“A primeira coisa que fazem é cuspir em Samara.” Diretor da Roscosmos acusa Estados Unidos de sabotagem

NASA HQ PHOTO / Flickr

O diretor da agência espacial russa Roscosmos, Dmitry Rogozin

Dmitry Rogozin, diretor-geral da agência espacial russa Roscosmos, acusou os Estados Unidos de sabotagem, depois de o Governo norte-americano ter anunciado sanções económicas contra 103 empresas chinesas e russas.

O Departamento de Comércio dos Estados Unidos aplicou, na segunda-feira, sanções económicas contra uma longa lista de empresas chinesas e russas que, supostamente, mantêm laços com os órgãos militares dos seus países.

Uma das empresas é o Centro Espacial Progress Rocket, na Rússia, que fabrica os foguetes Soyuz utilizados pelo programa espacial do país. As restrições impedem as empresas de comprar uma ampla gama de produtos e tecnologia dos Estados Unidos, informaram altos funcionários do Departamento de Comércio norte-americano.

As empresas que surgem na lista divulgada não são propriamente uma surpresa. No entanto, o número de empresas russas com negócios relacionados com as áreas da aviação, foguetes e dispositivos nucleares duplicou em relação à previsão feita pela Reuters, em novembro.

No comunicado divulgado, Wilbur Ross, secretário de Comércio dos Estados Unidos, disse que “o Departamento reconhece a importância de alavancar as parcerias dos EUA e empresas globais para combater os esforços da China e da Rússia que tentam desviar a tecnologia americana para os seus programas militares desestabilizadores“.

A decisão norte-americana não agradou Dmitry Rogozin, diretor-geral da agência espacial russa Roscosmos. À agência de notícias estatal RIA Novosti, o responsável acusou as sanções de serem “ilegais como todas as outras sanções impostas anteriormente contra indivíduos e entidades legais russas”.

Já no passado sábado, dia 19 de dezembro, Rogozin publicou no Facebook uma farpa ao Governo norte-americano. De forma irónica, questiona se os profissionais da SpaceX conseguiriam trabalhar em temperaturas dezenas de graus abaixo de zero. “Nós estamos habituados”, escreveu.

Em 2014, Rogozin disse que a NASA poderia usar um trampolim para enviar astronautas ao Espaço se cortasse os laços com a Roscosmos. Ao que parece, o recente anúncio do Departamento de Comércio dos Estados Unidos voltou a não cair bem ao diretor-geral da agência espacial russa.

“Acontece que, agora, os nossos colegas norte-americanos têm o seu ‘trampolim’ a funcionar novamente e a primeira coisa que fazem é cuspir em Samara“, disse Rogozin citado pelo Ars Technica, numa menção à cidade russa onde se localiza o Centro Espacial Progress Rocket.

Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Centenas de pessoas protestam em Barcelona contra a prisão de Puigdemont em Itália

Centenas de pessoas reuniram-se próximo do consulado italiano em Barcelona em protesto contra a prisão de Carles Puigdemont. Centenas de pessoas reuniram-se esta sexta-feira próximo do consulado italiano em Barcelona, guardado por um forte dispositivo da …

Portugal com mais 9 mortes e 757 casos de covid-19

Portugal registou 757 novos casos e nove mortes na sequência da infeção por covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde. Segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde, Portugal registou, nas últimas …

EUA comprometem-se a tomar medidas concretas para resolver diferenças com França

Os Estados Unidos continuam a tentar resolver as diferenças com a França na sequência da crise dos submarinos, com o secretário de Estado a admitir que Washington terá de tomar medidas concretas para reconquistar a …

Portugueses suspeitos de violação em Espanha vão ser libertados

Depois de um recurso inicial ter sido rejeitado por perigo de fuga, um tribunal de instância superior aceitou o pedido de libertação dos dois portugueses que estavam em prisão preventiva desde Julho. Vão ser libertados esta …

Administração da insolvência defende a viabilização da Dielmar

As manifestações de interesse na compra da Dielmar devem ser apresentadas até à próxima segunda-feira. A assembleia de credores está marcada para 6 de Outubro. Segundo revela uma fonte próxima ao Jornal Económico, o administrador da …

FBI emite mandado de detenção a Brian Laundrie, namorado de Gabby Petito

O namorado de Gabby Petito desapareceu três dias depois da jovem também ter sido dada como desaparecida. O jovem de 23 anos está também a ser acusado de fraude bancária. O FBI emitiu esta quarta-feira um …

Cavidade gigante no espaço lança nova luz sobre a formação estelar

Astrónomos que analisaram mapas 3D das formas e tamanhos de nuvens moleculares próximas descobriram uma cavidade gigantesca no espaço. O vazio em forma de esfera, descrito na revista The Astrophysical Journal Letters, abrange cerca de 150 …

Professor que fazia vídeos obscenos foi suspenso

O Ministério da Educação suspendeu o professor de Economia e Direito da Escola Secundária Eça de Queirós, na Póvoa de Varzim, que terá um canal de YouTube com vídeos obscenos. O docente da Secundária Eça de …

Bolsonaro quis apostar caixa de uísque com Boris Johnson por “anticorpos”

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, revelou na quinta-feira que tentou "apostar uma caixa de uísque" com o primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, alegando ter mais anticorpos para a covid-19 do que o britânico. A sugestão …

Sondagens, sondagens, sondagens. O que esperar da noite eleitoral

Para além do poder local, muito está em jogo nas próximas eleições autárquicas, com algumas direções nacionais a fazerem depender o seu futuro do resultado alcançado no domingo. Enquanto as urnas não abrem, uma ronda …