Dirigente do PAN investigada por ligação a grupo “terrorista” de defesa dos animais

As ligações do PAN ao grupo Intervenção e Resgate Animal (IRA), que está a ser investigado por crimes de terrorismo e assalto à mão armada, estão também debaixo de olho das autoridades, em especial o papel da Chefe de Gabinete do partido, Cristina Rodrigues.

Cristina Rodrigues, membro da comissão política e Chefe de Gabinete do PAN, é suspeita de pertencer ao grupo de defesa dos animais, que colocará em marcha acções violentas, com ameaças de morte e uso de armas.

Uma reportagem da TVI avança que o Intervenção e Resgate Animal (IRA) actua com elementos encapuçados, sob o pretexto de resgatar animais maltratados, roubando-os, perseguindo os donos com armas e ameaçando quem lhes faz frente.

O IRA estará a ser investigado pela Unidade de Contraterrorismo da Polícia Judiciária e pelo Ministério Público, havendo suspeitas de ligações do grupo ao PAN.

As autoridades suspeitam que Cristina Rodrigues é uma das encapuçadas do grupo que surge num vídeo a dizer que “era excelente que as entidades competentes dessem o exemplo” e “só no caso de tudo isto falhar é que o IRA entra”.

Na reportagem da TVI, Cristina Rodrigues não nega que faça parte do IRA, recusando-se a falar do assunto. “Enquanto advogada estou sujeita a sigilo profissional e não poderei revelar nada que possa comprometer esse sigilo”, referiu.

A dirigente do PAN, que foi candidata do partido à Câmara Municipal de Sintra, assume que trata de questões judiciais em nome do IRA, nomeadamente assinando procurações no âmbito das denúncias feitas contra algumas das alegadas vítimas do grupo.

“Ajudo pro bono algumas associações, sendo esta associação uma delas”, assumiu Cristina Rodrigues na reportagem, notando que “as queixas são feitas em nome do IRA” ou com uma “procuração assinada em [seu] nome”.

A TVI apurou ainda que foi Cristina Rodrigues quem tratou da ida do IRA à Assembleia da República para um encontro com o deputado do PAN, André Silva.

cv (YouTube)

Cristina Rodrigues, PAN

A reportagem do canal deixa antever que o próprio André Silva estaria a par das acções violentas do grupo, mas este nega que assim seja. Todavia, a dado momento, o deputado faz, de certa forma, a defesa do IRA, realçando que “não recebem qualquer tipo de dinheiro”, nem “nunca pedem qualquer tipo de dinheiro”.

André Silva assegura, contudo que o PAN não tem “qualquer tipo de relação” com o IRA.

Numa reacção à reportagem da TVI, o IRA publicou no seu perfil do Facebook uma nota onde refere que a peça “foi construída por amadores, crianças”, e que “visa denegrir a imagem e o trabalho de todas as entidades envolvidas”.

“Agora os homens e mulheres que juraram defender os direitos dos animais e a Constituição da República irão desconstruir esta cabala, peça por peça”, promete ainda o grupo.

Noutra publicação no Facebook, os elementos do IRA apontam que não tendo “filiação política”, depois da reportagem vão passar a apoiar e a partilhar as “intervenções do PAN”.

“Este claro ataque ao PAN, utilizando-nos e denegrindo-nos para posteriormente nos tentarem arremessar com contornos políticos gravíssimos, certamente se deverá aos feitos contra a Tauromaquia recentes”, afirmam também.

Esta referência tem por base a discussão política em torno da descida do IVA para as touradas.

Susana Valente SV, ZAP //

PARTILHAR

13 COMENTÁRIOS

  1. O que precisam investigar é a quantidade de dirigentes do partido do PAN que se tornaram funcionários do mesmo. E como as subvenções que vão para o partido tem sido utilizadas para viagens de férias e lazer fingindo que são viagens em trabalho político. Problema do PAN não são as touradas mas o aproveitamento pessoal pela luta política.

  2. Já era tempo dos grupos de defesa dos animais não serem sempre uns mansos a resolver tudo com lamechices e depois serem eles a levar com ameaças e com argas de porrada. Assim ao menos tanto os defensores como os abusadores dos animais, falam a mesma linguagem. Haja alguém que não tenha medo de molhar a sopa nos humanos, em defesa das vítimas do costume (todas as outras espécies).

  3. Isto são apenas vândalos, nada mais, nada menos, e vândalos em grupo com uma causa são terroristas!
    Usam de força física, destruição e intimidação, para forçar um comportamento… Igual os vegans com ataque a talhos…Todos ativistas de bem-estar animal….
    Enfim, evoluímos para uma raça autodestrutiva e completamente tola.

  4. Os verdadeiros animais são os do IRA, porém esses é que devem estar abaixo de cão. Incontinência Raivosa dos Animais, é mais isso. Atrasados…

  5. Perdoai – os Senhor pois eles não sabem o que dizem…
    Poderiam, antes de falar, informarem – se em vez de aceitar como verdade tudo o que vêem..
    Passem na pagina do IRA e leiam tudo com atenção.
    Tinha em conta a Ana Leal como uma grande jornalista mas desapontou – me desta vez pelo péssimo trabalho que coordenou…

  6. Começo a defender os direitos dos animais quando começarem a defender os meus. Donos de cães (e animais de companhia em geral) são os mais narcisistas e pouco cívicos que conheço, na larga maioria. Polícia não resolve nada, por vários motivos.
    Enquanto não fizerem valer os meus direitos, em particular o direito ao sossego, limpeza do espaço público e respeito básico pelas minhas próprias opções, não só não dou um cêntimo para uma causa animal como me oponho afincadamente a qualquer acção ou lei que vise o aumento de direitos animais, canalização de fundos para os mesmos ou a subida a qualquer cargo de poder de pessoas que tenham tais intenções no programa. E incito todos ao mesmo.

  7. O ira/ pan, pelo que se vê e lê é só bondade, carinho e amizade pelos animaisinhos, para mim só existe uma dúvida.
    Para que são as máscaras?, Será para que os humanos não tomem conhecimento de tanta bondade?

RESPONDER

Grande Crise do Ketchup. A pandemia atacou um mercado improvável (e já há um mercado negro para o molho)

Os problemas da cadeia de suprimentos estão a chegar a um canto distante do universo empresarial: os pacotes de ketchup. O ketchup é o molho de mesa mais consumido nos restaurantes dos Estados Unidos, com cerca …

Autoridades brasileiras ilibam João Loureiro

João Loureiro já não é suspeito no processo que envolve a apreensão de um avião com 500 quilos de cocaína, segundo as autoridades brasileiras. As autoridades brasileiras descartaram, este sábado, qualquer ligação do advogado português João …

No Canadá, há dois rios que se encontram (mas não se misturam)

Em Nunavut, no Canadá, há dois rios que se encontram, mas não perdem a sua aparência individual enquanto se movem sinuosamente pela tundra. O Back River flui para o norte em direção ao Oceano Ártico. Ao …

Russos acusados de explosão na República Checa são suspeitos de envenenar Skripal

Os dois suspeitos russos, envolvidos na explosão que matou duas pessoas em 2014 na República Checa, têm os mesmos passaportes que os dois homens acusados de envenenar, com o agente nervoso novichok, o espião Sergei …

Numa cidade na Nova Zelândia, a Páscoa resume-se a exterminar coelhos

Em Alexandra, na região de Otago, os coelhos são considerados pragas, uma espécie que ameaça a biodiversidade do país e a agricultura. Elle Hunt, correspondente do The Guardian em Auckland, na Nova Zelândia, escreveu um artigo …

Reavaliação de barragens da EDP ficou por fazer, depois de Governo ter recuado na decisão

No início do ano passado, o ministério do Ambiente considerou ser necessário reavaliar as barragens da EDP, mas a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) e a Parpública disseram não ter competências para fazer a avaliação …

Portugal bateu recorde de vacinação no sábado. Foram administradas 120 mil vacinas

Este sábado, Portugal registou um recorde diário de pessoas vacinadas contra a covid-19. No total, foram administradas 120 mil doses da vacina. De acordo com os números avançados pela task force responsável pelo plano de vacinação, …

Os milionários estão a fugir de Nova Iorque

A cidade de Nova Iorque está a preparar-se para enfrentar para um êxodo dos seus residentes mais ricos após as autoridades terem aprovado um orçamento que fará com que paguem a maior taxa de impostos …

Costa recusa responder a Sócrates. Carlos César reafirma "tristeza" e "raiva"

O primeiro-ministro António Costa recusou responder às críticas feitas por José Sócrates. Carlos César, presidente do PS, reafirma o que disse em 2018. Este sábado, António Costa recusou responder às críticas feitas por José Sócrates e …

Cientistas sugerem que os gorilas não batem no peito apenas para se exibir

Os cientistas sugerem que o ato de bater no peito permite aos gorilas machos sinalizar o seu tamanho e assim evitar brigas desnecessárias. De acordo com o jornal The Guardian, cientistas que estudam gorilas-das-montanhas (Gorilla beringei …