Procurado da GNR apanhado ao lado de Santana (mas o político diz não o conhecer)

José Sena Goulão / Lusa

João Malheiro foi fotografado ao lado do líder do Partido Aliança, Pedro Santana Lopes

A GNR confirmou o paradeiro de um homem que queria deter, fotografado na visita de Santana Lopes ao bairro da Jamaica. O partido Aliança esclareceu que líder não sabia quem era João Malheiro, suspeito de violência doméstica.

João Malheiro, de 46 anos, suspeito de agredir e perseguir a ex-mulher, foi um dos simpatizantes do Aliança que acompanhou o líder do partido na visita ao bairro da Jamaica, na sequências dos conflitos com a polícia que ocorreram naquele local.

O homem, que aparece à esquerda de Santana Lopes nas fotografias, acabou detido três dias depois, em Sesimbra.

A história começa com o divórcio de João Malheiro e com a mudança da antiga esposa de Lisboa para Lousada. O vendedor de carros, de acordo com o Jornal de Notícias, nunca aceitou a decisão, o que o levou a iniciar uma série de ameaças e perseguições.

Numa das situações, Malheiro terá viajado de Lisboa até ao norte para invadir a nova casa da ex-mulher e destruir vários móveis. Neste dia, a mulher de 45 anos foi agredida.

Na semana passada, voltou a Lousada com o intuito de agredir novamente a mãe do seu filho e, com esta refugiada no interior da habitação, arrombou a porta da garagem com a sua própria viatura. A mulher alertou a GNR.

Quando os militares chegaram ao local, o agressor já tinha fugido e o caso passou para a dependência do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) da GNR de Penafiel, cujo trabalho permitiu que fossem emitidos mandados de detenção. Estes não foram concretizados de imediato, porque Malheiro estava em paradeiro incerto.

A GNR sabia que o suspeito se mantinha a viver na zona da Grande Lisboa, mas não conseguia localizá-lo. Até que, na última segunda-feira, os militares do NIAVE o viram, nas reportagens televisivas sobre a passagem de Santana Lopes pelo bairro da Jamaica, no Seixal. Malheiro era um dos participantes.

De imediato, foram contactados os militares do NIAVE de Setúbal e do posto da GNR de Sesimbra, que localizaram e detiveram o suspeito. Após ser interrogado pelo juiz, João Malheiro ficou obrigado a usar pulseira eletrónica para não se aproximar da ex-mulher e a apresentações bissemanais no posto da GNR.

Santana Lopes não conhece Malheiro

O partido Aliança esclareceu, este domingo, que Santana Lopes não sabia quem era João Malheiro. Segundo um comunicado da Comissão Instaladora Nacional do Aliança, citado pelo mesmo jornal, o homem estaria no local “a título pessoal”.

“Nem a ALIANÇA nem qualquer um dos seus dirigentes, incluindo o Presidente, faziam qualquer ideia sobre a identidade de uma pessoa que apareceu no Bairro da Jamaica e que será suspeito de um crime”, pode ler-se.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Exposição de Joana Vasconcelos em Bilbau foi a 13.ª mais vista no mundo em 2018

A mostra de Joana Vasconcelos, atualmente patente no Museu de Serralves, foi vista em Bilbao por cerca de 649 mil pessoas - uma média de 5.600 por dia. A exposição I'm Your Mirror, de Joana Vasconcelos, …

O melhor professor do mundo é queniano e doa 80% do seu salário

Peter Tabichi é queniano, tem 36 anos e doa 80% do salário para desenvolver a sua comunidade local, numa remota vila no Quénia. Este domingo foi eleito, no Dubai, o melhor professor do mundo. Em Pwani, …

Pentágono autoriza mil milhões de dólares para construção de muro de Trump

O secretário da Defesa interino norte-americano, Patrick Shanahan, anunciou na segunda-feira o desbloqueio de mil milhões de dólares para a construção de um muro na fronteira entre os Estados Unidos e o México. Shanahan “autorizou o …

Advogados de Rui Pinto recorrem da prisão preventiva

Os advogados de Rui Pinto, colaborador do "Football Leaks", confirmaram esta segunda-feira que vão recorrer da medida de prisão preventiva aplicada sexta-feira ao seu cliente pelo Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa. A decisão de recorrer …

Se a corrida continuar a três, McLaren ameaça deixar a Fórmula 1

A McLaren, a segunda equipa mais antiga da Fórmula 1, ameaça desistir da modalidade caso os regulamentos elaborados para 2021 não a tornem numa competição justa. A visão da Fórmula 1, a modalidade de automobilismo mais …

México quer que rei da Espanha peça perdão pela conquista colonial

Obrador diz que esta é a única forma possível de obter a reconciliação plena entre os países. O pedido foi feito por carta. O presidente mexicano, Andrés Manuel López Obrador, anunciou ter enviado uma carta ao …

"O Vieira pediu-me para dar uma coça a Francisco J. Marques"

Vítor Catão, diretor desportivo do S. Pedro da Cova, afirmou que o Benfica, através do seu presidente Luís Filipe Vieira, lhe deu 200 mil euros para colocar uma "lapa" no carro de Pinto da Costa, …

"Governo saudita deu a ordem" para matar Khashoggi

Em entrevista ao El Mundo, a namorada do jornalista saudita Jamal Khashoggi afirma que a ordem que determinou a sua morte foi dada pelo Governo da Arábia Saudita. Em entrevista ao diário espanhol El Mundo, a …

Já há água, eletricidade e estradas abertas na cidade da Beira

Começam a ver-se pequenos avanços na Beira, em Moçambique, que inicia o lento caminho da reconstrução, após a passagem do ciclone Idai, que matou pelo menos 446 pessoas e destruiu cerca de 90% dos edifícios …

"Um erro desculpável". Governante sem castigo após violar a Lei no caso dos mirtilos

O Tribunal Constitucional decidiu arquivar o caso das incompatibilidades envolvendo o secretário de Estado da Juventude e Desporto, João Paulo Rebelo, que, durante dois anos, acumulou o cargo com a função de gerente numa empresa …