Pedro Leitão nomeado presidente da Comissão Executiva do Montepio

O Conselho de Administração do Montepio aprovou hoje a nomeação de Pedro Leitão para a presidência da Comissão Executiva no mandato 2018/2021, foi hoje comunicado ao mercado.

“A Caixa Económica Montepio Geral, caixa económica bancária, S.A. (Banco Montepio) informa que, em reunião do Conselho de Administração realizada em 9 de janeiro de 2020, foi aprovada a nomeação de Pedro Manuel Moreira Leitão como presidente da Comissão Executiva para o mandato 2018/2021″, lê-se no comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

A reunião do Conselho de Administração para nomeação do novo presidente executivo deveria ter acontecido no dia 7, mas foi adiada devido à morte do familiar de um administrador, e remarcada para ontem.

Pedro Leitão assume a presidência executiva do Montepio quando passam quase dois anos desde a saída de Félix Morgado (março de 2018), um período marcado por instabilidade governativa no banco.

Inicialmente, após a saída de Félix Morgado, Carlos Tavares acumulou o cargo de presidente não executivo (chairman) com a presidência executiva, mas o Banco de Portugal viria a proibir a acumulação de funções e, em fevereiro de 2019, Dulce Mota assumiu a presidência executiva interinamente.

Desde então, ainda não tinha sido decidida definitivamente a presidência executiva e surgiram várias notícias sobre tensão no banco devido à indefinição estratégica.

No início de dezembro, a assembleia-geral do banco aprovou o gestor Pedro Leitão como presidente executivo, numa reunião presidida por Tomás Correia, que então ainda era presidente da Associação Mutualista Montepio Geral (o acionista de controlo do banco).

Já em 15 de dezembro, Tomás Correia deixou esse cargo (no qual estava desde 2008), o qual foi assumido por Virgílio Lima.

As mudanças de liderança poderão significar o início de uma nova época para o grupo Montepio, que está numa fase de indefinição sobre o seu futuro, desde logo por dúvidas sobre a saúde das suas finanças.

Pedro Leitão, segundo o currículo divulgado pelo Montepio, já trabalhou em banca de retalho e na consultora Deloitte, foi administrador executivo do Banco Millennium Atlântico Luanda, em Angola, e nos últimos anos administrador executivo com o pelouro digital no Banco Millennium Atlântico Europa, em Lisboa.

No início de janeiro, Carlos Tavares enviou uma carta aos trabalhadores do banco em que falava do “ano difícil e desafiante” que o banco viveu em 2019 e das mudanças que traria 2020, que disse esperar ser um “ano de viragem”.

Sobre Pedro Leitão, considerou que “as suas qualidades pessoais e profissionais e o seu espírito de missão são motivos que animam e dão confiança neste novo ciclo”.

O grupo Montepio tem no topo a Associação Mutualista Montepio Geral, com mais de 600 mil associados, que tem como principal empresa subsidiária o banco Montepio, que desenvolve o negócio bancário.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Não tenho o apoio de Assunção Cristas", diz João Almeida

O candidato à liderança do CDS-PP defende que o partido deve, no imediato, fortalecer-se e depois participar numa "plataforma à direita" de alternativa ao PS, com o PSD, mas sem o Chega. "A alternativa à governação …

Campanha internacional quer salvar leões subnutridos em parque no Sudão

Várias fotografias de leões subnutridos no zoo de Al-Qureshi, no Sudão, atraíram a atenção de milhares de pessoas, que tentam agora salvar os animais. O fotógrafo Ashraf Shazly encontrou cinco leões malnutridos, enjaulados e sem …

Joacine Katar Moreira defende mais direitos para deputados não inscritos em partidos

A deputada única do Livre, Joacine Katar Moreira, defendeu nesta sexta-feira o alargamento dos direitos regimentais dos deputados não inscritos em partidos, durante uma reunião do grupo de trabalho para racionalizar os votos objecto de …

Nova universidade internacional de Soros pretende combater populismo e alterações climáticas

O filantropo multimilionário George Soros vai investir mil milhões de dólares (cerca de 904 milhões de euros) numa universidade internacional que terá como foco a oposição a governos autoritários e às alterações climáticas. Segundo avançou o …

"O índio está evoluindo e cada vez mais é um ser humano igual a nós", diz Bolsonaro

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, disse, durante um vídeo em direto em que comentava a criação do Conselho da Amazónia, que "o índio está evoluindo e cada vez mais é um ser humano igual …

Jorge Brito Pereira deixa de ser advogado de Isabel dos Santos

O advogado anunciou, esta sexta-feira, que saiu da sociedade de advogados Uría Menéndez Proença de Carvalho, suspendeu a atividade profissional e, como consequência, vai cessar "o patrocínio jurídico" à empresária angolana. "Face às informações publicadas nos …

621 milhões de euros. Ministra reconhece que redução do défice no SNS ficou aquém

A ministra da Saúde reconheceu, esta sexta-feira, que a redução do défice do SNS em 2019 para 621 milhões ficou aquém do que estava previsto, sublinhando o aumento dos custos com pessoal. A ministra da Saúde, …

Governo prevê descontos nas portagens no interior

A ministra da Coesão Territorial disse esta sexta-feira que o novo modelo de desconto das portagens para o interior do país prevê descontos para quem vive, para quem trabalha e para quem visita no …

Excesso de higiene está a tornar a nossa saúde mais frágil, aponta estudo

Um grupo de investigação do Instituto Gulbenkian de Ciência (IGC) divulgou recentemente um estudo sobre a perda de diversidade da flora intestinal - também denominada como microbiota - e as consequências desta diminuição na nossa …

Tiroteio na Alemanha faz pelo menos seis mortos e vários feridos

Pelo menos seis pessoas morreram e várias ficaram feridas num tiroteio, esta sexta-feira, na cidade alemã de Rot am See. Um tiroteio, cujo presumível autor foi detido, fez hoje seis mortos e dois feridos graves em …