/

Portugal só recupera nível de dívida pré-covid em 2028

A dívida pública portuguesa subiu 16,5 pontos percentuais num só ano por causa da crise originada pela pandemia e reverter este aumento vai demorar pelo menos oito anos, segundo as últimas projeções da Comissão Europeia.

No relatório Debt Sustainability Monitor 2020, divulgado na sexta-feira, os técnicos concluíram que Portugal só voltará a ter um rácio (116,8% do PIB) inferior ao nível pré-covid (117,2% do PIB em 2019) em 2028, noticiou esta terça-feira o ECO.

No cenário da Direção-Geral para os Assuntos Económicos e Financeiros, a dívida pública portuguesa terá atingido um pico em 2020 nos 135,2% do PIB, valor desatualizado face aos 133,7% apurados na semana passada. Os técnicos notaram que o país será dos Estados-membros da UE que mais reduzirá o endividamento nos próximos anos.

Os custos de manter essa dívida pública continuarão a descer ao longo dos anos, resultado da política de juros baixos do Banco Central Europeu (BCE) e da confiança dos investidores.

Contudo, Portugal é um dos oito países europeus identificados pela Comissão Europeia como sujeito a um “elevado risco” no médio prazo, junto da Bélgica, Espanha, França, Itália, Roménia, Eslovénia e Eslováquia. No longo prazo, o risco é “médio”.

  Taísa Pagno //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.