O corpo ideal? O mistério das enigmáticas figuras pré-históricas de Vénus pode ter sido resolvido

Um dos primeiros exemplos mundiais de arte, as enigmáticas estatuetas de “Vénus” esculpidas há cerca de 30 mil anos, intrigaram os cientistas durante quase dois séculos. Agora, o mistério das estranhas figuras pode ter sido desvendado.

As representação manuais de mulheres obesas ou grávidas, que aparecem na maioria dos livros de história da arte, há muito eram vistas como símbolos de fertilidade ou beleza.

Porém, de acordo com Richard Johnson, investigador do Campus Médico Anschutz na Universidade do Colorado, a chave para entender as estátuas está no clima e na dieta.

“Algumas das primeiras artes do mundo são estas misteriosas estatuetas de mulheres obesas da época dos caçadores-coletores na Idade do Gelo na Europa, onde não se esperaria ver obesidade de forma alguma”, disse Johnson, professor especializado em doenças renais e hipertensão, em comunicado. “Mostrámos que estas estatuetas estão relacionadas com momentos de stresse nutricional extremo.”

Os primeiros humanos modernos entraram na Europa durante um período de aquecimento há cerca de 48 mil anos. Conhecidos como aurignacianos, caçavam renas, cavalos e mamutes com lanças com pontas de osso. No verão,  comiam frutas vermelhas, peixes, nozes e plantas.

Porém, o clima não permaneceu estático. Com a queda das temperaturas, as camadas de gelo avançaram e o desastre instalou-se. Durante os meses mais frios, as temperaturas caíram para 10 a 15ºC. Algumas tribos de caçadores-coletores morreram, outros mudaram-se para o sul e outros procuraram refúgio nas florestas.

Foi durante esses tempos de desespero que as figuras obesas apareceram. Variavam entre 6 e 16 centímetros de comprimento e eram feitas de pedra, marfim, chifre ou ocasionalmente argila. Alguns eram usados ​​como amuletos.

Johnson e os co-autores – o professor de antropologia na American University of Sharjah John Fox e o professor de medicina na CU School of Medicine Miguel Lanaspa-Garcia, – mediram as relações cintura-quadril e cintura-ombro das estátuas.

Os investigadores descobriram que as figuras encontradas mais próximos dos glaciares eram mais obesas em comparação com aquelas localizadas mais longe e acreditam que as estatuetas representavam um tipo de corpo idealizado para as difíceis condições de vida.

“Propomos que transmitissem ideais de tamanho corporal para mulheres jovens, especialmente aquelas que viviam nas proximidades de glaciares”, disse Johnson. “Descobrimos que as proporções do tamanho do corpo eram maiores quando os glaciares avançavam, enquanto a obesidade diminuía quando o clima aquecia e os glaciares diminuíam.”

Segundo os investigadores, a obesidade passou a ser uma condição desejada. Uma mulher obesa em tempos de escassez poderia carregar um filho durante a gravidez melhor do que uma mulher desnutrida. Assim, as estatuetas podem ter sido imbuídas de um significado espiritual – um amuleto mágico que poderia proteger uma mulher durante a gravidez, o parto e a amamentação.

Muitas das estatuetas estão bem gastas, indicando que foram heranças passadas de mãe para filha durante várias gerações. As mulheres que entravam na puberdade ou nos primeiros estágios da gravidez podem tê-las recebido na esperança de transmitir a massa corporal desejada para garantir um parto bem-sucedido.

Segundo Johnson, a promoção da obesidade garantia que a tribo sobrevivesse durante mais uma geração em condições climáticas precárias.

“As estatuetas surgiram como uma ferramenta ideológica para ajudar a melhorar a fertilidade e a sobrevivência da mãe e dos recém-nascidos”, disse Johnson. “A estética da arte, portanto, teve uma função significativa ao enfatizar a saúde e a sobrevivência para acomodar as condições climáticas cada vez mais austeras.”

Este estudo foi publicado este mês na revista científica Obesity.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. tanto disparate …. como se ser ou não obeso dependesse da vontade de cada um … como se ficar obeso naquela altura fosse tão fácil como agora …. obeso com quê? A comer que açúcar? que hidratos de carbono? Que gorduras refinadas? Ficar obeso a comer carne magra de animais selvagens ???? Cambada de idiotas – queriam eles conseguir sobreviver quanto mais ficar obesos … basta irem visitar povos nómadas ainda relativamente isolados e constatar que apenas ficam obesos os idosos e ainda assim só os que têm predisposição para tal … o ser humano não consegue reduzir-se á sua insignificância – tem sempre de saber tudo e ter resposta para tudo – e depois só sai disparate ….

  2. Como é que uma mulher super-obesa pode possuir a tal saúde apregoada?
    E garantir bons partos com obesidade?
    Devem estar a brincar!

    Ainda para mais, não há qualquer evidência arqueológica ou antropológica para o chorrilho de disparates que é desfiado no pretenso trabalho “científico”!

    Já cansa receber notícias de soluções e explicações oferecidas por trabalhos pseudo-cientificos que não passam de ESPECULAÇÕES tontas feitas por chico-espertos !
    E as revistas publicam-nos !!!

    Muito mal anda a ciência médica … !

RESPONDER

Há uma nova explicação para o facto de bebés amamentados terem sistemas imunitários mais saudáveis

Um novo estudo realizado por investigadores da Universidade de Birmingham, no Reino Unido, descobriu que o leite materno promove o crescimento de importantes células imunitárias que ajudam a controlar eventuais inflamações. De acordo com o site …

PS diz que Marcelo deve vitória aos socialistas (e cobra-lhe apoio em tempos difíceis)

"A democracia venceu na primeira volta e o extremismo de direita foi derrotado". É desta forma que o presidente do PS, Carlos César, comenta os resultados das eleições presidenciais ganhas por Marcelo Rebelo de Sousa, …

"Liberdade para a Dinamarca". Novos incidentes em manifestação contra restrições

Uma manifestação contra as restrições impostas para conter a pandemia, organizada por um grupo radical, em Copenhaga, originou novos incidentes na noite de sábado e resultou em cinco detenções, relataram a polícia e os meios …

Pela primeira vez, um restaurante vegan ganha uma estrela Michelin em França

Um restaurante de comida totalmente vegan em França foi o primeiro do país a receber a desejada estrela Michelin. Localiza-se perto de Bordéus. A concessão da estrela ao ONA (Origine Non-Animale) é mais uma evidência de …

Onze mineiros resgatados com vida de uma mina de ouro na China

Onze mineiros presos há duas semanas dentro de uma mina de ouro na China, devido a uma explosão, foram hoje trazidos em segurança para a superfície, informou a televisão estatal chinesa. No dia 10 de janeiro, …

Multimilionário oferece 1 milhão em prémios por evidências de vida após a morte

Um empresário de Las Vegas, nos Estados Unidos, está a oferecer um milhão de dólares em prémios em troca de evidências de que existe vida após a morte. O investidor imobiliário e empresário espacial Robert Bigelow, …

Marcelo reeleito com 55% a 62% dos votos. Ana Gomes em segundo lugar

Marcelo Rebelo de Sousa foi reeleito para um segundo mandato como Presidente da República, após vencer as eleições deste domingo com 55% a 62% dos votos.  Segundo as primeiras projeções, Ana Gomes deverá ficar em …

Itália vai processar Pfizer e AstraZeneca devido a atrasos nas vacinas. UE pede "transparência"

A Itália vai processar a Pfizer Inc e a AstraZeneca devido aos atrasos na entrega das vacinas contra a covid-19 e para garantir os fornecimentos – não para obter compensações, disse neste domingo o ministro …

Declínio cognitivo relacionado com a idade pode ser reversível

Cientistas conseguiram reverter em ratos o declínio cognitivo causado pelo envelhecimento. O objetivo dos investigadores é que as farmacêuticas baseiem-se neste estudo para criar um composto que possa ser administrado em humanos. As células específicas do …

Afluência às urnas é menor (mas há mais votantes). Abstenção deverá ficar entre os 56 e 60%

A afluência às urnas às 16:00 nas presidenciais de hoje em Portugal, 35,4%, é a segunda mais baixa desde as eleições de 2006, ano em que este número passou a ser divulgado pela administração eleitoral. Esta …