Oslo é a primeira capital do mundo a proibir (totalmente) a circulação de automóveis

A câmara municipal de Oslo, capital da Noruega, já o anunciou, e não pretende voltar atrás: a cidade vai proibir a circulação de automóveis em todas as suas ruas.

A medida só vai entrar em vigor em 2019, mas já começou a causar preocupação aos proprietários de automóveis que vivem na capital norueguesa – e que não são pouco.

Segundo dados do governo norueguês, há na cidade cerca de 350 mil pessoas com automóveis.

Aparentemente, é melhor que comecem a habituar-se a usar outros meios de transporte.

A autarquia não pretende, naturalmente, levantar problemas aos moradores, e o governo prometeu investir na rede de transportes públicos, garantindo que vai construir mais de 56 mil quilómetros de ciclovias.

A medida garante a Oslo o título de primeira capital do mundo a proibir os automóveis de circular nas suas ruas e coloca a cidade no topo do ranking dos municípios mais sustentáveis do planeta.

A poluição do ar e o barulho vão seguramente diminuir de forma dramática, o trânsito vai melhorar incrivelmente, andar na rua a pé ou de bicicleta será mais seguro e, como consequência, os habitantes da cidade vão ganhar qualidade de vida.

Então já sabe, a partir de 2019 vai valer a pena uma visita a Oslo para conhecer de perto a cidade com menos poluição do mundo. Lembre-se apenas de deixar o carro na garagem.

ZAP / The Greenest Post

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. É complicado implementar estas medidas, mas é urgente aplicar medidas mesmo que sejam anti-populares, a bem da Humanidade…

  2. Infelizmente há orçamentos de estados tão fortemente baseados em impostos sobre combustíveis, que não têm interesse (ou no mínimo têm muito medo) em diminuir tão drasticamente o seu consumo. E quem fala de combustíveis, fala de tabaco e outros produtos onde a percentagem de impostos e a maior fatia do preço.
    Mas devia ser mais importante salvar o planeta. No medio/longo prazo é certamente. Falta saber se se pensa a médio/prazo, ou só se tem visão curta.

  3. A ironia é que o dinheiro para tudo isto vem, na maior parte, do petróleo… a Noruega arma-se em “verde” mas vive da exploração dos recursos que tem – petróleo e gás natural. E sem os vender ao resto do mundo, que os queima alegremente, queria ver o que acontecia ao paraíso norueguês.

  4. Certamente que os noruegueses vão esperar que primeiro se apliquem as alternativas e só depois entrem em acção as proibições ao contrário do que se faz por cá, primeiro proibisse e só depois é que se encontram as alternativas e nem sempre.

  5. Para um país que só vive do petróleo e da exportação do bacalhau para portugal não está mal. Se todos fizerem o mesmo teremos a noruega a viver da salga do peixe e do turismo do nobel.
    É como termos os traficantes de droga muito preocupados com abolir a mesma dentro do lar.

    Vamos ver como corre a experiência.

Cientistas investigam estranho gelo cor-de-rosa num glaciar dos Alpes italianos

Uma equipa de cientistas anunciou esta segunda-feira estar a tentar averiguar a origem de gelo cor-de-rosa num glaciar nos Alpes italianos. O fenómeno deverá ser provocada por algas que aceleram os efeitos das mudanças climáticas. A origem …

Especialistas de 32 países alertam OMS: covid-19 também se transmite pelo ar

Numa carta aberta à Organização Mundial de Saúde, 239 cientistas pedem que a organização reveja as recomendações que tem emitido, alertando para o facto de a covid-19 poder transmitir-se pelo ar. Numa carta dirigida à Organização …

Moreirense 0-0 Sporting | Nulo em jogo de pólvora seca

A 30ª jornada fechou no Minho com um nulo entre Moreirense e Sporting, que continua sem derrotas sob o comando de Rúben Amorim. A formação leonina poderia muito bem ter vencido em Moreira de Cónegos, pois …

Armazém flutuante. A China está a guardar petróleo no mar (e já se sabe porquê)

A China está a guardar uma quantidade épica de petróleo no mar. De acordo com a CNN, o país comprou tanto petróleo estrangeiro a preços baratos que formou um congestionamento maciço de navios-tanque no mar, …

Peregrinos em Meca proibidos de tocar ou beijar a Caaba por causa da covid-19

Os muçulmanos que vão participar na peregrinação a Meca não poderão tocar ou beijar a Caaba nem a "pedra negra", presentes na Grande Mesquita, local considerado como um dos mais sagrados pelo Islão, informaram as …

Países Baixos continuam a abater milhares de martas. 20 quintas afetadas pela pandemia

Esta segunda-feira, as autoridades holandesas abateram milhares de martas em mais duas fazendas onde foram detetados surtos de covid-19. Esta segunda-feira, as autoridades abateram milhares de martas em mais duas fazendas, sendo agora 20 as quintas …

Cientistas criam robô para fazer testes à covid-19 (e proteger os profissionais de saúde)

O Korea Institute of Machinery & Materials (KIMM) desenvolveu um novo robô de coleta remota de amostras que elimina o contacto direto entre os profissionais de saúde e os pacientes, potencialmente infetados com o novo …

"Não use desodorizante". A peculiar estratégia de Berlim para promover o uso de máscaras nos transportes públicos

"Não use desodorizante". Esta é a peculiar campanha adotada pela empresa que controla os transportes públicos em Berlim, na Alemanha, para promover o uso correto de máscaras, evitando assim novos casos de covid-19.  Tal como escreve …

Vírus pode ter estado adormecido antes de surgir na China, diz investigador de Oxford

O novo coronavírus pode ter estado adormecido algures no mundo antes de ter surgido na China, defendeu o investigador da Universidade de Oxford, Tom Jefferson, apontando para várias descobertas de amostras do vírus em Espanha, …

Federer sente falta de Wimbledon. "Deu-me tudo"

Roger Federer admitiu sentir a falta de Wimbledon, o torneio do "Grand Slam" que, se não tivesse sido cancelado devido à pandemia de covid-19, estaria a decorrer em Londres. O tenista suíço Roger Federer admitiu, esta …