Portugal só recebe cheques do PRR se cumprir metas estabelecidas por Bruxelas

Tiago Petinga / EPA

Ursula Von der Leyen e António Costa

A longo prazo, o PRR de Portugal tem mais de 300 metas para cumprir para assim receber 16,6 mil milhões de euros do Fundo de Recuperação europeu.

Após a visita de Ursula Von de Leyen a Portugal, na quarta-feira, é agora oficial o sinal de “luz verde” da Comissão Europeia ao Plano de Recuperação e Resiliência.

Assim, Portugal compromete-se a partir de agora, e até agosto de 2026, a cumprir 341 metas e objetivos, com 32 reformas e 83 investimentos, cuja concretização depende para receber 16,6 mil milhões de euros por parte de Bruxelas, revela o Público.



Depois da avaliação positiva de Bruxelas sobre o PRR português, o colégio de comissários aprovou também uma proposta de Decisão de Execução do Conselho da União Europeia (UE), que deve ser adotada até um máximo de quatro semanas.

Consta ainda um documento de mais de 200 páginas onde estão descritas todas as reformas e investimentos que Portugal se propõe executar até agosto de 2026, com os respetivos custos e calendarização, pelo que é com base nisso que os reembolsos serão aprovados ou rejeitados.

Neste sentido, se o primeiro “cheque”, no valor de 2,15 mil milhões de euros, está quase assegurado, o pagamento das restantes tranches irá depender de estarem alcançadas as metas e objetivos a que o Governo se comprometeu.

No entanto, apesar das fontes comunitárias desvalorizarem eventuais dificuldades, muitas das reformas que estão inscritas nas metas, na área da saúde ou da habitação, precisam do apoio da Assembleia da República para serem aprovadas.

Para já, o Governo português mostra que não quer perder tempo e vai já avançar, “nos próximos dias” com avisos e concursos, nomeadamente para a construção de infra-estruturas em universidades ou para obras de melhoria de eficiência energética nos edifícios.

ZAP //

 

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Ou seja, Portugal de mão estendida à espera de esmola da UE, e nós e gerações futuras vamos continuar a viver de gatas e calças para baixo à mercê da UE, porque ninguém dá nada a ninguém, com um sorriso de orelha a orelha do nosso PM cujos amigos das grandes empresas vão encher os bolsos, e com os nossos antepassados que deram a vida pela independência e grandeza desta nação à beira mar plantada, agora escrava de burocratas globalistas de Bruxelas, a darem voltas no túmulo. Viva Portugal
    PS: preparem-se para inflação e aumento de impostos, provavelmente também uma ‘taxa verde’ ou coisa parecida para salvar o mundo das alterações climáticas, bem como mais restrições e injeções com tratamentos experimentais, enquanto agradecem por vos ser permitido sair de casa. Mas vamos todos ver a bola. Circo e pão

  2. Obviamente que só por aqui se diz que isto é a fundo perdido. Nada será a fundo perdido. A dívida é emitida conjuntamente pela UE e deste modo todos os países terão de a pagar no futuro. Já disse aos meus filhos para se prepararem para viver noutro país (de resto, os dois estão no ensino superior no estrangeiro) porque quem cá ficar vai ter uma mochila bem pesada para carregar.
    É uma vergonha o total desrespeito desta classe de governantes pelas gerações vindouras.

RESPONDER

Os exemplos que Portugal deve seguir (e evitar) nas últimas etapas da pandemia

No plano apresentado pela equipa de Raquel Duarte comparam-se as estratégias opostas adotadas por Israel e Reino Unido, com a segunda a merecer nota negativa por parte dos investigadores. Os dados foram lançados na reunião que …

Jogos da Taça da Liga de sábado adiados para domingo para poderem ter público

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) anunciou, esta quinta-feira, que os jogos da Taça da Liga agendados para sábado vão ser adiados para domingo, para que possam ter público nas bancadas. "A Liga, …

Dinamarca enfrenta acção legal por querer repatriar refugiados sírios

O governo dinamarquês quer repatriar sírios naturais de Damasco depois de um relatório mostrar que há zonas da Síria onde a segurança melhorou. A decisão está a ser criticada por activistas e o caso pode …

Pela primeira vez, foi observada luz por detrás de um buraco negro

Um estudo divulgado esta quarta-feira revelou a primeira observação direta da luz por detrás de um buraco negro, através da deteção de pequenos sinais luminosos de raios-X, confirmando a Teoria da Relatividade Geral, de Einstein. Segundo …

Cheias atingem campos no Bangladesh. Pelo menos seis refugiados Rohingya mortos

Pelo menos seis refugiados Rohingya morreram após as cheias inundarem os campos de refugiados em Bangladesh nos últimos dias, destruindo os abrigos de bambu e plástico e deixando pelo menos 5.000 desabrigados, informou o Alto-comissariado …

Defesa de Salgado alega diagnóstico preliminar de Alzheimer do ex-banqueiro

A defesa do antigo presidente do BES, que está a ser julgado por três crimes de abuso de confiança no âmbito da Operação Marquês, pediu ao tribunal uma perícia médica devido ao seu diagnóstico preliminar …

Três norte-americanos emitem carbono suficiente para matar uma pessoa, revela estudo

O estilo de vida de três norte-americanos leva a uma emissão de carbono suficiente para matar uma pessoa, revelou um novo artigo, concluindo ainda que as emissões de uma única usina a carvão podem causar …

Terceira dose da vacina da Pfizer aumenta "fortemente" a proteção contra a variante Delta

Farmacêutica norte-americana pretende submeter um novo pedido de autorização de emergência para a administração da terceira dose ao regulador, depois de já ter visto um pedido anterior ser recusado por falta de evidências científicas. Depois de …

Estabelecimentos abertos até às 02h00. Máscaras na rua acabam em setembro

O primeiro-ministro anunciou, esta quinta-feira, a partir do Palácio Nacional da Ajuda, as novas medidas de desconfinamento decididas no Conselho de Ministros. António Costa começou por referir que, graças às medidas restritivas dos últimos tempos, é …

Surpresa na Liga dos Campeões: Celtic é uma equipa de "terceira divisão"

Críticas à qualidade do plantel do gigante escocês, que nem passou da segunda pré-eliminatória de acesso à Liga dos Campeões. O Midtjylland fez a festa. Há uns tempos seria uma surpresa mas, nos anos mais recentes, …