Professores avançam com greve de 15 dias contra amianto nas escolas

Paulo Novais / Lusa

O Sindicato de Todos os Professores (S.TO.P.) entregou um pré-aviso de greve a exigir a retirada de amianto das escolas, num protesto que durará 15 dias e abrange todas as escolas do país.

O protesto arranca esta quinta-feira apenas na escola básica de S. Domingos Jardo, mas será alargado a todo o país. “A greve começa amanhã [quinta-feira], apenas na escola básica de S. Domingos Jardo, mas depois é alargada a todo o país”, explicou à Lusa André Pestana, dirigente do Sindicato de Todos os Professores (S.TO.P.), adiantando que os pré-avisos de greve entregues ao Ministério da Educação terminam a 18 de outubro.

O motivo da greve prende-se com o facto de ainda existirem escolas com amianto. “Em setembro de 2016 o primeiro-ministro anunciou que esse problema seria erradicado até 2018 mas estamos em 2019 e continua a existir”, lamentou André Pestana.

De acordo com o S.TO.P, há cerca de 100 escolas onde o amianto continua a ser um problema para alunos, professores, funcionários e até pessoas que vivem nas proximidades.

Muitos desses estabelecimentos foram alvo de intervenções para a retirada dessa substância, considerada cancerígena, mas o trabalho de remoção foi mal feito, segundo o porta-voz do mais jovem sindicato de professores.

O S.TO.P. exige a retirada do amianto das escolas, lembrando que “põe em perigo diariamente milhares de crianças, encarregados de educação e profissionais de educação”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Os professores querem ser mais papistas que o Papa o amianto não foi posto nas escolas e em mais edifícios durante anos agora não vai ser nem num nem em 2 ou 3 anos que se consegue tirar todo ele em todas as escolas e edifícios, os senhores professores que tanto se queixam que ganham mal mas tudo lhes serve para fazer greve, perguntar não ofende, e se quem for governo depois do dia 6 de Outubro for o PPD/CDS a greve continua? Ou o amianto desaparece por um qualquer milagre e então já não e preciso fazer greve? É caso para dizer volta PPD/CDS para os professores, enfermeiros e funcionários públicos ficarem caladinhos que nem ratos.

  2. Pelo que li e sei, está em causa a saúde das crianças e adultos que trabalham ou estudam nesses locais. Não é uma questão ideológica.

  3. É incrível e triste como os professores são desrespeitados. (Devido os comentários).
    Não importa se é a direita ou a esquerda do Atlântico, países de língua portuguesa não têm consideração pelos profissionais do magistério. Maldita herança!
    Não há profissão mais importante socialmente do que a do professor.
    Força professores de Portugal.

RESPONDER

Carlos César: Firmar um acordo com o Bloco descriminaria os restantes partidos de esquerda

O dirigente socialista Carlos César mostrou-se esta quarta-feira confiante que o novo Governo será para quatro anos, considerando ainda que firmar um acordo com o Bloco de Esquerda seria discriminar os restantes partidos de esquerda. …

Médico que deixou bebé nascer sem rosto tem quatro processos na Ordem

O obstetra que não detetou malformações graves num bebé que acabou por nascer sem rosto no início deste mês, em Setúbal, tem quatro processos em curso no conselho disciplinar da Ordem dos Médicos. A informação foi …

Tensão na Catalunha afeta realização do Barcelona-Real Madrid

A violência dos protestos na Catalunha está a fazer com que a Liga e a Federação de futebol espanholas repensem a ideia de o clássico entre Barcelona e Real Madrid se realizar em Camp Nou. O …

Assis critica novo Governo do PS. É "muito António Costa" e feito só para dois anos

O ex-eurodeputado do Partido Socialista (PS) Francisco Assis não poupou nas críticas ao novo Governo, que António Costa apresentou ao Presidente da República na terça-feira ao final do dia, considerando que este é um executivo …

PSD considera que não há novo Governo, mas "remodelação" com alargamento

O PSD defendeu na quarta-feira que "não há um novo Governo", mas "uma remodelação com alargamento", com um executivo aumentado e "mais partidário", considerando "uma desilusão" a continuidade em pastas como Saúde, Educação e Justiça. "Não …

Depois do terramoto das legislativas, vem aí um Conselho Nacional difícil para o CDS

O CDS reúne esta noite o Conselho Nacional. Segundo o Público, Assunção Cristas deverá renunciar a lugar de deputada na Assembleia da República. O CDS deverá marcar esta quinta-feira o próximo congresso para janeiro de 2020. …

Rio quer abafar Montenegro ao fazer "multitasking" como líder partidário e parlamentar

Rui Rio pode acumular as funções de líder do partido e líder parlamentar. O objetivo passa por evitar divisões na bancada e esvaziar a oposição de Luís Montenegro. Rio parece já ter uma estratégia delimitada para …

Cabrita mostra desagrado pelo afastamento da mulher do Governo

O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, partilhou no Facebook um texto de uma ativista ambiental algarvia crítico do afastamento da ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, com quem é casado. Eduardo Cabrita, ministro da Administração …

Polícia desmantela rede de pornografia infantil e faz mais de 300 detenções

Pelo menos 337 pessoas de 38 países foram detidas numa operação em que foi desmantelada uma rede de pornografia infantil, que usava um site para comercializar vídeos de abuso sexual de crianças. Num comunicado divulgado esta …

Três coelhos de uma cajadada. Vieira renova contratos a três jogadores

No seu regresso de Angola, Luís Filipe Vieira assegurou a renovação do contrato de três jogadores: Grimaldo, Ferro e Jota. O anúncio oficial deverá estar para breve. Esta quinta-feira, o jornal Record fez manchete com a …