Peru pode ser o berço da civilização mais antiga da Terra

Tom D. Dillehay / Vanderbilt University

Os cientistas poderão ter subestimado o ritmo do desenvolvimento da civilização no Novo Mundo

Os cientistas poderão ter subestimado o ritmo do desenvolvimento da civilização no Novo Mundo

Um objecto encontrado no Peru prova a existência de pessoas, há 15 milhares de anos, perto das famosas pirâmides no vale do rio Chicama, e indicia um ritmo muito mais elevado de desenvolvimento da civilização no Novo Mundo do que se supunha.

“Conseguimos encontrar no sítio arqueológico de Huaca Prieta muitos artefactos, incluindo restos de comida, utensílios de pedra e outros vestígios da existência de uma cultura humana antiga, tais como cestos e tecidos decorados”, explica James Adovasio, arqueólogo da Universidade Atlântica, na Flórida, nos EUA.

“Todos estes achados colocam a questão de saber a que ritmo se desenvolveu a civilização na região, e obriga a uma reflexão acerca do nível da sua evolução e das tecnologias que lhe permitia extrair recursos do mar e da terra”, acrescenta Adovasio.

A descoberta foi apresentada num artigo publicado na Science Advances, revista da Associação Americana para o Avanço da Ciência.

Os primeiros seres humanos

Até agora, os cientistas acreditavam que o Novo Mundo tinha sido a última região da Terra a ser povoada. Os paleontólogos achavam, tomando em consideração os vestígios da presença de pessoas na América, que os antepassados dos índios chegaram à América há cerca de 17-15 milhares de anos atrás, migrando da Sibéria para as regiões leste dos EUA através do istmo que existia no local do actual estreito de Bering.

Adovasio e os colegas, no entanto, descobriram indícios de que a América do Sul, ou todo o Novo Mundo, poderá ter sido povoado muito mais cedo do que se pressupunha.

Os pesquisadores encontraram “montanhas de artefactos” na costa do oceano Pacífico, no lugar de Huaca Prieta, no vale de Chicama, onde foram construídas as pirâmides mais antigas do Peru e onde se encontram frequentemente vestígios de povoações de antepassados dos índios, que habitavam nesta parte do país há cerca de 5 a 8 milhares de anos atrás, explicam os cientistas.

Realizando escavações no lugar, a equipa de Adovasio descobriu muitos utensílios primitivos e cestos de cana, bem como grande quantidade de tecidos, pedaços de comida e outros vestígios da existência de uma civilização relativamente desenvolvida.

Enigmas antigos do Peru

Os pesquisadores verificaram a sua teoria medindo a percentagem de isótopos radioactivos da cana e do algodão de que eram feitos os cestos. Os resultados dos testes demonstraram que a idade dos artefactos era superior à que os cientistas esperavam encontrar. A maioria dos achados tinha mais de 8 mil anos e alguns até mais de 15 mil anos.

Uma idade tão antiga dos cestos e tecidos mostra que os cientistas poderão ter subestimado o ritmo do desenvolvimento da civilização no Novo Mundo.

“Tecidos e cestos tão sofisticados significam que em Huaca Prieta havia métodos comuns ou colectivos de produção, e que estes objectos eram fabricados por vezes sem ser para uso corrente. Tal como outros artefactos locais, provam que havia uma sociedade complexa e que seus membros queriam mostrar sua posição social“, explicou o cientista.

Mas está ainda por apurar a questão de como é que surgiu esta civilização. Segundo os autores do artigo, a sua descoberta não é uma prova final de que os antepassados dos peruanos tenham penetrado na América do Sul seguindo o caminho migratório do oceano Pacífico.

Futuras escavações em Huaca Prieta e em outras estações de seres humanos na América ajudarão a entender a verdadeira história de aparecimento dos índios, concluem os cientistas.

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Com o desaire no Dragão, Benfica tem os olhos postos na reconquista

O FC Porto saiu derrotado do jogo com o Braga e, no mesmo dia, o Benfica cumpriu o seu papel e venceu o Sporting no dérbi lisboeta. As águias encontram-se isoladas no topo da tabela …

"Fez a Amadora e uma parte de Luanda". Amigo de Salgado nega "qualquer perdão de dívida" do Montepio

O construtor civil José Guilherme, que está no centro das investigações ao Banco Montepio, assegura que não recebeu qualquer empréstimo sem garantias, nem "qualquer perdão da dívida", garantindo ainda que sempre cumpriu todas as suas …

Entre Rui Rio e Luís Montenegro, há quem vote no regresso de Passos Coelho

O presidente do PSD, Rui Rio, e o antigo líder parlamentar Luís Montenegro voltam hoje a disputar eleições directas, numa inédita segunda volta em que podem votar 40.604 militantes com as quotas em dia. Nos …

Vírus detetado na China pode já ter infetado mais de mil pessoas

O número de pessoas infetadas com um vírus que matou duas pessoas na China ultrapassa provavelmente o milhar de casos e é muito superior àquele avançado pelas autoridades locais, segundo investigadores britânicos. Num artigo publicado, esta …

Joacine Katar Moreira não vai renunciar ao cargo de deputada

O IX Congresso para eleger os novos órgãos do Livre começa, este sábado, em Lisboa. A única deputada do partido na Assembleia da República já disse que não vai renunciar ao cargo. À chegada ao IX …

Cabeceamentos no futebol podem ser proibidos ou limitados. O problema é o risco de demência

A Federação escocesa de futebol prepara-se para proibir os cabeceamentos nos escalões com menores de 12 anos.  Em Inglaterra, fala-se em limitar este gesto futebolístico que foi associado a doenças neuro-degenerativas em vários estudos científicos. …

Fenómeno cerebral desvenda enigma sobre as casas do Neolítico

O comportamento humano está influenciado por aspetos inconscientes. Um deles é um fenómeno da perceção conhecido entre psicólogos como a negligência espacial cerebral. Este fenómeno refere-se à observação de que as pessoas saudáveis preferem o seu …

Justiça do Mónaco investiga José Eduardo dos Santos e Isabel dos Santos

As autoridades do Mónaco estarão a investigar a empresária angolana, assim como o seu pai e o seu marido, pelo crime de branqueamento de capitais. De acordo com o semanário Expresso, as autoridades judiciais do Mónaco …

Depressão Glória atinge Portugal continental com vento forte

A depressão Glória está a caminho. Segundo o Instituto Português do Mar e Atmosfera, no domingo, esperam-se rajadas de vento que podem atingir os 110 quilómetros por hora nas terras altas. A depressão Glória vai passar …

Governo não renova PPP do Hospital de Loures

O Estado não vai renovar a atual parceria público-privada (PPP) do Hospital Beatriz Ângelo, em Loures, que é gerido pelo grupo Luz Saúde, anunciou a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo …