Subcomissário alega ter sentido “medo” para justificar agressões a adeptos em Guimarães

(dr) CMTV

O subcomissário da PSP admitiu esta segunda-feira, em tribunal, que desferiu socos e bastonadas a dois adeptos do Benfica em Guimarães, em 2015, mas sublinhou que agiu daquela forma por pensar que ia ser agredido.

No início do julgamento, no Tribunal de Guimarães, Filipe Silva disse que, na altura, sentiu “medo”, face ao clima de tensão que rodeou o jogo disputado nesse dia entre o Vitória Sport Clube e o Sport Lisboa e Benfica.

Filipe Silva responde por dois crimes de ofensa à integridade física qualificada, além de dois crimes de falsificação de documento e dois crimes de denegação de justiça e prevaricação.

Em tribunal, o subcomissário alegou que um dos adeptos agredidos o injuriou, o terá cuspido e ofereceu resistência à ordem de detenção, pelo que teve necessidade de recorrer à força, usando primeiro um cassetete e depois um bastão extensível. Disse ainda que foi agarrado “por trás” pelo pai daquele adepto, um “ataque” a que respondeu com dois murros.

“Agi da forma que foi possível naquele momento de grande tensão e de adrenalina. O nível de força que utilizei não ultrapassou os limites máximos das normas de execução permanente”, referiu.

A versão do arguido foi contrariada pelos dois agredidos, tendo o filho garantido que não injuriou nem cuspiu o subcomissário e que apenas gesticulou, face à situação complicada que se estaria a viver no interior do estádio, onde os adeptos do Benfica ficaram retidos no final do jogo, num dia de “extremo calor” e de “muita confusão”.

O pai negou igualmente que tivesse tocado ou agarrado Filipe Silva. “Vi o meu filho levar porrada de qualquer maneira e feitio, ia ajudar a ver se se ele se livrava daquilo e também levei”, descreveu.

Os factos remontam a 17 de maio de 2015, logo depois do final do jogo entre o Vitória Sport Club e o Sport Lisboa e Benfica, no exterior do Estádio D. Afonso Henriques.

Segundo o despacho de pronúncia, Filipe Silva “desferiu bastonadas” num adepto do Benfica, atingindo-o ainda com uma joelhada nas costas. Além disso, o arguido terá também agredido o pai daquele adepto com “dois socos no rosto”.

Os incidentes foram filmados por uma câmara de televisão, imagens que vão ser utilizadas em tribunal como prova.

Para a acusação, o arguido, em ambos os casos, utilizou “de forma excessiva” os meios coercivos de que dispunha, “no âmbito dos poderes funcionais que lhe foram legalmente conferidos para o exercício da função policial”.

Diz ainda a acusação que Filipe Silva agiu “com grave abuso de autoridade, valendo-se da posição superior de autoridade em que estava investido para consumar a agressão, bem sabendo da especial censurabilidade da sua conduta”.

Os agredidos foram dois adeptos do Benfica, pai e filho, tendo os incidentes sido presenciados por dois menores, netos e filhos das vítimas, respetivamente.

A acusação considerou ainda indiciado que, posteriormente aos factos, o arguido elaborou um auto de notícia e um relatório com dados “que não correspondiam à verdade, assim pretendendo justificar a conduta em que incorrera”.

No auto de notícia, o subcomissário escreveu que o adepto filho resistiu a uma ordem de detenção e lhe deu uma cuspidela, o ameaçou e o injuriou. Disse ainda que só usou o bastão face à “elevada possibilidade” de ser agredido pelo adepto.

Escreveu também que o adepto pai o agarrou e o tentou manietar, uma situação de que alegadamente terão resultado escoriações num ombro e um rasgão no polo da farda.

Juntou fotos que a acusação considera não corresponderem à verdade, até porque no final do policiamento Filipe Silva teria o polo “intacto”.

Hoje, em tribunal, o subcomissário disse que escreveu no auto de notícia aquilo que foi a sua “perceção” dos factos.

// Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Eu continuo a achar que o subcomissário não exagerou assim tanto e que eles é que estavam mal!
    Eles não podiam estar lá, o pai do miúdo desrespeita claramente as ordens, o avô agarrou o agente, etc, etc…
    Puseram-se a jeito e já deviam saber que, tendo em conta o comportamento da escumalha que compõe as claques, aqueles polícias não estavam não lá para “ajudar as velhinhas na passadeira”…
    “O pai negou igualmente que tivesse tocado ou agarrado Filipe Silva”
    Ele pode negar o que quiser, mas toda a gente viu que o avô do miúdo agarrou o polícia!!

RESPONDER

A água é comum nos mundos extraterrestres (mas surpreendentemente mais escassa do que se esperava)

A presença de água em exoplanetas é comum, mas surpreendentemente mais escassa do que se esperava, concluiu uma nova investigação levada a cabo por cientistas da Universidade de Cambridge, no Reino Unido. Para chegar a …

"Encontrei a minha alma gémea". Presidente do Flamengo disposto a (quase) tudo para segurar Jesus

O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, ficou encantado com Jorge Jesus logo quando o conheceu. É o que o dirigente diz numa entrevista, onde admite que encontrou a sua "alma gémea", não revelando dados sobre …

COP25: uma traição ao Acordo de Paris "e às pessoas em todo o mundo"

Organizações não governamentais ambientalistas consideraram que os projetos de resolução que a cimeira do clima da ONU tem para aprovar são "uma traição" do Acordo de Paris e dos milhões de pessoas que sofrem com …

Governo admite novo aumento extra das pensões (com a simpatia das Finanças e de olho na geringonça)

O Governo está a equacionar um novo aumento extraordinário das pensões no âmbito da preparação da proposta de Orçamento do Estado para 2020 (OE2020). A medida agrada a PCP e Bloco de Esquerda e terá …

Na última noite no Porto, Óliver foi sozinho à Ponte D. Luís (e vieram-lhe as lágrimas aos olhos)

O médio espanhol Óliver Torres confessa que a sua saída do Porto foi "emotiva" e que se despediu do clube e da cidade na Ponte D. Luís, de noite e sozinho, com "as lágrimas nos …

Costa e Centeno discutiram no Conselho Europeu (e foi Centeno quem ganhou)

António Costa e Mário Centeno envolveram-se numa "discussão directa" em pleno Conselho Europeu que deixou os restantes membros do Eurogrupo perplexos. Em causa esteve o primeiro orçamento da Zona Euro, com o primeiro-ministro de Portugal …

Sondagens. Livre cai a pique, Montenegro lidera corrida ao PSD

O PS lidera as intenções de voto com 37,1% e um avanço de 10,2 pontos percentuais sobre o PSD numa sondagem em que o Livre surge com metade da votação alcançada nas legislativas em outubro. Num …

ONU chama a atenção para consumo de tramadol (erradamente considerado menos letal que fentanil)

A crise derivada do consumo excessivo de opóides e as mortes daí decorrentes já levaram empresas norte-americanas que os produzem a receber milhares de ações judiciais. Contudo, a Organização das Nações Unidas (ONU) chama a …

Mais de 50 jornalistas subscrevem abaixo-assinado em defesa de Maria Flor Pedroso

Mais de 50 jornalistas, entre os quais Adelino Gomes, Henrique Monteiro, Anabela Neves e Francisco Sena Santos, subscreveram esta sexta-feira um abaixo-assinado em defesa da jornalista Maria Flor Pedroso, diretora de informação da RTP. "Confrontados com …

O maior sítio arqueológico submerso do mundo é no México (e está a surpreender os especialistas)

Uma equipa de especialistas está a explorar há cerca de quatro anos o Grande Aquífero Maia, localizado no México, e tem feito descobertas surpreendentes que vão desde numerosos sítios arqueológicos a vestígios de homens primitivos.  Durante …