Publicar muitas selfies faz-nos parecer menos atraentes e mais chatos

A maioria das pessoas adora publicar selfies nas redes sociais pelos mais diversos motivos, que vão desde se sentirem bem com a sua aparência e desejar mostrar a sua beleza ao mundo, até estar a passando por um mau dia e querer ganhar alguns elogios para se sentir um pouquinho melhor.

No entanto, um novo estudo, publicado na Social Psychological and Personality Science, mostra que publicar selfies pode, na verdade, prejudicar a reputação.

Investigadores da Universidade de Toronto estudaram o assunto para descobrir se a selfie realmente reflete a melhor faceta da pessoa fotografada, já que tirar autorretratos permite escolher o melhor ângulo, a melhor luz e as melhores poses para disfarçar defeitos ou ressaltar características que o indivíduo mais aprecie.

Existem ainda inúmeros filtros e efeitos disponíveis em aplicações como o Instagram, e o resultado muitas vezes são fotos que não retratam, de facto, a aparência ou até mesmo a personalidade da pessoa.

Para o estudo, os cientistas deram a 198 universitários um telemóvel equipado com câmara e pediram que tirassem uma selfie para o estudo e a publicassem nas suas redes sociais.

Em seguida, um dos investigadores tirava uma foto “normal” do mesmo jovem, usando o mesmo aparelho e com a câmara nas mesmas configurações, dando instruções para o participante que faça uma pose para a foto como se ela fosse ser publicada no Facebook.

Por fim, os entrevistados responderam a um questionário sobre narcisismo e a outro sobre a frequência com que tiravam selfies.

Com tudo isso em mãos, a equipa descobriu que metade dos participantes tirava mais de cinco selfies por semana, enquanto a outra metade não chegava à média de uma foto semanal.

Foi pedido então que ambos os grupos dessem uma nota de um a sete para as suas fotos, avaliando o quão atraentes e simpáticos se julgavam nas imagens.

O resultado: os amantes de selfies deram notas maiores para as fotos tiradas por si, enquanto os demais deram notas parecidas para as fotos próprias e para as fotos tiradas pelos investigadores.

Depois disso, a equipa mostrou as fotografias a outros 178 voluntários para que avaliassem as imagens, e estes acabaram por dar notas muito mais baixas para as fotos do que os fotografados, revelando que tendemos a supervalorizar nossa própria aparência.

Além disso, as pessoas foram consideradas menos atraentes, menos simpáticas e mais narcisistas nos autorretratos do que nas fotos tiradas pelos cientistas.

As pessoas que não têm o hábito de tirar muitas selfies acabaram a tirar notas ainda menores – provavelmente por não conhecerem tão bem os seus melhores ângulos e as suas melhores expressões.

A conclusão dos investigadores foi que as selfies acabam por ser um “tiro no pé”. Enquanto esse hábito pode favorecer o autoconhecimento, publicar muitos autorretratos pode incentivar um narcisismo danoso à própria imagem, e o resultado acaba por ser uma má impressão da pessoa, que parece convencida e dá a impressão de arrogância ou falta de simpatia.

Canal Tech

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

Brad Parscale, ex-diretor de campanha de Trump, hospitalizado após tentativa de suicídio

O antigo diretor digital de campanha de Donald Trump, Brad Parscale, foi hospitalizado depois de a mulher ter alertado para tentativa de suicídio. Brad Parscale, ex-diretor digital de campanha do atual Presidente dos Estados Unidos, Donald …

Variante de SARS-CoV-2 oriunda de Itália marcou início da pandemia. Circulou durante dias sem controlo

O arranque da epidemia em Portugal foi marcado pela “disseminação massiva” de uma variante do SARS-CoV-2 com uma mutação específica, que começou a circular nas regiões Norte e Centro mais de uma semana antes do …

Existem 51 surtos ativos de covid-19 em lares e 12 em escolas

Existem atualmente em Portugal 51 surtos ativos de covid-19 em lares e 12 em escolas, revelou esta segunda-feira, em conferência de imprensa, a diretora-geral da Direção-Geral da Saúde, Graça Freitas. Sem identificar especificamente os lares …

Catalunha. Supremo Tribunal espanhol confirma inabilitação de Quim Torra

O Supremo Tribunal espanhol confirmou esta segunda-feira a inabilitação por um ano e meio do presidente do governo regional da Catalunha, Quim Torra, por desobediência à junta eleitoral central. O acórdão, aprovado por unanimidade, obriga Torra …

Já há mais 6.829 mortes do que em 2019, mas covid-19 só fez 2 mil. Óbitos em casa subiram 18%

Desde o início da pandemia, há registo de um aumento de 18% de óbitos que ocorrem em casa e as mortes em investigação subiram 24%. Nos hospitais há uma subida de 5,6% na taxa de …

PCP diz que pandemia é usada como pretexto para intensificar exploração dos trabalhadores

O secretário-geral do PCP consideraque a pandemia de covid-19 está a ser utilizada como pretexto para se tentar fazer regredir décadas em conquistas de direitos, através do que apelidou de "teorias do 'novo normal'". Jerónimo de …

Morreu o bailarino e coreógrafo Jorge Salavisa

O bailarino e coreógrafo Jorge Salavisa, que dirigiu o Ballet Gulbenkian e a Companhia Nacional de Bailado (CNB), morreu esta segunda-feira, aos 81 anos, confirmou à agência Lusa fonte oficial da CNB. A notícia da morte …

Suíça chumbou restrições à entrada de estrangeiros proposta por nacionalistas

Os suíços votaram em referendo, este domingo, contra a imposição de restrições à imigração para cidadãos da União Europeia. Os eleitores rejeitaram por 61,7% a iniciativa popular lançada pela direita populista do SVP, maior partido do …

Portugal com 425 novas infeções e 4 óbitos. Há mais 24 pessoas internadas

Portugal contabiliza esta segunda-feira mais quatro mortos relacionados com a covid-19 e 425 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Desde o início da pandemia, Portugal …

Biden critica escolha de Amy Coney Barrett para o Supremo (e acusa Trump de querer eliminar Obamacare)

O candidato democrata à Casa Branca, Joe Biden, acusou hoje o Presidente Donald Trump de querer colocar no Supremo Tribunal dos Estados Unidos uma juíza conservadora para poder eliminar o seguro de saúde Obamacare em …