Praga de percevejos no Porto e em Lisboa é uma bomba-relógio

As pragas de percevejos de cama estão a alastrar-se por todas as grandes cidades mundiais, e Portugal não é exceção. Há quem compare cenário atual com uma bomba-relógio, dado que estes insetos se tornam resistentes aos inseticidas tradicionais.

A movimentação de pessoas entre países e continentes fez disparar o aparecimento de percevejos de cama, insetos que se alimentam exclusivamente de sangue. Lisboa e Porto estão entre as cidades onde o fenómeno está a crescer rapidamente. As empresas de controlo de pragas são chamadas diariamente a missões de desinfestação, tanto no alojamento local como em hotéis de luxo.

O presidente da Divisão de Gestão de Pragas e Saúde Ambiental da Groquifar, António Lula, diz que o problema é que as pessoas só se preocupam “quando as pragas surgem”, falhando assim a aposta na prevenção a estas pragas.

Em Portugal, os primeiros alertas surgiram no verão passado, e muitos habitantes culpavam os turistas que dormem em quartos do alojamento local pelas epidemias. Mas isso não é verdade.

Angelino Pina, diretor técnico em Portugal da Rentokil Initial, multinacional de controlo de pragas, explicou ao Jornal de Notícias que “não interessa o tipo de alojamento que o turista vai ocupar”. “No avião, as malas viajam todas juntas nos porões, abrindo a hipótese de os percevejos saltarem de umas para as outras.”

Por outro lado, a grande concentração de pessoas nas cidades criam as condições necessárias para que estes insetos se sintam protegidos por temperaturas amenas, fatores que facilitam a reprodução“.

“Estamos no limiar de uma situação muito preocupante”, afirma o representante, comparando o cenário atual a uma “bomba-relógio”, isto porque “os percevejos tornaram-se resistentes aos inseticidas tradicionais“.

Mas qual é a solução? Os responsáveis só veem uma e passa peças cidades inteligentes, com planeamento de base. “Em muitas das construções atuais, por serem demasiado antigas, eliminar as condições propícias ao crescimento de fenómenos destes obrigaria a reformas profundas, o que implicaria investimentos de larga escala”, explica António Lula.

Para isso, é preciso que haja uma “conjugação de vontades” entre o setor financeiro, político e de construção. “É importante, por exemplo, na construção de novos prédios, ouvir, além dos engenheiros e arquitetos, as empresas de controlo de pragas“, realça Angelino Pina.

António Lula frisa que, em Portugal, o setor está em grande desenvolvimento. “Estas pragas só são possíveis de controlar com operadores altamente treinados”, e o nosso país conta com um conjunto de empresas capazes.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Homem na casa dos 20 anos morre de peste no Novo México

Um homem na casa dos 20 anos morreu de peste septicémica no estado norte-americano do Novo México, anunciaram as autoridades de saúde deste estado. A vítima, cuja identidade não foi revelada publicamente, viva em Rio …

Cara do pintor italiano Rafael reconstruida para resolver mistério do seu túmulo

Uma equipa de especialistas fez uma reconstrução em 3D da cara do pintor italiano renascentista Rafael. Assim, confirmaram o seu aspeto físico e resolveram o mistério relativamente ao seu túmulo. O rosto do pintor italiano Rafael …

Novo método não-invasivo permite diagnosticar cancro cerebral sem fazer incisões

Diagnosticar tumores cerebrais pode ser difícil e muito invasivo. Agora, uma equipa de investigadores desenvolveu um método para detetar cancro no cérebro sem ser necessária qualquer incisão. Os tumores cerebrais são normalmente diagnosticados através de imagens …

A última plataforma de gelo intacta do Canadá colapsou. Criou um icebergue maior do que o Porto

A plataforma de gelo Milne, no Canadá, fragmentou-se no final do mês de julho, formando vários icebergues, dois dos quais de grandes dimensões. Cientistas ouvidos pela agência noticiosa AP referem que esta era uma plataforma especial, …

Ícones da moda de luto: a indústria fashion nunca mais será a mesma

Muitas são as áreas da economia a ser gravemente afetadas pela pandemia de covid-19. A indústria da moda não foge à tendência e já são muitos os líderes de grandes marcas a "declarar morte" à …

Covid-19: Cigarros eletrónicos aumentam riscos de infeção em cinco a sete vezes para jovens

O risco de contrair covid-19 entre adolescentes e jovens adultos que fumam cigarros eletrónicos é cinco a sete vezes superior, segundo um estudo liderado pela faculdade de Medicina da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos. O …

Apenas 10% da população escreve com a mão esquerda. Cientistas lutam para explicar porquê

Em praticamente qualquer lugar do globo, apenas 10% das pessoas são canhotas, isto é, têm maior habilidade com o lado esquerdo do corpo, especialmente com a mão, comparativamente com o lado direito. Os cientistas tentam há …

Para reavivar o turismo, esta pequena cidade está a contar com a ajuda dos "vampiros"

A pequena cidade de Forks, em Washington, nos Estados Unidos, é lar de 3.600 pessoas, cujos meios de subsistência nos últimos 15 anos foram impulsionados por uma indústria do turismo alimentada por "Crepúsculo", a série …

Tim Cook acaba de se juntar ao clube dos milionário à boleia de recorde histórico da Apple

O diretor-executivo (CEO) da Apple, Tim Cook, acaba de se juntar à lista de multimilionários do mundo, depois de a gigante tecnológica norte-americana atingir um valor de mercado histórico. De acordo com os cálculos da …

Cientistas calculam probabilidade de contágio ao viajar de comboio

Investigadores da Universidade de Southampton, no Reino Unido, calcularam a probabilidade de contrair covid-19 ao viajar numa carruagem de comboio com uma pessoa infetada. Em colaboração com a Academia Chinesa de Ciências, a Academia Chinesa de …