Princípio de incêndio controlado em reactor de Chernobyl

Mond / Wikimedia

Monumento às vítimas do acidente de 1986 em Chernobyl, junto ao reactor 4 da cantral nuclear

Monumento às vítimas do acidente de 1986 em Chernobyl, junto ao reactor 4 da cantral nuclear

Funcionários do Ministério para as Situações de Emergência da Ucrânia controlaram esta terça-feira um princípio de incêndio no terceiro reactor da central nuclear de Chernobyl, que em 1986 sofreu a maior catástrofe nuclear da história.

“Às 15h57 recebemos a informação de que havia uma coluna de fumo no compartimento 509 do reactor número 3 da central nuclear de Chernobyl”, informou em comunicado a Inspecção Estatal Nuclear da Ucrânia.

Segundo a nota oficial do organismo, “o fumo foi abafado três minutos mais tarde, e os níveis radioactivos no reactor número três e no complexo de Chernobyl não registaram qualquer variação”.

O 3º reactor da central, que partilhava a sala de máquinas com o 4º reactor, entrou em funcionamento em 1981. Em dezembro de 2000, 4 anos após o acidente, foi fechado por ordem do governo.

Em 2010, as autoridades retiraram definitivamente o combustível nuclear armazenado neste reactor, condição indispensável para a construção de um sarcófago sobre o 4º reactor, no qual ocorreu a explosão que originou a tragédia de 1986.

Em novembro do ano passado, foi concluída a instalação do sarcófago no reactor 4, o que teoricamente garante a segurança do local durante os próximos cem anos.

(dr) themoskowtimes.com

    O novo sarcófago gigantesco que vai cobrir definitivamente o reactor 4 de Chernobyl é mais alto que a Estátua da Liberdade

O novo sarcófago gigantesco que vai cobrir definitivamente o reactor 4 de Chernobyl é mais alto que a Estátua da Liberdade

O catastrófico desastre nuclear de Chernobyl ocorreu a 26 de abril de 1986, na central nuclear da então República Socialista Soviética Ucraniana. Uma explosão no reactor 4 e o subsequente incêndio lançaram grandes quantidades de partículas radioactivas na atmosfera, que se espalhou por boa parte da União Soviética e da Europa ocidental.

O desastre é o pior acidente nuclear da história em termos de custo e de mortes resultantes, além de ser um dos dois únicos classificados como um evento de nível 7, a classificação máxima na Escala Internacional de Acidentes Nucleares, partilhando essa nota com o acidente nuclear de Fukushima I, no Japão, em 2011.

De acordo com estimativas oficiais, a explosão ocorrida de Chernobyl terá espalhado até 200 toneladas de material com uma radioactividade de 50 milhões de curies – uma quantidade de radiação equivalente a 500 vezes a libertada pela bomba atómica lançada em Hiroshima no final da II Guerra Mundial.

Governo da União Soviética

O reactor nuclear 4 de Chernobyl (ao centro) após o desastre. ao centro/direita, o reactor 3

O reactor nuclear 4 de Chernobyl (ao centro) após o desastre. ao centro/direita, o reactor 3

A radiação continua a afectar a população da Bielorrússia, Ucrânia e Rússia, onde se encontram 70% dos quase 200 mil quilómetros quadrados de áreas contaminadas. E mais de 30 anos depois de Chernobyl, os javalis da Europa central estão radioactivos.

Daqui a 100 anos, os deliciosos javalis dos montes da região, prato típico local, não estarão propriamente a brilhar no escuro – mas ainda terão cerca de 10% dos níveis de radioactividade que apresentam hoje.

ZAP // EFE

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Novas linhas ferroviárias de alta velocidade. Porto-Lisboa vai fazer-se em 1h15 (e Porto-Vigo em apenas 1h)

O Governo anunciou, esta quinta-feira, o Programa Nacional de Investimentos (PNI) 2030, que tem como um dos principais focos uma nova linha ferroviária de alta velocidade para ligar Lisboa-Porto num hora e 15 minutos. O jornal …

Arqueólogos descobrem esqueleto que acreditam pertencer a guerreiro anglo-saxão

Uma equipa de arqueólogos desenterrou um esqueleto que parece ter pertencido a um guerreiro anglo-saxão. Os especialistas dizem que a descoberta lança uma nova luz sobre a ascensão e queda das tribos locais. O esqueleto foi …

Ana Rita Cavaco ataca plano de inverno (e duvida que Marcelo "tenha ficado mais sossegado")

Ana Rita Cavaco reuniu-se com Marcelo Rebelo de Sousa, mas duvida que o Presidente tenha ficado mais tranquilo após ter ouvido os representantes do setor da Saúde, no Palácio de Belém. Ana Rita Cavaco, presidente da …

Nuno Mendes, "hábil como Ronaldinho"

  Portal conceituado destaca o jovem lateral do Sporting e cita Cristiano Ronaldo... várias vezes. Gigantes europeus atentos à evolução do jogador. Nuno Mendes é o foco de um artigo do portal Goal, embora Ronaldo (e Ronaldinho) …

Irão e Rússia estarão a tentar interferir nas presidenciais dos EUA

O diretor nacional dos serviços de informação dos Estados Unidos disse na quarta-feira que Irão e Rússia obtiveram informações dos eleitores norte-americanos e que estão a tentar interferir nas eleições presidenciais de 3 de novembro. "Queremos …

Cientistas revertem a doença de Parkinson em ratos

Uma equipa de cientistas conseguiu reverter totalmente a doença de Parkinson em ratos. Os animais deixaram de apresentar sintomas e recuperaram neurónios. A doença de Parkinson resulta da redução dos níveis de uma substância que funciona …

Entrevista a Carlos Cueva, autor de estudo inédito sobre os jogos à porta fechada

Carlos Cueva, 34 anos e professor na Universidade de Alicante há seis anos. Estudou em Inglaterra, onde completou um doutoramento em Economia. O ensino e a investigação ocupam o seu tempo. É especialista em investigação …

Ministro da Saúde do Brasil infetado com covid-19

Eduardo Pazuello, ministro da Saúde brasileiro, está infetado. Também esta quarta-feira, o governante foi admoestado por Jair Bolsonaro, que negou haver intenção do Brasil comprar 46 milhões de doses de vacina chinesa. O ministro da Saúde …

PSD vai votar contra o OE2021. PS acusa Rio de abandonar defesa do "interesse nacional"

O secretário-geral adjunto socialista disse esta quarta-feira que não surpreende o voto contra do PSD à proposta de Orçamento do Estado para 2021 (OE2021), considerando, no entanto, que Rui Rio “deixou cair” o valor do …

As vacas preferem interagir cara a cara com as pessoas. Ficam mais relaxadas

Um novo estudo descobriu que as vacas preferem interagir com os seres humanos cara a cara e que ficam os animais ficam mais relaxados com este tipo de interação do que quando ouvem uma voz …