Polícia dispara contra terapeuta negro desarmado e com as mãos no ar

A polícia americana disparou contra um cidadão negro não armado que estava deitado no chão e com as mãos no ar. O homem trabalha como terapeuta e estava a tentar acalmar um paciente com autismo.

Charles Kinsey, terapeuta norte-americano, estava a tentar acalmar um paciente com autismo, que tinha fugido do centro de tratamento, quando foi abordado pela polícia.

Mesmo deitado no chão, com os braços no ar e a tentar explicar o que se passava, o cidadão negro foi atingido por um dos tiros dos polícias.

O episódio aconteceu depois das autoridades terem sido chamadas ao local porque tinha sido reportado que o jovem estava com uma arma.

Charles obedeceu a todas as regras impostas pelos agentes e explicou que o que seria uma arma era, de facto, um carrinho de brincar.

Nessa altura, o próprio terapeuta perguntou ao polícia porque é que tinha sido alvejado, ao que o agente terá respondido “não sei”.

Segundo a imprensa americana, o polícia que disparou terá sido suspenso e foi aberta uma investigação para apurar mais detalhes sobre o caso.

A tensão entre as autoridades e a comunidade negra nos EUA tem vindo a ganhar força nos últimos tempos, sobretudo depois de dois casos em que os dois homens foram abatidos sem justificação.

Arlon Sterling, de 37 anos, estava a vender CDs junto a uma loja de conveniência quando foi abordado e abatido a tiro por dois polícias.

Na mesma semana, Philando Castile, de 32 anos, foi morto dentro do seu próprio carro, depois de um polícia o ter alvejado enquanto este procurava os documentos no bolso.

ZAP / Os Velhotes dos Marretas

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. O que estão a tentar impingir na mente das pessoas, na realidade foi o que sempre impingiram: que nos EUA sempre existiu ódio de morte pela raça negra… vai continuar a existir, e irremediavelmente vai ainda dar muito que falar…

  2. Arlon Sterling.. vendia sim.. CDs piratas… ilegais portanto.. e para alem disso tinha uma arma consigo. Resistiu aos comandos da polícia e tentou chegar à arma quando já o estavam a tentar controlar. Note-se que a polícia tinha sido chamada porque alguém (ele) estava a empunhar uma arma à saída da loja de conveniência onde vendia os CDs. Tinha um longo cadastro de resistência à polícia, roubo, violência e inclusivamente violação de uma menor. Tinha filhos mas não pagava a pensao de alimentos.. devia cerca de 25000 USDs (bela peça.. e por aqui já dá para ver a coisa.. nem vou continuar..)

    Philando Castile, tinha droga no veículo em que circulava… e estava a consumi-la na presença de uma criança que por sua vez estava no banco traseiro.. ficando essa também sob o efeito das drogas fumadas. Foi mandado parar porque correspondia à descrição de alguém que tinha assaltado uma loja de conveniência à mão armada na zona em que circulava, e, apesar do comando policial para não chegar à arma que tinha debaixo do banco.. ele assim o fez e foi obviamente abatido! O streaming para o facebook para além de incompleto apenas iludiu os pouco atentos… e aumentou as tensões raciais (que resultou nos atentados com snipers nos dias seguintes).

    Tudo isto acontece num momento que é conveniente à Sra. Hillary retirar as atenções sobre os seus crime de estado.. e que se fosse feitos por outra pessoa qualquer… essa já estaria em Guantanamo!

    • ” A polícia americana disparou contra um cidadão negro não armado que estava deitado no chão e com as mãos no ar. O homem trabalha como terapeuta e estava a tentar acalmar um paciente com autismo. “

  3. Nesse país mata-se por tudo e por nada e o mais caricato é que as armadas são vendidas e permitidas até a crianças e depois a polícia diz matar porque alguém estava armado embora nem sequer tivesse feito qualquer movimento estranho, este caso irá dar na morte de mais uns tantos polícias, mas é disto que na prática os americanos parecem gostar.

  4. Só “qualidade e competência” na policia americana!…
    Pior que as forças policias de alguns países de 3º mundo!…

RESPONDER

A Terra em 4K. Empresa vai transmitir vídeos do Espaço em tempo real

A empresa Momentus assinou um novo contrato que fornecerá transporte e implementação no Espaço para a Sen, uma empresa britânica que está atualmente a construir um serviço de streaming de vídeo 4k e em tempo …

Hertz abre falência nos Estados Unidos, mas sobrevive em Portugal

O presidente executivo da Hertz Portugal afirmou esta quarta-feira que, apesar do inevitável “dano reputacional”, a falência da empresa nos EUA não afeta a sua atividade no país, onde opera de forma “independente” em regime …

Sintomas da doença de Lyme podem ser perigosamente confundidos com covid-19

Alguns dos sintomas característicos da doença de Lyme podem ser confundidos com covid-19. Isto pode trazer sérias consequências devido ao diagnóstico tardio da doença. Quando doenças semelhantes a uma gripe se desenvolvem em pessoas que passam …

Revelada a lotação máxima de várias praias portuguesas

Em contexto de pandemia de covid-19, o número de banhistas que pode entrar numa determinada praia será controlado. Foi revelada a lotação máxima das praias para as regiões do Algarve (Barlavento e Sotavento) e de …

Café na Coreia do Sul contrata um robô-barista para evitar a propagação da covid-19

O café Daejon, na Coreia do Sul, "contratou" um barista-robô para servir bebidas aos seus clientes, tentando evitar assim a propagação da pandemia de covid-19, que já matou mais de 350 mil pessoas em todo …

Incêndios: PSD aponta falta de meios aéreos e avisa que covid-19 não justifica atrasos

O PSD apontou hoje falta de meios aéreos de combate a incêndios no terreno e acusou o Governo de ter ficado "aquém" nas reformas e mudanças na floresta, avisando que a pandemia de covid-19 não …

Lançamento da SpaceX adiado devido ao mau tempo

O lançamento da SpaceX, que estava previsto para hoje, foi adiado devido às condições meteorológicas. Haverá uma nova tentativa no sábado, às 20h22 de Lisboa. O esperado era que a SpaceX lançasse esta quarta-feira dois astronautas …

"Não consigo respirar". Protestos nos EUA pela morte de homem negro às mãos da polícia

Milhares de pessoas protestaram, esta terça-feira à noite, em Minneapolis, cidade no estado norte-americano do Minnesota, contra a morte de George Floyd, um homem negro que acabou por falecer depois de um episódio com a …

Um em cada três americanos não acredita que o azeite vem das azeitonas

Um terço dos norte-americanos entrevistados numa sondagem disse não acreditar ou não ter certeza de que o azeite vem das azeitonas. O produto alimentar é usado por menos de metade das famílias do país. Uma sondagem …

A pandemia separou casais de namorados. Dinamarca abre fronteiras a quem prove estar numa relação

Esta segunda-feira, a Dinamarca diminuiu o controlo na fronteira com outros países nórdicos e com a Alemanha para que casais transfronteiriços, separados pela pandemia, se reencontrem. A partir desta segunda-feira, os casais separados pela pandemia podem …