O primeiro buraco negro registado em fotografia já tem nome

EHT Collaboration

A primeira fotografia de um buraco negro.

O primeiro buraco negro da história a ser fotografado, localizado no centro da galáxia Messier 87 (M87), a cerca de 55 milhões de anos-luz da Terra, já tem nome: foi batizado de Powehi.

A palavra – que tem raízes em “Kumulipo”, o poema épico da antiga religião havaiana – significa “a obscura fonte embelezada da criação infinita” e foi proposta pelo professor de línguas da Universidade do Havaí em Hilo, nos Estados Unidos, Larry Kimura.

Em comunicado, a instituição explica que o objeto espacial foi batizado com um nome havaiano porque dois dos telescópios que foram utilizados para a descoberta localizam-se no território deste estado norte-americano.

“Ter o privilégio de dar um nome havaiano à primeira confirmação científica de um buraco negro é muito importante para mim e para a minha linhagem havaiana”, disse Kimura.

A primeira fotografia de um buraco negro, apresentada esta quarta-feira graças a oito telescópios do Event Horizon Telescope (EHT), é considerada um “marco na Astronomia“. “Vimos o que pensávamos não ser visível, vimos e fotografamos um buraco negro”, anunciou o líder do projeto do EHT, Sheperd Doeleman.

“Estamos a dar à humanidade o primeiro vislumbre de um buraco negro: uma porta única para fora do nosso Universo”, acrescentou Sheperd Doeleman. “Este é um marco na Astronomia, um feito científico sem precedentes levado a cabo por uma equipa [constituída] por mais de 200 cientistas”, frisou.

Katie Bouman, o “cérebro” por detrás do algoritmo

O marco na Astronomia foi conseguido graças ao trabalho de uma investigadora do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), que desenvolveu um algoritmo para “ver o invisível”. “Há 3 anos, a estudante de pós-graduação Katie Bouman liderou a criação de um novo algoritmo para produzir a primeira imagem de um buraco negro. Hoje a imagem foi divulgada”, escreveu o MIT na sua conta de Twitter.

Em 2016, ao descrever o projeto em que trabalhava, Bouman disse que, para alcançar este feito, era necessário um “telescópio do tamanho da Terra”. Contudo, os especialistas conseguiram capturar o objeto espacial recolhendo dados dos radiotelescópios encontrados em todo o planeta e juntando-o posteriormente numa imagem conjunta utilizando para isso o algoritmo desenvolvido por Bouman.

Além de ser a autora do algoritmo, o cientista também realizou uma série de testes para confirmar que a fotografia não foi resultado de falha técnica, nota o britânico The Guardian.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Musk ilibado depois de ter chamado "pedófilo" a mergulhador no resgate da gruta da Tailândia

O magnata fundador da Tesla, Elon Musk, foi absolvido na sexta-feira no processo por difamação movido pelo espeleólogo britânico Vernon Unsworth, que alegava ter sido chamado de pedófilo. Após cerca de uma hora de deliberações, o …

Luzes nas redes de pesca? Os golfinhos e as tartarugas agradecem

A implementação de luzes nas redes de pesca reduz a probabilidade de tartarugas marinhas e de golfinhos serem apanhados por acidente. Luzes LED nas redes de pesca eliminariam a "captura acidental" de tartarugas marinhas em mais …

Presidente da República passa o fim de ano na ilha do Corvo

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vai passar a noite de 31 de dezembro para 1 de janeiro na ilha do Corvo, nos Açores, de onde será transmitida a sua mensagem de Ano …

O calor extremo está a fazer com que os bebés nasçam mais cedo

Investigadores descobriram que o calor extremo faz com que os bebés nasçam mais cedo. Tal como quase tudo neste mundo, as coisas só vão piorar com as alterações climáticas. Segundo o Science Alert, os dois investigadores …

Empresa está a contratar uma pessoa que será paga para usar pijamas e dormir

Um start-up de colchões da Índia, que se descreve como uma "empresa de soluções para dormir" está a contratar alguém que será pago apenas para fazer isso mesmo. O objetivo é testar os seus produtos de …

O primeiro local funerário de compostagem humana do mundo abre em 2021

Prevê-se que a primeira instalação funerária de compostagem humana do mundo abra na primavera de 2021, depois de os legisladores do Estado de Washington terem legalizado o processo póstumo no início do ano. A empresa Recompose, …

Estado emprestou dois milhões à Cruz Vermelha para pagar salários

A Parpública SGPS emprestou dois milhões de euros ao Hospital da Cruz Vermelha, nomeadamente para fazer pagamento de salários. A Parpública SGPS, holding tutelada pelo Ministério das Finanças, libertou dois milhões de euros para permitir ao …

Ex-ministro francês François Bayrou acusado de cumplicidade na apropriação de fundos

O ex-ministro francês François Bayrou, dirigente centrista e próximo de Emmanuel Mácron, foi acusado na sexta-feira por "cumplicidade na apropriação indevida de fundos públicos" no caso dos assistentes parlamentares do seu partido. A acusação, "anunciada antecipadamente …

"Profundamente envergonhada", Merkel visitou Auschwitz pela primeira vez

A chanceler alemã, Angela Merkel, visitou esta sexta-feira pela primeira vez o campo de concentração e extermínio de Auschwitz-Birkenau num "sinal de reconciliação com os judeus e o estado de Israel", considera o historiador René …

Capital do Natal de Algés avança com queixa-crime contra promotores

A organização da Capital do Natal, evento que decorre em Algés, Oeiras, vai apresentar uma queixa-crime contra os promotores turísticos que "adulteraram a oferta do parque", o que defraudou "um conjunto alargado de pessoas". Em causa …