Professores vão deixar alunos sem aulas para fazer campanha eleitoral

ustock

Há pelo menos 159 professores do ensino oficial obrigatório que, como candidatos a deputados nas eleições legislativas de 4 de Outubro, vão poder faltar às aulas para participar na campanha eleitoral.

Esta circunstância, prevista na lei, garante aos docentes o direito a 15 dias de dispensa das aulas para entrarem na campanha eleitoral.

Diário de Notícias apurou que há, pelo menos, 159 docentes do 1º ciclo ao Secundário que são candidatos a deputados e que vão assim obrigar os directores das respectivas escolas a alguma “ginástica” para evitar prejudicar os alunos.

“Uns contratam substituto por um mês, outros pedem aos docentes que reponham as aulas mais tarde, troquem com colegas e noutros casos esperam que o professor compense depois durante o ano a matéria em falta”, aponta o diário.

O director do Agrupamento de Escolas de Felgueiras, Pedro Araújo, explica ao jornal que um docente de História de um estabelecimento do Secundário lhe comunicou que “não ia faltar os dias todos, apesar de ter metido o requerimento” para poder ter direito à dispensa para fazer campanha.

ZAP

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. É inacreditável a percepção que há entre a população, de que o carreirsismo pessoal na política é o ramo “profissional” mais rentável. Nem que seja com a noção de que é uma possibilidade de roubar legalmente.

    A quantidade de zés-ninguéns que eu pessoalmente já conheci a meter-se na política nem que fosse como vereador de uma qualquer junta de fregusia esquecida… É inacreditável e sem qualquer comparação com nem há 10 anos atrás.

    Isto é o que mais me salta à vista nesta notícia!..

  2. Diga-se de passagem que a notícia é altamente tendenciosa e pretende apenas e de forma muito aberta agravar a opinião pública sobre os professores do secundário. Não são só os professores que têm esse direito e, pessoalmente, conheço vários docentes que constam ou já integraram candidaturas e nunca faltaram ou colocaram em causa o serviço docente, só porque a lei o permite. Esta notícia, com um triste título e escrita de forma tendenciosa, oculta portanto que há professores que optam por esta alternativa que nem sequer é mencionada. Aliás, gostaria de saber como é que chegaram às conclusões que chegaram… assumiram que qualquer professor do secundário inscrito na lista iria exercer o direito a 15 dias de dispensa?

  3. É uma vergonha, quase todos da FENPROF. Estão sempre a pregar a falta de condições o excesso de trabalho etc e quando é para a galderice, estão sempre disponíveis. São quase todas ” NOGUEIRETES ” rapazes e raparigas que nunca deram aulas. O meu profundo respeito a todos os professores que não são políticos e têm que trabalhar, estes sim demais, para compensar estes chulos. Se querem sere políticos que deixem o Ministério.

  4. Democraticamente é possível ter “agitadores infiltrados” em todas as áreas profissionais. A democracia permite mesmo em áreas em que terceiros possam ser prejudicados… Utentes dos transportes, alunos, dependentes da acção da justiça, dependentes de bens essenciais à vida-médicos e enfermeiros. polícia forças armadas, ambulâncias e outros…

RESPONDER

Carlos César é o "primeiro apoiante do Governo e do primeiro-ministro"

O líder parlamentar socialista rejeitou esta sexta-feira que a sua proposta para reduzir o IVA da tauromaquia represente uma desautorização do executivo, acentuando que é por convicção e posição institucional o primeiro apoiante do …

NASA acaba de divulgar novos dados sobre o misterioso Oumuamua

A NASA acaba de revelar novas informações sobre Oumuamua, o primeiro asteróide não oriundo do Sistema Solar já detetado. De acordo com uma nova publicação, o corpo interestelar é um "objeto relativamente pequeno e reflexivo.  Oumuamua, …

Espanha está a envenenar o Rio Tejo (é uma "indecência ecológica")

É um "cocktail de desastre" que está a sufocar o rio Tejo. Análises efectuadas à água do rio, desde a nascente em Espanha, até à foz em Portugal, revelam uma situação preocupante, e do outro …

Portuguesa que escondeu filha na mala do carro condenada a 5 anos de prisão

A mulher portuguesa que escondeu a filha na mala do carro, durante os seus primeiros 23 meses de vida, foi condenada a 5 anos de prisão, com 3 anos de pena suspensa, por ter causado …

Ex-primeiro-ministro da Macedónia fugiu do país num carro diplomático húngaro

O ex-primeiro-ministro macedónio Nikola Gruevski, condenado no seu país a dois anos de prisão por corrupção, passou pela Albânia em direção ao Montenegro no passado domingo num carro diplomático húngaro. A Hungria já garantiu não …

Governo avança com mais medidas para incentivar regresso de emigrantes

O Governo vai avançar com medidas “de caráter multidimensional” para apoiar o regresso de portugueses que emigraram e queiram regressar ao país, avançou esta quinta-feira o secretário de Estado das Comunidades, José Luís Carneiro. À margem …

Sete em cada dez quedas de idosos acontecem em casa (mas é possível evitá-las)

A expressão “lar, doce lar” parece perder algum sentido quando o último relatório da Organização Mundial de Saúde sobre quedas comprova que estas são a principal causa de morte acidental dos idosos e acontecem, maioritariamente, …

Armas, carros, fatos. 90 milhões de euros para equipar polícias

Os polícias vão receber, em 2019, armas, carros, coletes balísticos e fatos de proteção, bem como obras em instalações, no valor de 90,9 milhões de euros. Esta sexta-feira, em Cascais, o ministro da Administração Interna entrega …

Zero oferece galinha ao Governo para reciclar resíduos orgânicos

A associação ambientalista Zero vai oferecer ao Governo a galinha Balbina, um animal reciclador, chamando a atenção para a necessidade de investir em soluções para que cada cidadão possa reciclar os resíduos orgânicos em casa. “A …

Chuva e vento forte de volta no fim de semana

O estado do tempo no fim-de-semana vai sofrer um agravamento devido à aproximação de um sistema frontal ao território do continente, prevendo-se chuva, vento forte e agitação marítima. De acordo com o Instituto Português do Mar …