PSD exige explicações públicas sobre “balbúrdia que reina” no ministério de Eduardo Cabrita

Mário Cruz / Lusa

O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita

O PSD exigiu esta terça-feira ao ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, “explicações públicas, cabais e integrais” face à “balbúrdia que reina” no ministério que tutela e que, considerou, “revela uma promiscuidade enorme” entre o aparelho do PS e o Estado.

Em declarações à agência Lusa, o deputado do PSD Carlos Peixoto considerou que “aquilo que deve ser evidenciado neste momento é a grande balbúrdia que reina no Ministério da Administração Interna”, referindo-se ao caso das golas antifumo e à eventual incompatibilidade do secretário de Estado da Proteção Civil, José Artur Neves, por a empresa em que o filho trabalha e da qual é sócio ter feito contratos com o Estado.

“Tudo isto é lamentável, tudo isto é grave e tudo isto revela uma promiscuidade enorme entre o aparelho do PS e questões de Estado, que devem ser tratadas com independência, com isenção e com total transparência”, acusou.

Na perspetiva de Carlos Peixoto, “aquilo que o PSD entende é que se exigem imediatamente explicações públicas, cabais e integrais do ministro da Administração Interna”. “Vamos esperar pelo esclarecimento do ministro da Administração Interna, que nós sabemos que vai ter de ser dado, e depois disso logo veremos se se justifica ou não, em comissão permanente da Assembleia da República, convocá-la no sentido de a Assembleia ouvir, em audição extraordinária, o ministro”, acrescentou.

Em primeiro lugar, segundo o deputado do PSD, Eduardo Cabrita “nega evidências, limita-se a passar culpas para as câmaras e não assume nada daquilo que é a responsabilidade do Estado e do Governo em toda a questão dos incêndios”.

Depois, prosseguiu Carlos Peixoto, o secretário de Estado da Proteção Civil “foi envolvido em contratos relativos a material, nomeadamente às golas, fazendo contratos com pessoas ligadas ao PS”, sendo que “as empresas não estão sequer vocacionadas para fornecer esse material e ainda por cima a preços superiores aos preços de mercado”.

“Hoje soubemos que o secretário de Estado tem um filho que está a fazer contratos com o Estado e a lei sobre isso é clara: proíbe. E o secretário de Estado a única coisa que nos vem dizer é que nada sabe sobre essa ligação do filho a esses contratos que foram feitos”, condenou.

Para Carlos Peixoto “não basta a demissão” do adjunto de José Artur Neves “para que as coisas fiquem resolvidas”, no caso das golas antifumo. “É preciso que haja aqui responsabilidades políticas. O ministro é o chefe da cadeia do comando e portanto tem que esclarecer e tem que assumir, não vale a pena passar a culpa para os outros”, insistiu.

O secretário de Estado da Proteção Civil, José Artur Neves, declarou esta terça-feira que não teve qualquer influência nem estabeleceu qualquer contacto que pudesse resultar em expectativa de favorecimento pessoal.

“Não tenho qualquer participação na referida empresa nem intervenção na sua atividade. Não tive qualquer influência nem estabeleci qualquer contacto, nem o meu filho alguma vez invocou o seu grau de parentesco, de que pudesse resultar qualquer expectativa de favorecimento pessoal”, declarou José Artur Neves, numa nota hoje enviada à imprensa.

O secretário de Estado da Proteção Civil acrescentou que entendeu “prestar este esclarecimento” por estar consciente da sua “plena dedicação ao interesse público no exercício de funções governativas”.

O jornal ‘online’ Observador escreveu na segunda-feira que o filho do secretário de Estado da Proteção Civil celebrou pelo menos três contratos com o Estado, depois de o pai, José Artur Neves, assumir funções governativas.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Depois da polémica, Hank Azaria deixa de dar voz a Apu dos "Simpsons"

O ator que dá voz à personagem indiana Apu Nahasapeemapetilon, da série "Os Simpsons", anunciou que vai deixar de o fazer, depois de vários anos de polémica. Segundo a BBC, Hank Azaria anunciou, este fim-de-semana, que …

"Parasite" vence prémio principal do Sindicato dos Atores dos EUA

O filme do realizador sul-coreano Bong Joon-ho venceu, no domingo, o prémio mais importante do Sindicato dos Atores dos Estados Unidos (SAG), tornando-se o primeiro filme em língua estrangeira a receber tal distinção. A comédia negra …

Cientistas criam método inovador para tratamento de lesões agudas da pele

Investigadores do Centro de Neurociências e Biologia Celular (CNC) de Coimbra desenvolveram um método “inovador e sensível à luz”, que poderá ser útil no tratamento de lesões agudas da pele. Um grupo de investigadores do CNC …

Elon Musk quer enviar 10 mil pessoas a Marte até 2050

O CEO da Space X, Elon Musk, quer construir cem naves por ano e levar pelo menos dez mil pessoas a Marte até 2050, embora os protótipos das naves espaciais Starship ainda estejam sujeitos a …

Como será um iPhone daqui a um milhão de anos? Artista mostra o impacto de lixo eletrónico

https://vimeo.com/386000590 A exposição The World After Us: Imaging techno-aestethic futures tem instalações onde se pode ver a natureza a tomar conta de telemóveis, computadores, tablets e outros dispositivos, mostrando que dificilmente se desintegrarão nos próximos anos. Os …

Marca japonesa acusada de apropriação cultural por perucas de modelos

A marca japonesa Comme Des Garçons foi acusada de apropriação cultural devido às perucas usadas pelos seus modelos caucasianos num desfile na Paris Fashion Week, em França. De acordo com a BBC, as perucas com tranças …

Índia suspende a construção da primeira linha do comboio ultra-rápido Hyperloop

As autoridades estatais do estado indiano de Maharashtra decidiram suspender a construção da primeira linha do comboio ultra-rápido Hyperloop, que iria ligar as movimentadas cidades de Bombaim e Pune. O Governo local decidiu não avançar para …

Regina Duarte inicia "período de testes" na Secretaria da Cultura do Brasil

A atriz brasileira afirmou, esta segunda-feira, que iniciou um "período de testes" na Secretaria Especial da Cultura, pasta que foi convidada a liderar após a exoneração de um governante que parafraseou um discurso nazi. "Nós vamos …

Malásia devolve 150 contentores ilegais de lixo a países desenvolvidos

As autoridades da Malásia anunciaram, esta segunda-feira, que devolveram 150 contentores ilegais de lixo para os seus países de origem e afirmaram que não se querem tornar num "aterro sanitário" dos países desenvolvidos. Os países da …

Vietname contorna Huawei ao desenvolver tecnologia própria para o 5G

O maior grupo de telecomunicações do Vietname vai implementar este ano o 5G com recurso à sua própria tecnologia, contornando os chineses da Huawei, num sinal das implicações geopolíticas da rede de quinta geração. A empresa …