Primeira derrota eleitoral. Boris Johnson perde deputado no País de Gales

Michael Reynolds / EPA

O novo primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, sofreu a primeira derrota eleitoral na intercalar de quinta-feira e perdeu um deputado, reduzindo a maioria parlamentar dos Conservadores a um voto, foi anunciado nesta sexta-feira.

De acordo com os resultados oficiais do círculo eleitoral de Brecon e Radnorshire, no País de Gales (oeste), a candidata liberal-democrata e pró-UE Jane Dodd derrotou, na quinta-feira, o conservador Chris Davies por 13.826 votos contra 12.401. Em terceiro lugar surge o Brexit Party com 3.331, à frente dos trabalhistas, que tiveram um resultado desastroso, recolhendo apenas 1.680 votos.

Em Brecon e Radnorshire, 52% dos eleitores votaram a favor do Brexit no referendo de 2016, apenas um ponto percentual a menos que no conjunto do País de Gales. Nesta eleição os partidos que apoiam abertamente o Brexit (Conservadores, Brexit Party e UKIP) receberam 50,3% dos votos, mas isso não impediu que fosse eleito um deputado que se opõe à saída do Reino Unido da União Europeia.

Este resultado torna mais difícil para o governo de Jonhson aprovar leis e vencer votações no Parlamento, quando um novo debate sobre o Brexit está previsto para acontecer em menos de três meses.

Recentemente, a maioria parlamentar dos Conservadores tinha ficado reduzida a dois deputados devido à exclusão do deputado Charlie Elphicke por alegado assédio sexual, o que poderá ser crucial não só no processo do Brexit, mas também se o Governo enfrentar uma moção de censura, como ameaçou o partido Trabalhista.

Boris Johnson afirmou já que o Reino Unido sairá da UE em 31 de outubro, com ou sem acordo. No passado, o Parlamento britânico rejeitou no passado um Brexit sem acordo, o que se poderá repetir na próxima votação no outono.

A eleição também foi um teste à popularidade de Boris Johnson, em funções há apenas uma semana. Uma sondagem publicada pelo jornal The Times indicava que o novo primeiro-ministro estava já a atrair eleitores para o partido Conservador.

Apesar de ser uma derrota para os conservadores, o resultado foi melhor do que o esperado há poucas semanas, quando as apostas eram de 50 para 1 numa vitória dos liberal-democratas.

Na verdade este círculo eleitoral foi detido pelos liberal-democratas entre 1997 e 2015, altura em que o perderam para os conservadores. Com o campo do Brexit dividido entre conservadores e o partido de Nigel Farage — que venceu as recentes eleições europeias — muitos esperavam que os tories pudessem mesmo cair para terceira força política, pelo que terem conseguido um resultado tão competitivo é visto como uma indicação de que a liderança de Boris Johnson revigorou as bases do partido.

Em contrapartida o péssimo resultado dos trabalhista aumenta a pressão sobre a liderança, muito contestada, de Jeremy Corbyn.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Colisão gigante de asteróides no Espaço provocou um boom de vida na Terra

Os asteróides desempenharam um "papel divino" na história da vida na Terra. Um novo estudo sugere que um gigantesco boom de biodiversidade na Terra, há cerca de 470 milhões de anos, poderá ter acontecido devido …

Alguns planetas podem orbitar um buraco negro supermassivo em vez de uma estrela

Estamos habituados à ideia de que um planeta orbita estrelas. No entanto, estes corpos celestes podem também existir em torno de buracos negros supermassivos. Os cientistas já haviam adotado a ideia de que há planetas a …

PSD a 3 deputados da maioria na Madeira. CDS afasta geringonças

Miguel Albuquerque, político experiente, apreciador de música e apaixonado por rosas, voltou hoje a vencer as eleições regionais da Madeira, mas tem agora pela frente a ‘espinhosa’ tarefa de negociar um entendimento que garanta estabilidade …

Porto 2-0 Santa Clara | E vão cinco vitórias consecutivas na Liga

O FC Porto respondeu ao triunfo do Benfica no sábado em Moreira de Cónegos com a quinta vitória consecutiva na Liga, na recepção ao Santa Clara, por 2-0. Num jogo morno, com uma segunda parte mal jogada …

Mazda entra na corrida e prepara lançamento do seu primeiro carro elétrico

A Mazda garantiu o lançamento do seu primeiro carro elétrico já no próximo ano. O veículo será apresentado no Salão Automóvel de Tóquio. A corrida dos veículos elétricos acelera a todo o vapor e a Mazda …

Descobertas evidências de um reino bíblico em pleno deserto israelita

A bíblia faz referência a um reino de Edom, do século X antes de Cristo. Novas evidências sugerem que este reino poderá ter estado assente no deserto de Arava, no Israel. A análise de arqueólogos a …

PSD vence regionais na Madeira mas perde maioria absoluta

O PSD venceu hoje as eleições legislativas regionais na Madeira, com 37% a 41% dos votos, o que lhe retira a maioria absoluta no parlamento, segundo a projeção da RTP/Católica. O Partido Social Democrata venceu as …

No Afeganistão, há mulheres a arriscar a vida por um golo

As jogadores da seleção de futebol feminino do Afeganistão não treinam no seu país por razões de segurança. Muitas sofreram abusos sexuais e correm risco de vida para poderem jogar futebol. Pelo menos alguma vez na …

Cientista diz que avanços científicos podem levar à extinção humana

A evolução da ciência e tecnologia pode ser fundamental para evitar catástrofes, mas, ironicamente, pode também ser a causadora do fim da nossa espécie. O estudo das mudanças climáticas baseia-se em simulações cada vez mais de …

A ilha mais remota do mundo tem nome português

Tristão da Cunha é uma ilha com apenas 250 habitantes, onde ninguém fala português. Não há hotel nem aeroporto. Há quem parta em busca de um lugar sossegado para evitar as grandes multidões turísticas. Caso esteja …