Perder um osso no nariz deu-nos a capacidade de saborear

O biólogo Rob Dunn e a antropóloga Monica Sanchez exploram como é que a perda de um osso no nariz nos deu a capacidade de saborear e, assim, mudar a nossa alimentação.

Sabor e aroma regem as nossas escolhas no que toca à alimentação. No livro “Delicious: The Evolution of Flavor and How It Made Us Human”, o biólogo Rob Dunn e a antropóloga Monica Sanchez contam-nos a história de como fomos conduzidos pelos nossos narizes ao longo da história evolutiva do nosso apetite.

Em 2009, o antropólogo Richard Wrangham argumentou que a libertação das calorias acumuladas nos alimentos crus ao cozinhá-los levou a uma explosão cognitiva nos Homo sapiens há cerca de 1,9 milhões de anos.

Dunn e Sanchez salientam que o livro de Wrangham tinha uma ou outra especulação: não há, afinal, nenhuma evidência clara de que o fogo tenha feito isso tão atrás no tempo. Ainda assim, inclinam-se muito para a hipótese de Wrangham.

Não há, também, evidências seguras de que os hominídeos fermentavam alimentos. Na realidade, realça o New Scientist, é difícil imaginar como é que seria possível obter essas evidências. Ainda assim, os dois cientistas acreditam que Wrangham possa estar correto.

“Fermentar um mastodonte, mamute ou um cavalo de modo a que permaneça comestível e não seja fatal parece ser menos desafiante do que fazer fogo“, escrevem os autores do livro.

Como primatas, a nossa experiência de cheiro e sabor é incomum, pois sentimos aromas retronasais – os cheiros que sobem da nossa boca para a parte de trás do nosso nariz. Isto porque perdemos um osso, chamado lâmina transversal, que ajuda a separar a boca do nariz.

A perda deste osso fez com que o ser humano sentisse sabores e aromas tão complexos que temos de associá-los a memórias para categorizá-los individualmente.

Daniel Costa Daniel Costa, ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Possivelmente com outra vantagem adicional, a de não sermos perseguidos como os rinocerontes por causa do osso!

RESPONDER

Governo quer renovar contrato do SIRESP por seis meses (mas Altice recusa-se)

O Ministério da Administração Interna vai reunir-se esta terça-feira com a Altice, a quem iria propor uma renegociação e renovação por mais seis meses do contrato que assegura o Sistema Integrado das Redes de Emergência …

Pedro Nuno quer tirar carros das estradas (e que viagens de avião com menos de 600 quilómetros desapareçam)

Esta segunda-feira, foi lançado o Plano Ferroviário Nacional (PFN) numa sessão pública organizada no LNEC-Laboratório Nacional de Engenharia Civil, que deverá estar concluído em março de 2022. Na apresentação, o ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, …

Estas formigas encolhem o cérebro para se tornarem rainhas

Cientistas descobriram que as formigas saltadoras indianas reduzem o tamanho do seu cérebro para terem a oportunidade de se tornarem rainhas (e que são capazes de reverter esta mudança quando é preciso). Há muito que …

O "fantasma" de Sócrates pairou no aniversário do PS, mas ninguém o mencionou

O secretário-geral do PS, António Costa, homenageou esta segunda-feira, dia do 48.º aniversário do partido, os primeiros 115 autarcas socialistas eleitos em 1976 e afirmou que os militantes do partido são mais importantes do que …

"Sem paralelo em qualquer outra experiência externa". Marcelo elogia reuniões no Infarmed

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, considera que as reuniões do Infarmed, que juntam especialistas, líderes políticos e parceiros sociais, são realizadas “num quadro político e institucional sem paralelo em qualquer outra experiência …

Fotografia da NASA demonstra Teoria da Relatividade Geral de Einstein

O aglomerado Abell 2813 tem tanta massa que atua como uma lente gravitacional, fazendo com que a luz de galáxias distantes se curve à sua volta. A lente gravitacional acontece quando a massa de um objeto …

Astrónomos descobrem uma super-Terra perto de uma estrela gelada

Uma equipa de investigadores descobriu uma super-Terra a orbitar GJ 740, uma estrela anã fria localizada a cerca de 36 anos-luz do nosso planeta. Nos últimos anos, os cientistas têm levado a cabo uma busca exaustiva …

Já pode "adotar" um pedaço de Notre-Dame para ajudar na sua reconstrução

Uma organização está a dar a oportunidade de o público ajudar na reconstrução de artefactos específicos da catedral de Notre-Dame, em França, que foi parcialmente destruída por um incêndio em 2019. De acordo com a cadeia …

Proporção divina identificada na gerbera

Descobrir como se formam os padrões distintos e omnipresentes das cabeças das flores tem intrigado os cientistas há séculos. Quando se pede a alguém que desenhe um girassol, quase todas as pessoas desenham um grande círculo …

Audi apresenta o novo Q4 e-tron que traz uma autonomia até 520 km

Ainda antes do verão, a Audi vai colocar no mercado o seu primeiro SUV elétrico concebido de raiz e não adaptado a partir de uma plataforma concebida para motores a combustão. O Q4 e-tron destaca-se pela …