É oficial. EUA mataram Abu Bakr al-Baghdadi, líder do Estado Islâmico

(cv) The Telegraph

Donald Trump acaba de confirmar a morte de Abu Bakr al-Baghdadi. O líder do Daesh fez-se explodir num túnel enquanto fugia dos militares norte-americanos.

Abu Bakr al-Baghdadi, líder do Estado Islâmico, de 48 anos, foi morto numa operação militar dos Estados Unidos no nordeste da Síria, anunciou este domingo Donald Trump, Presidente dos Estados Unidos.

Na declaração, Trump afirmou que não houve vítimas entre as forças americanas. “Os EUA fizeram justiça e capturaram o terrorista mais perigoso do mundo“, disse o governante, citado pelo Diário de Notícias, considerando que a captura de Baghdadi era uma prioridade da sua administração.

A informação já tinha sido avançada este domingo por vários meios de comunicação norte-americanos, incluindo o The New York Times, Fox News, CNN, The Washington Post, que citavam várias fontes diferentes ligadas à cúpula do exercito norte-americano.

O líder do Estado Islâmico terá sido morto num ataque cirúrgico das forças norte-americanas. A CNN informa que a confirmação final da morte está dependente apenas da chegada dos resultados de ADN e outras provas biométricas que os militares realizaram no terreno.

O The New York Times avança que o ataque ocorreu na província de Idlib, a cerca de 160 quilómetros da fronteira com o Iraque, zona onde Baghdadi estaria escondido há vários meses.

“Os EUA fizeram justiça e capturaram o terrorista mais perigoso do mundo”, afirmou Donald Trump. Segundo o Diário de Notícias, quando foi encontrado pelas tropas norte-americanas, o líder do Estado Islâmico fugiu com três dos seus filhos pequenos, e quando se viu encurralado num túnel sem saída, ativou o colete de explosivos, causando não só a sua morte como também das crianças.

“A última noite foi uma noite importante para os Estados Unidos e para o mundo. Um assassino implacável foi eliminado e não irá fazer mais vítimas. Morreu como um cão“, afirmou. “Não morreu como um herói, morreu como um cobarde”, disse Trump, sublinhando que Baghdadi morreu “a gemer, a gritar e a chorar”.

Entretanto, o general Mazloum Kobani, responsável máximo das Syrian Democratic Forces (SDF) também já se pronunciou sobre o assunto. Segundo o Observador, através da sua conta de Twitter, este domingo, Kobani celebrou uma operação “bem sucedida e histórica” que juntou essa força militar com a dos Estados Unidos.

A operação ocorreu num momento de intensa atividade militar no norte da Síria. O regime sírio e o aliado russo aceleraram o envio de tropas para a fronteira sírio-turca, enquanto os norte-americanos anunciaram o reforço militar numa zona de petróleo mais a leste.

Esta foi uma das mais importantes operações militares a visar um líder extremista desde a morte a 02 de maio de 2011 de Osama Bin Laden, líder da Al-Qaeda, às mãos das forças especiais norte-americanas, no Paquistão.

Abu Bakr al-Baghdadi é um dos homens mais procurados do mundo. Em outubro de 2011, os Estados Unidos designaram-no oficialmente como “terrorista” e ofereceram uma recompensa de 10 milhões de dólares, cerca de 9 milhões de euros, por informações que pudessem levar à sua captura.

Em 2010, al-Baghdadi emergiu como líder da Al-Qaeda no Iraque, um dos grupos que se fundiram com o Estado Islâmico, e ganhou destaque durante a tentativa de fusão com a Frente al-Nusra, na Síria.

Segundo o DN, e de acordo com vários relatos, Baghdadi é um estratega bastante organizado. Em abril deste ano, o Estado Islâmico divulgou um vídeo de um homem dizendo ser Baghdadi, confirmando que ainda estava à frente do Estado Islâmico e que os ataque iriam continuar.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

    • Nunca ouviu que “Pode-se matar um homem, mas nunca uma ideia”………Infelizmente!…… outros tarados estão prontos para dar continuidade a estas aberrações !

      • Tem a certeza absoluta que ele morreu. Basta procurar na c.s e ele já morreu em 2014, 2015, 2017 e 2018. Em 219 novamente. Outros tantos funerais. O tipo tem mais vidas que os gatos que eu conheço. E a primeira mentira de trumpas? A análise ao seu adn foi feita em 15 min.!!!!!!!! Impossível. Nenhuma análise do género publicamente e cientificamente pode ser feita em tão curto espaço de tempo. Há mais mentiras, basta procurá-las.

  1. A frase ” morreu como um cão ” é que não me parece muito correcta pois não conheço nenhum animal cão ou não, capaz das atrocidades desse ser!….
    Ele morreu como qualquer humano deveria morrer quando se faz tanto mal!
    Essa coisa, até os filhos matou por isso coração era algo que ele não teria!
    Não se perdeu nada!

    • Totalmente de acordo, é uma expressão no mínimo estúpida, mas pronto, quem a disse tambem não prima propriamente pela inteligência, refiro-me ao Trump.
      Quanto ao terrorista, é de lamentar que as crianças inocentes tenham morrido à conta do fanatismo doentio e ao ódio incontrolável do pai.

Polacos protestam contra acórdão que torna o aborto quase impossível

Milhares de polacos têm-se manifestado, nos últimos dias, contra a proibição quase total do aborto, quando as leis do país estavam já entre as mais restritivas da União Europeia. Na última quinta-feira, o Tribunal Constitucional polaco …

Japão promete "uma sociedade neutra em termos de carbono" até 2050

O Japão quer alcançar a neutralidade de carbono até 2050, disse hoje o primeiro-ministro japonês Yoshihide Suga, um caminho que se afigura complicado, devido à dependência do país do carvão. Numa altura em que cada vez …

"Nada nos vai fazer recuar". Macron desperta a raiva do mundo muçulmano (e enfurece Erdogan)

Emmanuel Macron, presidente de França, assumiu posições muito claras na defesa da liberdade de exibir as caricaturas de Maomé, no âmbito da homenagem ao professor decapitado na semana passada, suscitando protestos em vários países muçulmanos. "Nada …

Merkel avisa Alemanha que os próximos meses vão ser “muito difíceis”

A chanceler alemã, Angela Merkel, avisou a Alemanha de que os próximos meses vão ser "muito difíceis", já que o número de infeções por covid-19 continua a crescer diariamente, tendo-se registado 8.685 nas últimas …

Portugal acusado de bloquear lei europeia contra evasão fiscal pelas multinacionais

Os governos português e sueco estão a ser acusados de bloquear, no Conselho da União Europeia (UE), a deliberação de uma lei contra a evasão fiscal por parte de grandes empresas multinacionais digitais. Segundo anunciou esta …

Consumo de antibióticos desce 22% durante a pandemia. Menos 1,1 milhões de embalagens vendidas

O consumo de antibióticos registou uma descida na ordem dos 22% nos primeiros oito meses deste ano. Venderam-se menos 1,1 milhões de embalagens, quando comparado com igual período do ano passado. Entre janeiro e agosto deste …

Portugal regista mais 2.447 casos e 27 mortes por covid-19

Nas últimas 24 horas, Portugal registou mais 2.447 casos positivos e 27 mortes por covid-19. A informação foi divulgada, esta segunda-feira, no boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). O boletim epidemiológico divulgado hoje revela que …

Testes rápidos devem ser aplicados em surtos em escolas ou lares

A Estratégia Nacional de Testes para SARS-CoV-2, hoje publicada, determina que em situações de surto em escolas, lares ou outras instituições devem ser utilizados preferencialmente testes rápidos no sentido de aplicar "rapidamente as medidas adequadas …

Em Berlim, Marta Temido defende reforma e reforço de poder da OMS

A Organização Mundial de Saúde (OMS) deve ser alvo de uma reforma substancial que leve ao reforço do seu poder internacional na sequência da pandemia de Covid-19, defendeu esta segunda-feira a ministra da Saúde, Marta …

PJ faz buscas à Fiscalização e Contratação da Câmara de Barcelos

A investigação, relacionada com contractos efetuados no pelouro da vereadora Anabela Real, estão a ser investigados pela Polícia Judiciária. A Polícia Judiciária (PJ) fez hoje buscas na Câmara de Barcelos, tendo como alvo principal os serviços …