Médicos relatam o primeiro caso conhecido de uma pessoa que urina álcool

Francisco Antunes / Flickr

Estátua Manneken Pis, o rapaz a urinar de Bruxelas

Uma mulher residente em Pittsburgh, nos Estados Unidos, tornou-se o primeiro caso documentado de uma pessoa que urina álcool – sem sequer o ter consumido.

A mulher, de 61 anos, com problemas hepáticos e diabetes, deslocou-se ao University of Pittsburgh Medical Centre Presbyterian Hospital, nos Estados Unidos, para entrar numa lista de espera para um transplante de fígado.

Os médicos realizaram vários exames, incluindo análises à urina. Apesar de os resultados terem revelado problemas relacionados com o consumo de álcool, a paciente negava o consumo do mesmo. “Reparamos que os resultados dos testes de plasma para etanol e os resultados dos testes de urina para glicuronídeo de etil e sulfato de etil, os metabolitos do etanol, deram negativo, enquanto que os resultados dos testes de urina para etanol foram positivos“, explicaram.

Os médicos que analisaram a paciente tampouco notaram sinais visuais de intoxicação que explicassem os níveis tão altos de etanol na sua urina, pelo que desconfiaram de imediato do diagnóstico mais óbvio.

Segundo o Science Alert, outro mistério foi a presença de grandes quantidades de glicose na urina – uma condição chamada hiperglicosúria -, com as amostras de urina a revelarem níveis abundantes de levedura.

Por esse motivo, a equipa médica decidiu testar a hipótese de a levedura, colonizada na bexiga da mulher, fermentar açúcar para produzir etanol. A levedura em causa foi identificada como Candida glabrata, uma levedura natural encontrada no corpo humano e relacionada com a levedura de cerveja, mas que normalmente não é descoberta em abundância.

Os esforços para eliminar o fermento com tratamentos antifúngicos falharam, muito provavelmente devido à diabetes mal controlada da paciente. À luz da situação, nunca antes documentada, a mulher foi reconsiderada para o transplante de fígado, ainda que o relatório médico não deixe claro o que aconteceu com a paciente.

A condição, que os investigadores batizaram de “síndrome da fermentação da bexiga”, deixa claro que os médicos devem ser cuidadosos e investigar em caso de incongruências.

Ao analisar o caso desta mulher, os médicos tomaram conhecimento de outros relatórios que descreviam uma produção semelhante de etanol na urina – um caso pós-morte e outro em experiências realizadas in vitro.

Isto significa que é possível que outros pacientes já tenham apresentado sintomas da mesma condição médica, ainda que os sintomas não tenham sido reconhecidos devido à natureza incomum e amplamente desconhecida desta patologia. Os resultados desta investigação foram recentemente publicados na Annals of Internal Medicine.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

Abono extra e complemento de estabilização. Governo cria dois novos apoios cumulativos para quem perdeu rendimentos

O Programa de Estabilização Económica e Social (PEES) do Governo vai incluir dois novos apoios para trabalhadores e famílias que perderam parte dos seus salários nos últimos três meses devido à pandemia de covid-19. A notícia …

Bolsonaro veta transferência de 1,5 mil milhões de euros para estados e municípios

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, vetou na quarta-feira a transferência de 8,6 mil milhões de reais (1,5 mil milhões de euros) do Fundo de Reservas Monetárias (FRM) para estados e municípios combaterem a covid-19. A decisão …

O núcleo da Terra pode esconder mais de cinco oceanos no seu interior

Um novo estudo sugere que o núcleo da Terra pode abrigar uma grande quantidade de água no seu interior. Segundo os investigadores, a quantidade pode chegar ao equivalente a cinco oceanos. Muitos estudos comprovam que, sob …

Descoberto novo tipo de matéria exótica no "coração" das estrelas de neutrões

Uma investigação levada a cabo por um grupo de cientistas da Finlândia encontrou fortes evidências da existência de matéria exótica de quarks no interior dos núcleos das maiores estrelas de neutrões. Em comunicado, os cientistas …

Os asteróides Ryugu e Bennu podem ser "filhos" de um mesmo pai

Os asteróides Ryugu e Bennu podem ter sido formados a partir de um outro asteróide de grandes dimensões, sugere uma investigação internacional. Simulações numéricas de grandes ruturas de asteróides, como as que ocorrem no cinturão de …

Diário de oficial nazi revela localização de tesouro escondido na Polónia durante a 2.ª Guerra Mundial

Um diário que esteve na posse de uma sociedade secreta durante décadas contém um mapa que descreve a localização de mais de 30 toneladas de ouro escondidas pelos nazis durante a Segunda Guerra Mundial. Escrito há …

"Pés de café" ajudam robôs a andar mais rápido (e sem tropeçar)

Uma das principais aplicações para robôs com pernas é a exploração de locais de desastre. No entanto, para atravessar os escombros, estas máquinas precisam de ter "pés" firmes. Uma equipa de investigadores da Universidade da Califórnia, …

Famalicão 2-1 FC Porto | Dragões falham reentrada

O FC Porto ficou hoje com a liderança da I Liga portuguesa de futebol em risco, ao perder em casa do Famalicão, por 2-1, na 25.ª jornada, que marca o regresso após a paragem devido …

Empresas chinesas compram soja dos EUA apesar de suspensão imposta pelo Governo

Empresas estatais chinesas terão comprado pelo menos três carregamentos de soja aos Estados Unidos (EUA), mesmo após o Governo ter levantado uma suspensão. Esta surgiu depois de Washington afirmar que terminaria com o acordo comercial …

Musk quer bombardear Marte. Pode ser só um "pretexto" para enviar armas nucleares para o Espaço

O plano de Elon Musk de bombardear Marte é apenas um pretexto para o lançamento de armas nucleares para o Espaço, disse o diretor da agência espacial russa Roscosmos, Dmitry Rogozin. Bombardear Marte para tornar o …