O sal que está a usar na comida tem microplásticos

Um novo estudo, que analisou 17 marcas de sal vendidas em oito países, incluindo Portugal, detetou amostras com microplásticos. No nosso país, uma das marcas atingiu o máximo observado com dez microplásticos por quilo.

Uma equipa de cientistas decidiu fazer um estudo internacional a 17 marcas de sal vendidas em oito países, incluindo Portugal, com o objetivo de encontrar micro-partículas de plástico, revela o Público esta sexta-feira.

De acordo com os resultados, a maioria das amostras estava contaminada com “doses baixas”, o que, para já, não tem ainda um “efeito imediato” na saúde dos consumidores. “Os microplásticos só estavam ausentes numa das marcas, enquanto as outras continham entre um a dez microplásticos por quilo de sal”, refere-se no artigo.

Segundo o jornal, entre as amostras analisadas estavam três marcas portuguesas que são atualmente comercializadas. Uma destacou-se pelos piores motivos, uma vez que alcançou o máximo registado de dez partículas de microplástico por quilo de sal.

Além do nosso país, foram analisadas marcas de sal da Austrália, França, Irão, Japão, Malásia, Nova Zelândia e África do Sul. O artigo foi publicado no site Scientific Reports, da revista científica Nature.

Escreve o Público que, todos os anos, despejamos entre cinco e 13 milhões de toneladas de plásticos para os oceanos. Com a ação da luz solar e da água, esse lixo vai-se transformando em minúsculas partículas. Uma parte dessas substâncias estão a voltar para nós e não é só no sal, como alerta Ali Karami, investigador na Faculdade de Medicina e Ciências da Saúde da Universidade Putra, na Malásia, e principal autor do artigo.

“Estamos a consumir microplásticos em vários produtos, incluindo marisco, mel e até cerveja. Assim, o sal não é o único culpado”, avisa o cientista, que considera estas substâncias autênticas “macrobombas”.

Apesar de o perigo não ser muito elevado, tendo em conta o tamanho reduzido destas partículas e o facto de o consumo máximo por pessoa rondar as 37 partículas por ano, o investigador alerta que “os microplásticos podem libertar poluentes no nosso organismo que, a longo prazo, podem provocar problemas de saúde“.

“Ainda não sabemos quantos outros produtos estão contaminados com microplásticos, mas acreditamos que a maioria dos produtos que vêm do mar provavelmente tem. Por isso, os microplásticos no sal serão apenas uma minúscula parte da orquestra”, conclui.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. E porque não falam em marcas?
    Além de ser uma informação para o consumidor, também obrigava essas empresas produtoras a fazerem alguma coisa.
    Põe noticia mas mantêm as pessoas na ignorância, para quê?

RESPONDER

"Ihor gritava como um cão atropelado". Seguranças contam nova versão em tribunal

O segurança Manuel Correia testemunhou esta quarta-feira que “ouviu gritos” de Ihor Homeniuk vindos de uma sala do SEF no aeroporto de Lisboa e que encontrou um dos inspetores com um pé em cima da …

Dos pés de Cancelo para a cabeça de Bernardo Silva. City ganha na Champions com um golo 100% português

Os internacionais portugueses João Cancelo e Bernardo Silva foram fundamentais para a vitória do Manchester City sobre o Borussia Monchengladbach (2-0), na primeira mão dos oitavos da Liga dos Campeões, com ação direta nos dois …

"População não interiorizou a gravidade da situação". Depois de Siza, Cabrita aponta o dedo aos portugueses

Num relatório sobre a aplicação do decreto do estado de emergência na segunda quinzena de janeiro, Eduardo Cabrita justifica o fecho das escolas e o fim das vendas ao postigo, culpando a população pelas decisões …

Esta época há menos 500 clubes. "É o drama absoluto", diz presidente da FPF

Esta época há menos 500 clubes em comparação com a temporada transata. O presidente da FPF, Fernando Gomes, classifica a situação de "drama absoluto". A pandemia de covid-19 e a consequente interrupção das competições foi um …

Psicólogos no recrutamento e mudanças na formação. IGAI quer acabar com discriminação na polícia

A Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) quer envolver psicólogos no processo de recrutamento de novos polícias e rever os currículos de formação para acabar com práticas discriminatórias nas forças de segurança. As alterações no processo de …

Coleção de joias da era Viking é encontrada na Ilha de Man. É "excecionalmente rara"

Uma coleção de joias da era Viking foi encontrada na Ilha de Man, entre Inglaterra e a Irlanda, em novembro de 2020 e foi agora classificada como tesouro. Os especialistas acreditam que os artefactos, descobertos …

“As brasileiras são mercadoria". Professor da UP suspenso por comentários machistas e xenófobos nas aulas

Após uma denúncia que reuniu assinaturas de mais de uma centena de alunas, o professor auxiliar Pedro Cosme da Costa Vieira foi suspenso pelo período máximo de 90 dias, da Faculdade de Economia da Universidade …

Houve buzinão na Luz (mas sem "carinho"). Jesus culpa covid-19 pela crise do Benfica

Algumas dezenas de adeptos protestaram junto ao Estádio da Luz com um buzinão, entre gritos de "Rua Vieira" devido aos maus resultados do Benfica. Antes disso, Jorge Jesus tinha apelado a um "buzinão de carinho" …

Marcelo remete diretamente para o Governo limites ao ruído nos prédios

O chefe de Estado incluiu o detalhe "decreto-lei do Governo", no novo decreto para a renovação do estado de emergência, para permitir que o Executivo limite o ruído nos prédios. No último decreto que executou o …

Clubes ingleses decidiram: não há público, acabou a época

Decisão não afeta a Premier League mas antecipa o final de quatro divisões do futebol inglês. Na época passada os campeonatos também não chegaram ao fim. Muitos dos campeonatos não-profissionais (em várias modalidades) estão parados, não …