Portugueses trabalham cada vez mais (e muito mais do que os alemães)

ABr

Os portugueses trabalham, em média, mais do que os seus conterrâneos da União Europeia, e ainda têm menos dias de férias, de acordo com um novo estudo sobre o mercado de trabalho. Só ficam a ganhar nos feriados, mas pouco.

O estudo “O mercado de trabalho em Portugal e nos países europeus”, do Observatório das Desigualdades do ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa, vai ser oficialmente apresentado na quarta-feira, mas é antecipado pela TSF.

De acordo com as conclusões retiradas por esta análise, os portugueses têm vindo a trabalhar cada vez mais horas. Os trabalhadores com um contrato de trabalho a tempo inteiro passaram de uma média de 40,2 horas por semana em 2008, para 41,1 horas de trabalho semanais em 2016.

A média europeia situa-se nas 40,3 horas de trabalho por semana, com Portugal a surgir com o quinto tempo mais elevado em 28 países da União Europeia (UE).

No final do ano, um português terá acumulado 1.797 horas de trabalho, isto é, mais 77 horas do que a média da UE. Estamos a falar de quase duas semanas a mais de trabalho, constata a TSF, e de um valor bem superior ao de alemães e holandeses, por exemplo, que acumulam menos de 1.700 horas de trabalho por ano.

No capítulo das férias, os portugueses têm, em média, 22 dias – a média europeia situa-se nos 24,6 dias por ano. Mas na Alemanha, os trabalhadores chegam a ter direito a 30 dias de férias por ano e na Holanda, a 25,6 dias.

Só nos feriados é que os portugueses saem a ganhar, com 10 dias anuais contra 9,2 da média europeia.

Estes números são especialmente interessantes à luz das ideias pré-concebidas que os países do Norte e do Centro da Europa têm relativamente a Portugal, e aos restantes países do Sul do Velho Continente.

Basta lembrar as críticas da Chanceler alemã Angela Merkel à falta de produtividade dos portugueses, com a defesa de que deviam ter menos dias de férias, e as declarações do ex-presidente do Eurogrupo, o holandês Jeroen Dijsselbloem, que disse que os países do Sul gastam o dinheiro em “copos e mulheres“.

O investigador Frederico Cantante, envolvido no estudo do Observatório das Desigualdades do ISCTE, lembra isso mesmo e conclui que “o principal desafio da economia portuguesa é trabalharmos com mais qualidade e não mais tempo“.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Os Trabalhadores, claro! Por exemplo, esses que a fotografia retrata. Esses como outros como esses, sustentam a engrenagem que os burocratas exploram, fazendo greves e mais greves enquanto esses trabalham sem direito sequer a reivindicações.

RESPONDER

O mistério daquilo que torna uma piada engraçada (mas só para algumas pessoas)

https://vimeo.com/372607767 Aquilo que torna uma piada engraçada poderá depender do contexto social e temporal. Cientistas ainda tentam perceber até que ponto o nosso cérebro pode ter influência neste processo. Acha engraçada esta piada da Suméria de 1900 …

Elon Musk explica como construir uma cidade sustentável em Marte

O CEO da Space X, o multimilionário Elon Musk, revelou na rede social Twitter detalhes sobre os planos da empresa para estabelecer um assentamento em Marte que seja sustentável para os seres humanos. No entender de …

Físicos já conseguem espreitar o gato de Schrödinger sem o matar

Pode haver uma forma de espreitar o gato de Schrödinger - a famosa experiência mental baseada em felinos que descreve o comportamento misterioso das partículas subatómicas - sem matar permanentemente o animal hipotético. O gato de …

Acesso à Internet deve ser considerado direito humano básico

Uma nova investigação, levada a cabo pela Universidade de Birmingham, no Reino Unido, concluiu que acesso à Internet deve ser um direito humano básico, pois significa a capacidade participar na vida pública. Merten Reglitz, professor de …

Fórmula 1 quer atingir emissões zero de CO2 até 2030

A Fórmula 1 pretende reduzir a zero as emissões de CO2 até 2030, com base num plano que pretende “pôr em marcha de imediato”, anunciou esta terça-feira a Federação Internacional do Automóvel (FIA). O plano divulgado …

A Tesla vai lançar a sua misteriosa pickup “cyberpunk” elétrica ainda este mês

A nova Tesla Cybetruck já tem data de lançamento após um longo tempo de espera. O fundador da empresa, Elon Musk, anunciou que a carrinha "pickup" será revelada no dia 21 de novembro. O anúncio foi …

Asteróide "potencialmente perigoso" aproxima-se da Terra esta quarta-feira

Um asteróide com 147 metros de diâmetro, caracterizado pela NASA como "potencialmente perigoso" vai aproximar-se da Terra esta quarta-feira. Em causa está o corpo rochoso UN12 2019, explica a agência espacial norte-americana, dando conta que o …

Encontrado submarino da II Guerra Mundial que esteve perdido durante 75 anos (devido a um erro de tradução)

Uma equipa de exploradores oceânicos privada encontrou na costa do Japão um submarino do exército norte-americano do tempo da II Guerra Mundial, que estava desaparecido há 75 anos por causa de um erro num dígito …

Uma casa esteve a afundar-se no Tamisa para alertar para a subida do nível dos oceanos

No passado domingo, quem passou junto ao rio Tamisa, em Londres, não deverá ter ficado indiferente à típica casa dos subúrbios ingleses que se afundava perto da Tower Bridge. Felizmente, de acordo com a agência Reuters, …

A defesa de Lage é a melhor do Benfica em quase 30 anos

A defesa de Bruno Lage leva apenas quatro golos sofridos em 11 jornadas, o que faz dela a melhor defesa do campeonato e a melhor do Benfica desde a temporada de 1990/1991, escreve o jornal …