Petição para referendar a eutanásia já reuniu mais de 76 mil assinaturas

A petição para a realização de um referendo de iniciativa popular sobre a despenalização da eutanásia já foi assinada por mais de 76 mil pessoas, anunciou no sábado a Federação Portuguesa pela Vida (FPV).

De acordo com o Observador, a FPV está a reunir assinaturas com o apoio da Igreja Católica, a nível nacional, visando referendar a questão: “Concorda que matar outra pessoa a seu pedido ou ajudá-la a suicidar-se deve continuar a ser punível pela lei penal em quaisquer circunstâncias?”.

O Parlamento despenalizou a morte medicamente assistida em 20 de fevereiro, aprovando na generalidade os cinco projetos apresentados (PS, BE, PEV, PAN e Iniciativa Liberal).

Embora ainda não haja data para a entrega da petição no Parlamento, numa publicação no Facebook, a FPV comunicou que, até às 11:00 do dia 07 de março de 2020, “foram contabilizadas 76 124 assinaturas”, com mais de 50 mil recebidas em papel. O número de assinaturas que já superou o exigido para a realização deste tipo de iniciativas (60 mil).

Comunicado A Federação Pela Vida, promotora da Iniciativa Popular de Referendo sobre a (des) penalização da morte a…

Publicado por Federação Portuguesa pela Vida em Sábado, 7 de março de 2020

“Em menos de um mês ultrapassamos o número exigido. Há uma forte adesão ao referendo sobre a eutanásia e há muita gente a quem a iniciativa ainda não chegou”, garantiu ao Público a advogada e presidente da FPV Isilda Pegado.

E acrescentou: “É nossa intenção, face aos números que recolhemos, entregar a petição durante o processo legislativo e isso pode ou não suspender o próprio processo legislativo”.

O movimento conta com o antigo Presidente da República Ramalho Eanes, a ex-presidente do PSD Manuela Ferreira Leite, o politólogo Jaime Nogueira Pinto, a ex-deputada do CDS-PP Isabel Galriça Neto, o presidente da Caritas Eugénio Fonseca, o ex-bastonário da Ordem dos Médicos Germano de Sousa, e o padre e professor de Filosofia Anselmo Borges.

ZAP //

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Só tarados. Estes gajos que estão contra a eutanásia estão cheios de saúde, não sabem o que é estar no limite da vida.

  2. Que bando de palermas!…
    A eutanásia não será obrigatória e por isso podem estar contra a eutanásia à vontade – desde que não a queriam priobir aos outros!!!
    Coitados… mal sabem tomar conta das suas tristes vidas e ainda querem mandar nas escolhas/liberdades pessoais dos outros!

  3. Se tivéssemos políticos dignos do nome políticos, não era preciso haver referendo aprovavam a leu da Eutanásia e cada pessoa que tomasse a decisão que entendesse, havendo lei ela não obriga ninguém a morrer é tão simples quanto isso, mas como não temos políticos temos é uma casta que se diz política mas que não passam de oportunistas nem coragem têm para aprovar a dita lei preferem que seja eu a decidir a vida do meu vizinho e ele a minha, “esquecem-se” que a vida é minha sou eu que devo saber o que quero fazer e não os meus vizinhos.

    • Deves ter estado hibernado… só pode!…
      20 FEVEREIRO 2020 – 22:56
      “Eutanásia aprovada no Parlamento”
      publico.pt/2020/02/20/politica/noticia/eutanasia-vai-novo-votos-632-dias-chumbo-1904901
      .
      Agora imagina se os políticos fossem todos como tu!…

        • Pois não, mas eu tomei a liberdade de te esclarecer, porque nota-se que és daqueles que comenta sem saber do que fala e depois faz as “figuras” que fizeste!…
          A eutanásia foi aprovada no Parlamento – sem qualquer referendo, logo, tudo que escreveste é um autêntico disparate!
          Para a próxima, tenta comentar só assuntos sobre os quais estejas minimamente informado.

  4. Referendar uma decisão estritamente pessoal a cada individuo, é puro e simplesmente inadmissível !…querer impor os proprios conceitos Religiosos e opiniões pessoais a todos, é pura ditadura !

RESPONDER

Um medicamento comum utilizado para tratar a diarreia pode ajudar a combater células cancerígenas agressivas

Um fármaco comum prescrito para tratar a diarreia pode ajudar a combater um tipo agressivo de cancro cerebral (glioblastoma), sugere uma nova investigação levada a cabo pela Universidade de Frankfurt, na Alemanha. Em causa está …

"Bola de fogo" cruzou o céu sobre o Mediterrâneo a 105 mil quilómetros por hora

Uma "bola de fogo" atravessou o mar Mediterrâneo e o norte de Marrocos na noite de quarta-feira, a 105.000 quilómetros por hora. A bola de fogo foi observada por um projeto científico espanhol a uma velocidade …

Duterte rejeita que a filha o vá suceder na liderança das Filipinas. "Isto não é para mulheres"

O líder das Filipinas, Rodrigo Duterte, descartou, na quarta-feira, a hipótese de a filha o vir a suceder no próximo ano, acrescentando que a presidência não é tarefa para uma mulher por causa das …

"Uma memória a flutuar no oceano." Encontrada, dois anos depois, uma mensagem numa garrafa

Uma mensagem no interior de uma garrafa sobreviveu a uma viagem de dois anos pelo oceano. Recentemente, chegou às mãos de um ativista ecológico, enquanto limpava uma praia da Papua Nova Guiné. Em novembro do ano …

As células imortais de Henrietta Lacks revolucionaram a Ciência

O ano de 1951 foi muito importante no campo da biotecnologia e, surpreendentemente, tudo começou com a chegada de Henrietta Lacks a um hospital norte-americano. Descendente de escravos, Loretta Pleasant nasceu a 1 de agosto de …

Humanidade não será capaz de controlar máquinas superinteligentes, avisam cientistas

Uma equipa de investigadores do Instituto Max Planck para o Desenvolvimento Humano sugere que seria impossível controlar máquinas superinteligentes. A tecnologia de Inteligência Artificial (IA) continua a evoluir de vento em popa, enquanto alguns cientistas e …

Em 1950, a vacinação em massa salvou a Escócia

Em 1950, Glasgow, na Escócia, viu-se a braços com um surto de varíola e o cenário era muito semelhante ao que vivemos hoje: as autoridades sanitárias tentavam rastrear todos os contactos de pessoas portadoras do vírus, …

Japonês aluga-se a si próprio "para não fazer nada". E tem milhares de clientes

Um homem japonês que ganha a vida a alugar-se a si próprio “para não fazer nada” atraiu milhares de clientes. O negócio começou em 2018. Por 10.000 ienes (cerca de 79 euros) - mais despesas com …

Documentos de vacinas roubados por hackers também foram "manipulados"

A Agência Europeia do Medicamento, entidade reguladora da União Europeia (UE), informou este sábado que os documentos da vacina contra a covid-19 roubados e colocados na Internet por hackers foram também "manipulados". A manipulação aconteceu depois …

Há 11 anos que não se consumia tanta eletricidade num só dia. A culpa é do frio

O país está a bater recordes de energia, tanto em termos de pico como de consumo diário. A culpa é da vaga de frio que assolou Portugal neste Inverno. O consumo de eletricidade bateu, na quarta-feira, …