O chocolate pode ter os dias contados

Sidney Oliveira / Arquivo Ag.Pará

O aumento da temperatura, provocado pelas alterações climáticas, pode colocar em risco a produção do cacau e a indústria mundial do chocolate em 2050.

O aumento da temperatura em 2,1 graus centígrados e o tempo mais seco característico do aquecimento global podem fazer com que as áreas de cultivo de cacau reduzam abruptamente a partir de 2050.

Segundo o Diário de Notícias, o alerta é da Administração Nacional Oceânica e Atmosférica dos EUA e em causa está o facto de as plantas de cacau necessitarem de condições muito específicas para crescer, nomeadamente temperaturas estáveis, chuva abundante, elevada humidade, solo rico em nitrogénio e proteção contra o vento.

A Costa do Marfim, o Gana e a Indonésia são, neste momento, os principais produtores de cacau, lugares onde a temperatura, a humidade e a chuva se mantêm constantes durante o ano.

Uma das soluções apontada pelos cientistas é a passagem dos locais de produção da planta de cacau para zonas mais montanhosas. Nessas áreas preservadas como refúgio da vida selvagem, o impacto das alterações climáticas iria diminuir, ainda assim, iria prejudicar os ecossistemas.

De acordo com a Visão, um grupo de investigadores da Universidade da Califórnia, em Berkeley, nos EUA, aliou-se à marca de chocolates Mars para tentar encontrar soluções, de forma a evitar a extinção do chocolate.

A equipa chegou à conclusão de que através de alterações genéticas nas sementes da planta iriam conseguir fazer com que o cacau sobrevivesse ao tempo quente e seco.

Assim, os cientistas planeiam usar uma ferramenta de edição genética – chamada CRISPR – que permite fazer alterações específicas e precisas no ADN dos organismos vivos. Esta tecnologia é já usada em várias plantações, de forma a torná-las mais resistentes ao ambiente e a parasitas.

Jennifer Doudna, geneticista da UCB que inventou o CRISPR, acredita que esta tecnologia pode ter um importante impacto na indústria alimentar. A especialista acredita que esta ferramenta pode beneficiar grandes empresas assim como agricultores amadores. “Pessoalmente, adorava ter um tomateiro com frutos que durassem mais tempo”, afirma.

Apesar de ainda não haver resultados, a equipa de cientistas considera o CRISPR uma arma importante na conservação de plantas e alimentos que possam vir a extinguir-se no futuro, tal como o cacau.

Mas, como noticia o DN, para João Branco a extinção do cacau não passa de uma especulação. O presidente da associação ambientalista Quercus afirma que o facto de a temperatura média global aumentar 2,1 graus “não quer dizer que vá aumentar nos locais onde o cacau é produzido”.

O responsável acredita que não há muitas bases científicas que sustentem o alarme. “Neste momento, há muito mais problemas com a perda de área de cultivo por causa da degradação dos solos”.

Além disso, esta é uma perspetiva preocupante mas a extinção global do chocolate em 2050 não é fundamentada neste projeto, especialmente porque o cacau pode ser cultivado noutros lugares.

“O cacau é cultivado em outros lugares, como a Austrália, e não é nativo da África”, disse à Snopes a bióloga evolutiva Ingrid Parker, da Universidade da Califórnia, em Santa Cruz.

Esta não é a primeira vez que se fala da eventual extinção do cacau. Em 2014, houve um agravamento do défice entre produção e consumo, não só por causa da seca mas também devido a uma doença fúngica.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Aconselho a que seja feita alteração na notícia: onde é dito ” a indústria mundial do cacau” deve ser dito a indústria mundial do chocolate; onde se diz a “produção do chocolate” deve ser dito a produção do cacau.

RESPONDER

“Foi torturada”. Princesa Latifa escreve carta à polícia a pedir que investigue desaparecimento da irmã

Latifa escreveu à polícia britânica em 2019. O caso da sua irmã Shamsa, raptada em Inglaterra há mais de vinte anos, tem muitas semelhanças com o drama agora vivido pela princesa. A princesa Latifa, filha do …

Pelo menos oito mortos após golpe de Estado em Myanmar. ONG pedem embargo ao fornecimento de armas

Pelo menos oito pessoas morreram em Myanmar, como resultado da violência desencadeada após o golpe de Estado realizado pelos militares a 1 de fevereiro, segundo a Associação de Assistência aos Prisioneiros Políticos (AAPP). Até agora, o …

24 mil milhões até 2025 e 100% renovável até 2030. Eis o novo plano estratégico da EDP

A EDP apresenta esta quinta-feira o seu novo plano estratégico, comprometendo-se a investir 24 mil milhões de euros até 2025 na transição energética e anunciando o objetivo de até 2030 se tornar 100% verde. Na nota …

Manchester United e Liverpool querem Raphinha, ex-Sporting

Raphinha, antigo jogador do Sporting CP e do Vitória SC, está a ser sondado pelo Manchester United e pelo Liverpool. O brasileiro tem estado em destaque na Premier League, ao serviço do Leeds. Manchester United e …

50 deputados e menos de 100 pessoas na sala. Posse de Marcelo segue modelo do 25 de Abril

Marcelo Rebelo de Sousa vai tomar posse como Presidente da República, no parlamento, no dia 9 de março, numa cerimónia em que apenas estarão presentes 50 dos 230 deputados e menos de 100 pessoas no …

Depois de um conselho nacional tenso, líder do CDS reúne-se com a bancada parlamentar

O líder do CDS vai reunir-se, esta quinta-feira, com os cinco deputados centristas para dialogarem sobre a articulação entre a direção e a bancada parlamentar. Tal como recorda o jornal Público, esta reunião de trabalho acontece depois …

Enquanto Flamengo afasta regresso de Jorge Jesus, o "Galo" vem ao ataque

O treinador benfiquista afasta o cenário de uma saída precoce do Estádio da Luz. O Flamengo rejeita o regresso de Jorge Jesus, enquanto o Atlético Mineiro manifesta o seu interesse. Jorge Jesus foi categórico: "Não vou …

"Ihor gritava como um cão atropelado". Seguranças contam nova versão em tribunal

O segurança Manuel Correia testemunhou esta quarta-feira que “ouviu gritos” de Ihor Homeniuk vindos de uma sala do SEF no aeroporto de Lisboa e que encontrou um dos inspetores com um pé em cima da …

Dos pés de Cancelo para a cabeça de Bernardo Silva. City ganha na Champions com um golo 100% português

Os internacionais portugueses João Cancelo e Bernardo Silva foram fundamentais para a vitória do Manchester City sobre o Borussia Monchengladbach (2-0), na primeira mão dos oitavos da Liga dos Campeões, com ação direta nos dois …

"População não interiorizou a gravidade da situação". Depois de Siza, Cabrita aponta o dedo aos portugueses

Num relatório sobre a aplicação do decreto do estado de emergência na segunda quinzena de janeiro, Eduardo Cabrita justifica o fecho das escolas e o fim das vendas ao postigo, culpando a população pelas decisões …