Perdeu o olfacto devido à covid? Saiba quando o deve recuperar

A perda de olfacto, também conhecida como anosmia, é um dos sintomas mais comuns da covid-19. Um novo estudo trouxe novas informações sobre quanto tempo a recuperação do sentido demora.

É um dos sintomas mais comuns da covid-19, mas o regresso do olfacto pode variar bastante depois de se recuperar da doença.

Num estudo recente, apresentado num artigo publicado a semana passada no Journal of American Medical Association (JAMA), foram analisados 97 pacientes covid que continuaram a sofrer de perda de olfacto severa sete dias depois de terem sido diagnosticados com a doença.

Destes 97 pacientes, 51 realizaram testes de olfacto tanto subjectivos como objectivos, ou seja, foram questionados sobre o que conseguiam cheirar e testados para confirmar essas respostas. A cada quatro meses, os mesmos 51 pacientes responderam a inquéritos sobre a perda total ou parcial do olfacto, também conhecida como anosmia.

No primeiro inquérito, 53% dos pacientes respondeu que apenas tinha recuperado o sentido em parte, enquanto 45% afirmaram que o olfacto já tinha voltado completamente ao normal. Para os 2% restantes, nada mudou.

Quatro meses mais tarde, o número de inquiridos totalmente recuperado era já de 96%, sendo que apenas dois pacientes continuaram a reportar um sintomas de anosmia um ano depois da infecção.

Cerca de 28% dos 46 pacientes que fizeram apenas os testes subjectivos reportaram uma “recuperação satisfatória” nos primeiros quatro meses. Os restantes apenas o fizeram depois de um ano.

“A anosmia persistente associada à covid-19 tem um excelente prognóstico com uma recuperação quase completa depois de um ano“, concluiram os investigadores. “Enquanto os clínicos gerem um número maior de pessoas com síndrome pós-covid, os dados nos efeitos a longo prazo são necessários para prognósticos informados e aconselhamento”, reforçam.

Um outro estudo, publicado em 2020 por uma equipa de investigadores do Departamento de Neurobiologia da Universidade de Harvard, concluiu que a covid-19 altera o sentido de olfacto não por afectar directamente os neurónios, mas sim as células que apoiam estes neurónios, conhecidas como células sustentaculares.

A regeneração destas células pode acontecer a partir de células-tronco, o que aumenta as probabilidades de recuperação. Apenas um pequeno número de doentes perde o sentido permanentemente.

Caso tenha sido infectado e ainda não tenha recuperado o olfacto na totalidade, deve procurar um otorrinolaringologista para dar início a uma treino olfactivo.

AP, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Oito mortes e 891 casos de covid-19. Internamentos e incidência continuam a descer

Portugal registou, esta terça-feira, 891 novos casos e oito mortes na sequência da infeção por covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde, Portugal …

A máscara de Marcos Rojo deixou uma criança a chorar

Imagem impressionante, na véspera de um jogo do Boca Juniors. Adaptando a ideia da publicação que será reproduzida mais abaixo, o futebol não é só uma bola a circular num relvado entre 22 jogadores. O futebol …

Erupção do vulcão nas Canárias pode durar até 84 dias

A erupção vulcânica de Cumbre Vieja, na ilha espanhola de La Palma pode durar entre 24 e 84 dias, com uma média geométrica de cerca de 55 dias, segundo cálculos do Instituto Vulcanológico das Ilhas …

PCP insiste que Governo vá “mais longe” e baixe o preço da energia

O PCP insistiu esta terça-feira que o Governo não se deve ficar pelo “não aumento” dos preços da energia, mas sim ir “mais longe”, intervindo para baixar estes valores, apontando que o executivo tem instrumentos …

Amnistia Internacional acusa farmacêuticas de recusar aumento da oferta de vacinas

Quando faltam 100 dias para o fim de 2021, a organização não governamental apela às farmacêuticas que forneçam dois mil milhões de vacinas a 82 países com rendimento baixos e médio-baixos, no sentido de se …

Lituânia avisa cidadãos para não comprarem telemóveis chineses devido à censura dos dispositivos

A tensão continua a aumentar entre a Lituânia e a China. O país europeu está agora a recomendar aos cidadãos que não comprem telemóveis chineses porque os dispositivos censuram alguns termos. O Ministério da Defesa da …

Talibã nomeiam enviado afegão para a ONU - e pedem para falar com líderes mundiais

Os talibã pediram para falar com os líderes na Assembleia Geral das Nações Unidas, a acontecer esta semana em Nova Iorque, e nomearam o seu porta-voz, Suhail Shaheen, a viver em Doha, como embaixador na …

"Erros" no currículo. Raquel Varela perdeu "apoio" para bolsa de 4 mil euros e leva caso a tribunal

A investigadora Raquel Varela está envolvida numa polémica depois de ter perdido o apoio do Instituto de História Contemporânea, no âmbito de um concurso a fundos públicos, devido a alegados "erros" no currículo. A notícia …

Nem com a maternidade o PS segura Coimbra. Sondagem dá vantagem ao PSD, numa corrida apertada

Na semana das autárquicas, uma sondagem aponta para que o PSD consiga roubar a Câmara de Coimbra ao PS, apesar da corrida estar apertada. A corrida autárquica em Coimbra tem sido uma das mais quentes da …

Após gestos obscenos, ministro da saúde brasileiro testa positivo à covid-19 em Nova Iorque

Governante brasileiro ficará em isolamento em Nova Iorque, enquanto a restante comitiva continua com as reuniões bilaterais. Perante a notícia divulgada pelo governo brasileiro, espera-se, agora, uma reação dos porta-vozes dos países cujos líderes se …