Paciente herda pulmão do doador (e alergia a amendoim)

Uma mulher de 68 anos, que comia amendoim sem se preocupar com alergias, teve uma reação alérgica severa depois de ter comido uma sandes com manteiga de amendoim. Segundo a investigação, a mulher não era alérgica, mas o doador que lhe forneceu um pulmão, sim.

Mazen Odish, da Universidade da Califórnia e autor do estudo publicado no Transplantation Proceedings, refere que é muito raro os recetores adquirirem uma alergia alimentar de um órgão doador. Aliás, até hoje, houve apenas quatro ou cinco relatos de casos nos quais os recetores de órgãos adquiriram alergia a amendoim com anafilaxia, após um transplante de pulmão.

Segundo o Live Science, a mulher em causa necessitou de um transplante do pulmão para tratar o seu enfisema, uma condição na qual os sacos aéreos dos pulmões ficam danificados, dificultando a respiração. A paciente acabou por receber um novo pulmão esquerdo de um doador de 22 anos.

Após a intervenção cirúrgica, a recuperação estava num bom caminho, até que, um dia antes de receber alta, a paciente sentiu um aperto muito forte no peito e dificuldades a respirar. Os médicos não sabiam por que motivo a paciente estava a ter sintomas de insuficiência respiratória e os testes realizados no momento não revelaram nenhuma explicação plausível.

O mistério dissipou-se assim que a mulher confessou que os sintomas começaram imediatamente após ser comido uma sandes com manteiga de amendoim. Os médicos suspeitaram de uma alergia alimentar, mesmo que a paciente não apresentasse outros sintomas comuns de alergia, como erupção cutânea ou dor no estômago.

Como a paciente nunca teve reações alérgicas derivadas da ingestão de amendoim, os médicos contactaram a agência de transplantes que acabou por confirmar que o doador tinha alergia a amendoim. Assim, além do pulmão, a mulher recebeu também a alergia do doador, contou Odish.

Apesar de ser muito raro, é possível que as alergias alimentares sejam transferidas de doadores de órgãos para recetores de transplantes. Ainda assim, nem todo o recetor que recebe um órgão de um doador com alergia alimentar adquire sensibilidade. Estudos anteriores sugeriram, inclusivamente, que as crianças que recebem transplantes de fígado podem ter maior probabilidade de desenvolver alergias alimentares.

Outros estudos mostraram que as alergias alimentares adquiridas em transplantes ocorrem com maior frequência quando os recetores de órgãos são medicados com tacrolimus, um imunossupressor usado para reduzir o risco de rejeição de órgãos após um transplante.

Ainda assim, não está claro se as alergias alimentares adquiridas em transplantes continuam a ser uma preocupação vitalícia para os pacientes, dado que é possível que a alergia possa diminuir em alguns indivíduos.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Alimentos para bebés têm excesso de açúcar, alerta a OMS

A Organização Mundial de Saúde (OMS) detetou em quatro cidades da Europa que pelo menos um em cada três alimentos infantis tem níveis de açúcar excessivos e são comercializados de forma incorreta como adequados para …

Estilo de vida saudável pode compensar risco genético de Alzheimer

Novas pesquisas sugerem que um estilo de vida saudável pode reduzir em um terço o risco de doença de Alzheimer ou outras formas de demência, mesmo existindo genes que aumentem o risco destas doenças. Investigadores britânicos …

Lançada Barbie em homenagem a David Bowie

A Matel acaba de lançar uma Barbie em homenagem ao músico britânico David Bowie, que faleceu em 2016, noticia esta semana a Associated Press. De acordo com a agência noticiosa, a nova da Barbie visa celebrar …

Netflix retrata a trágica história de Nicolau II, o último czar da Rússia

A Netflix acaba de lançar The Last Czars, uma série documental sobre a história de Nicolau II e a sua família, que acabou por ditar o fim da dinastia de 300 anos dos Romanov e …

Português desce e Matemática volta à positiva nos exames do 9.º ano

As médias dos alunos do 9.º ano nos exames desceram este ano a Português e subiram a Matemática, voltando a uma média positiva, mas com uma taxa de reprovação ainda a rondar os 30%. Os exames …

A famosa "Pirâmide Curvada" do faraó Senefuru foi aberta ao público pela primeira vez em mais de 50 anos

No Egito, foi aberta ao turismo, pela primeira vez desde 1965, a famosa "Pirâmide Curvada", construída por ordem do faraó Senefuru há 4.600 anos. Localizada em Dahshur, a 40 quilómetros a sul do Cairo, a pirâmide, …

Príncipe Carlos diz que temos 18 meses para salvar a humanidade

O príncipe Carlos admite que os próximos 18 meses serão cruciais para a sobrevivência dos seres humanos. Durante este tempo, os líderes mundiais terão de controlar as mudanças climáticas para evitar uma catástrofe irreversível. "Senhoras e …

Novo filme da saga Bond tem Agente 007 feminina

De acordo com jornais ingleses, o filme Bond 25 não terá um novo James Bond, mas sim uma nova Agente 007. No filme, que será uma homenagem ao legado de Roger Moore e de todos …

Manchester United não dá mais do que 33,5 milhões por Bruno Fernandes

O Manchester United só está disposto a pagar 33,5 milhões de euros pelo médio do Sporting Bruno Fernandes, escreve o jornal Mirror esta segunda-feira. De acordo com o diário britânico, a contratação de Harry Maguire …

Caso de ébola detetado em cidade com mais de dois milhões de habitantes

As autoridades de saúde detetaram o primeiro caso de ébola na cidade de Goma, na República Democrática do Congo, onde vivem mais de dois milhões de pessoas, confirmou no domingo o ministro da Saúde congolês. De …