangel: “Temos uma visão pragmática da Europa e não uma visão utópica como o PS”

Hugo Delgado / Lusa

O candidato do PSD às eleições europeias não considera que o Aliança de Santana Lopes, nem o Chega de André Ventura, representam uma preocupação para os sociais-democratas na corrida eleitoral de 26 de maio.

“Sinceramente, não acho que tenham impacto relevante sobre o PSD, sempre disse isso desde o primeiro dia. Pode parecer alguma pretensão o que vou dizer, mas não me parece que estes movimentos tenham futuro, ou que tenham essa atração neste momento. É uma intuição mais empírica, da minha experiência, do contacto com as pessoas, da análise que faço”, disse em entrevista ao jornal Público e à Renascença.

Apesar de as últimas sondagens apontarem para um empate técnico entre PSD e PS nas europeias, o eurodeputado social-democrata afirma que há três fatores importantes que têm contribuído para um fortalecimento do PSD.

“O primeiro tem a ver com o presidente Rui Rio que sempre disse que seria a partir de janeiro de 2019 que se começaria com uma estratégia de oposição de outro tipo.

O lançamento de uma boa lista e de um bom programa, mas especialmente uma lista que comparada com a do Partido Socialista o deixa a anos-luz de distância em termos de qualidade, de experiência e até de juventude e inovação, é uma segunda explicação e, finalmente, o próprio desgaste de três anos do Governo em que vem ao de cima essa política que estava um pouco encriptada ou escondida”, enumerou.

Paulo Rangel, que encabeça a lista do PSD pela terceira vez, apontou ainda as grandes diferenças que separam o PS e o PSD no que respeita à visão da Europa. “Uma diferença que é absolutamente capital é a questão dos fundos europeus. Nós temos uma visão pragmática da Europa, não temos uma visão utópica”, atirou.

“Na questão das políticas sociais, prometer tudo socialmente é como a estratégia de Lisboa do Guterres que propôs uma estratégia em que a Europa em 10 anos ia ser a grande potência tecnológica e nós nem daqui a 30 conseguimos ultrapassar os Estados Unidos por mais que invistamos nos sectores tecnológicos”, afirma.

Nas europeias em que Rangel foi cabeça de lista, o PSD venceu em 2009 com 31,7% (correspondentes a 8 eurodeputados) e, em 2014, a coligação PSD/CDS-PP fica em segundo lugar com 26,7% (7 eurodeputados, seis dos quais do PSD). Católico, é um dos vice-presidentes do grupo parlamentar do Partido Popular Europeu, e desde 2015 é também vice-presidente desta família europeia.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Governo quer licenças de trabalho parcial pagas para pais no primeiro ano dos filhos

O Governo quer implementar licenças de trabalho parcial remuneradas para pais e mães de crianças no seu primeiro ano de vida, no âmbito do programa para a conciliação entre vida profissional e vida familiar e …

Covid-19. Portugal "tem de preparar-se para o pior" e ter plano de contingência

Ricardo Mexia, presidente da Associação Nacional de Médicos de Saúde Pública, defende que Portugal tem de se preparar para o pior e, por esta altura, já devia ser conhecido o plano de contingência em ação. "Convém …

Misteriosa mensagem esculpida numa rocha em França foi finalmente decifrada

A inscrição, gravada há 250 anos numa rocha na região francesa da Bretanha, foi finalmente decifrada graças a um concurso lançado pelo município. O mistério, que há muitos anos intrigava a comunidade científica e curiosos de …

Transferência de Bruno Fernandes rendeu 16 milhões ao BCP e ao Novo Banco

A transferência de Bruno Fernandes do Sporting para o Manchester United foi rentável não apenas para o clube de Alvalade, mas também para os Bancos que são os principais financiadores do emblema. Millennium BCP e …

Braga 0-1 Rangers | "Guerreiros" eliminados por pé Kent

O Sporting de Braga caiu nos 16 avos-de-final da Liga Europa. Após a derrota por 3-2 na visita ao Rangers na semana passada, após estar a vencer por 2-0, os “arsenalistas” foram donos e senhores …

Violada, drogada e raptada. Cantora Duffy explica o seu desaparecimento da cena musical

A cantora galesa Duffy que fez sucesso, em 2008, com a música "Mercy", esteve vários anos afastada dos holofotes do mundo da música e explica, agora, que isso se deveu ao facto de ter sido …

Neeleman continua na TAP, mesmo com a entrada da Lufthansa

David Neeleman vai manter-se como acionista da companhia aérea portuguesa, mesmo que a Lufthansa venha a entrar no capital da TAP. Sabe-se que a Lufthansa está a estudar, juntamente com a United Airlines, a aquisição dos …

Escócia aprova plano para dar tampões e pensos grátis a todas as mulheres

O Parlamento escocês aprovou, esta terça-feira, um projeto de lei para disponibilizar gratuitamente produtos de higiene feminina a todas as mulheres. A Escócia será o primeiro país a avançar com uma medida deste tipo. O plano …

Bruxelas regista lentidão no desenvolvimento da ferrovia e dos portos portugueses

A Comissão Europeia fez hoje várias observações sobre a lentidão do desenvolvimento de projetos na ferrovia e nos portos portugueses, num relatório elaborado no âmbito do pacote de inverno do semestre europeu. Abordando os setores ferroviário …

Há dois anos, o Governo deu luz verde a doutoramentos nos politécnicos (mas ainda não mudou a lei)

O Governo deu luz verde aos doutoramentos nos politécnicos e, por isso, criou em 2018 uma lei para mudar o panorama. Contudo, esta só funciona se a Lei de Bases mudar. Em 2018, o Conselho de …